• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Rosane Menezes Faria Dutra
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Santos, Ubiratan de Paula (Presidente)
Atik, Edmar
Neves, Itamara Lucia Itagiba
Santos, Maria Teresa Botti Rodrigues dos
Stelmach, Rafael
Título em português
Saturação periférica de oxigênio, frequência cardíaca e pressão arterial sistêmica em crianças portadoras de cardiopatia congênita cianogênica com hipofluxo pulmonar durante procedimento odontológico
Palavras-chave em português
Assistência odontológica
Cardiopatias congênitas
Cianose
Criança
Frequência cardíaca
Oxigênio
Pressão arterial
Resumo em português
INTRODUÇÃO: Crianças portadoras de cardiopatia congênita cianogênica com hipofluxo pulmonar (CCCHP) necessitam de tratamento odontológico com frequência. Não encontramos estudos na literatura sobre o impacto na oxigenação dessas crianças durante os procedimentos odontológicos. A hipótese inicial era de que essas crianças submetidas a tratamento odontológico em consultório, poderiam apresentar alterações de saturação periférica de oxigênio (SpO2), pressão arterial sistêmica (PA) e frequência cardíaca (FC). OBJETIVOS: O objetivo principal da pesquisa foi avaliar a ocorrência e magnitude de variações na SpO2, FC e PA em crianças portadoras CCCHP durante exodontia de dente decíduo. Os objetivos secundários foram avaliar o risco potencial de submeter a criança portadora de CCCHP ao tratamento odontológico em consultório e instituir protocolo de atendimento odontológico à criança portadora de cardiopatia congênita do tipo cianogênica. MÉTODOS: Foram estudados 44 pacientes, sendo 20 do grupo de estudo (GE) e 24 do grupo controle (GC), com idade entre 6 e 12 anos submetidos à exodontia de dente decíduo superior. O estudo foi dividido em três períodos: lúdico (PL); anamnese, exame clínico e radiográfico (PAER) e período de procedimento odontológico (PPO), sendo esse último dividido em quatro subperíodos: pré-procedimento (PPR), anestesia (PAN); procedimento (PP) e pós-procedimento (PPP). Durante os períodos foram realizados registros da SpO2, da FC e da PA e aplicada escala de ansiedade facial image scale para avaliação do estresse. RESULTADOS: Os valores da SpO2 , FC e PA sistólica, no GE, durante o protocolo de tratamento variaram, discreta mas significativamente (p<0.05), de 80,5 (±7,6)% a 82,8 (±7,8)%, de 98,7 (±11,0) bpm a 101,3 (±9,8) bpm e de 93,6 a 108,5 mmHg, respectivamente. O GC também apresentou variação significativa durante o procedimento. DISCUSSÃO e CONCLUSÃO: Embora tenham sido observadas alterações significantes nos marcadores estudados durante os períodos, eles foram considerados pelos autores discretos e sem relevância clínica, sendo desnecessários a interrupção do tratamento odontológico ou suporte terapêutico às crianças contrariando a hipótese inicial com base na literatura, pois, ocorreu aumento de SpO2 durante o PPO quando comparado aos períodos de menor estresse. O tratamento odontológico de crianças com cardiopatia cianogênica, com uso de um protocolo padronizado, envolvendo preparo das crianças revelou ser um procedimento seguro, o que permite sua implantação em serviços, sem suporte de centro cirúrgico, facilitando assim a abordagem destas crianças em serviços descentralizados. Os resultados encontrados sugerem que o protocolo estabelecido para o atendimento a crianças portadoras de CCCHP foi adequado
Título em inglês
Oxygen saturation, heart rate and blood pressure in children with cyanotic congenital heart disease with decreased pulmonary blood flow during dental procedures
Palavras-chave em inglês
Blood pressure
Children
Congenital heart disease
Cyanosis
Dentistry assistant
Heart rate
Oxygen
Resumo em inglês
INTRODUCTION: Children with cyanotic congenital heart disease with decreased pulmonary blood flow (CCHHP) often require dental treatment. We didnt find studies about the impact of the oxygenation in those children during dental procedures. The initial hypothesis was that these children undergoing dental treatment in the clinic could present a peripheral oxygen saturation (SpO2), systolic blood pressure (BP) and heart rate (HR). OBJECTIVES: The main objective of this research was to evaluate the occurrence and magnitude of changes in SpO2, HR and BP in children with CCHHP during extraction of primary deciduous. Secondary objectives were to evaluate the potential risk in subjecting the child with CCHHP to dental treatment in the office and establish protocol for dental care to children with congenital cyanotic type. METHODS: We studied 44 patients, 20 out of the study group (SG) and 24 from control group (CG), aged between 6 and 12 years who underwent upper primary tooth extraction. The study was divided into three periods: leisure time (LT), anamnesis, clinical and radiographic examination period (ACER) and period of dental procedure (PDP), the latter being divided into four sub-periods: pre-procedure (PPR), anesthesia (PAN); procedure (PP) and post-procedure (PPP). During periods of SpO2 records were made of HR and BP and applied an anxiety facial image scale to evaluate the stress. RESULTS: The values of SpO2, HR and systolic BP at SG during the treatment protocol varied, quite but significantly (p <0.05), 80.5 (± 7.6) to 82.8% (± 7, 8)%, 98.7 (± 11.0) to 101.3 bpm (± 9.8) bpm and 93.6 to 108.5 mmHg, respectively. The CG also varied significantly during the procedure. DISCUSSION and CONCLUSION: Although significant changes were observed during the periods studied, they were considered, by the authors, discrete and without clinical relevance, and unnecessary interruption of dental treatment or therapeutic support to children contradicts the initial hypothesis based on the literature because of an increase of SpO2 during the PPO compared to periods of lower stress. The dental treatment of children with cyanotic heart disease using a standardized protocol involving the preparation of children proved to be a safe procedure, which allows its implementation in services supported by surgical centers, thus facilitating the approach of those children in local services. The results suggest that the established protocol for the care of children with CCHHP was adequate
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-11-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.