• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Renata Correia da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Carnio, Maria Silvia (Presidente)
Wertzner, Haydée Fiszbein
Paula, Fraulein Vidigal de
Santos, Maria Thereza Mazorra dos
Título em português
Compreensão de leitura e vocabulário receptivo no ensino fundamental I
Palavras-chave em português
Avaliação
Compreensão
Criança
Educação
Vocabulário
Resumo em português
INTRODUÇÃO: A compreensão de leitura é um processo complexo que envolve a construção de significado antes, durante e depois da leitura, constituindo-se como uma construção multidimensional. O bom desenvolvimento da compreensão de leitura depende de condições intrínsecas e extrínsecas depositadas sobre a criança, como a eficiência de decodificação, domínio de conhecimento, vocabulário, capacidade de fazer inferências, e fatores sociais. As condições extrínsecas parecem favorecer uma aquisição mais fácil no início do ensino fundamental. O vocabulário receptivo, um dos focos deste estudo, está relacionado às palavras que a criança compreende, e associa-se à decodificação da linguagem. OBJETIVOS: Verificar a influência do vocabulário receptivo na compreensão de leitura de textos em escolares do 3º, 4º e 5º anos do Ensino Fundamental. MÉTODOS: Todos os preceitos éticos foram realizados. O Estudo 1 (estudo piloto) constou de 11 participantes do 5º ano do ensino fundamental de uma escola particular de São Paulo, que realizaram as provas elaboradas de compreensão de leitura pelo método de perguntas e respostas, e pela técnica de Cloze, e realizaram o Teste de Vocabulário de Figuras USP com 139 estímulos. Participaram do Estudo 2, 69 estudantes do 3º, 4º e 5º ano do ensino fundamental, com média de idade de 8,2, 9,2 e 10 anos, respectivamente, sendo 35 meninas e 34 meninos, que foram classificados, de acordo com o Teste de Desempenho Escolar, como típicos. Metade da amostra realizou a prova elaborada de compreensão de leitura pelo método de perguntas e respostas, e a outra metade realizou a prova elaborada de compreensão de leitura pela técnica de Cloze, e todos os escolares realizaram o Teste de Vocabulário de Figuras USP com 139 estímulos. RESULTADOS: O Estudo 1 mostrou-se relevante para aperfeiçoamento dos métodos e aplicação no Estudo 2. Os achados do Estudo 2 demonstram que os escolares apresentaram bom desempenho em vocabulário receptivo, apesar do nível socioeconômico baixo. Os escolares tiveram melhor desempenho em perguntas explícitas do que em perguntas implícitas. Com relação à técnica de Cloze, demonstraram desempenho mais homogêneo e semelhante entre os anos escolares. Não foram observados resultados conclusivos no que diz respeito à correlação entre vocabulário receptivo e os desempenhos nas avaliações de compreensão de leitura pelos dois métodos. CONCLUSÕES: Os dois métodos de avaliação da compreensão de leitura são igualmente eficientes para investigação e caracterização da compreensão de leitura textual em escolares do 3º, 4º e 5º anos do ensino fundamental, sendo que ambos diferenciaram de forma significativa os escolares de 3º e 5º anos. A relação entre o vocabulário receptivo e a compreensão de leitura de textos, não pôde ser verificada, mas os dados indicam que há influência do vocabulário sobre a compreensão de leitura textual, principalmente quanto ao método de perguntas e respostas. Essa pesquisa traz contribuição inédita ao comparar dois métodos de avaliação de compreensão de leitura de textos em crianças típicas de ensino fundamental, tanto para os profissionais inseridos no contexto educacional, quanto para os que atuam em clínicas na área de leitura e escrita
Título em inglês
Reading comprehension and receptive vocabulary in the elementary school
Palavras-chave em inglês
Child
Comprehension
Education
Evaluation
Vocabulary
Resumo em inglês
INTRODUCTION: Reading comprehension is a complex process that involves the construction of meaning before, during and after reading, constituting itself as a multidimensional construct. The good development of reading comprehension depends on intrinsic and extrinsic conditions placed on the child, such as decoding efficiency, mastery of knowledge, vocabulary, ability to make inferences, and social factors. The extrinsic conditions seem to favor an easier acquisition at the beginning of elementary school. The receptive vocabulary, one of the focuses of this study, is related to the words that the child understands, and is associated with the decoding of the language. OBJECTIVES: To verify the influence of the receptive vocabulary in the Reading comprehension of texts in 3rd, 4th and 5th year old elementary school students. METHODS: All ethical precepts were performed. Study 1 (pilot study) consisted of 11 participants from the 5th year of elementary school in a private school in São Paulo, who carried out the elaborated tests of reading comprehension using the question and answer method, and the Cloze technique, and performed the "Teste de Vocabulário de Figuras USP" with 139 stimuli. A total of 69 students from the 3 rd, 4 th and 5 th grades of elementary school, with a mean age of 8.2, 9.2 and 10 years, respectively, were enrolled in the Study 2. Of these, 35 girls and 34 boys were classified according to the "Teste de Desempenho Escolar", as typical. Half of the sample performed the elaborate test of reading comprehension by the question and answer method, and the other half performed the elaborate reading comprehension test by the Cloze technique, and all students performed the "Teste de Vocabulário de Figuras USP" with 139 stimuli. RESULTS: Study 1 was relevant for improvement of methods and application in Study 2. The findings of Study 2 demonstrate that the students presented good performance in receptive vocabulary, despite the low socioeconomic level. Scholars performed better on explicit questions than on implicit questions. Regarding the Cloze technique, they demonstrated a more homogeneous and similar performance between school years. No conclusive results were found regarding the correlation between receptive vocabulary and reading comprehension scores by the two methods. CONCLUSIONS: The two methods of evaluating reading comprehension are equally efficient for investigating and characterizing the comprehension of reading comprehension in 3rd, 4th and 5th grade schoolchildren, both of which significantly differentiated 3rd and 5th grade schoolchildren. The relationship between the receptive vocabulary and the reading comprehension of texts could not be verified, but the data indicate that there is influence of the vocabulary on reading comprehension of texts, mainly regarding the method of questions and answers. This research contributes to the comparison of the methods of evaluation of reading comprehension of texts in typical children of elementary school, both for the professionals inserted in the educational context, as well as to work in clinics in the area of reading and writing
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-11-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.