• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2016.tde-05012016-154155
Documento
Autor
Nome completo
Mário Henrique Camargos de Lima
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Alves, Milton Ruiz (Presidente)
Castro, Aldemar Nemesio Brandao Vilela de
Cresta, Fernando Betty
Santo, Ruth Miyuki
Vieira, Luiz Antonio
Título em português
Avaliação da função visual de pacientes submetidos a transplante de córnea lamelar anterior profundo utilizando dissecção com fio
Palavras-chave em português
Ceratocone
Córnea
Técnicas de diagnóstico oftalmológico
Transplante de córnea
Transtornos da visão
Resumo em português
Objetivo: Avaliar a função visual de pacientes submetidos a transplante lamelar anterior profundo (DALK) utilizando a dissecção com tunelizador manual e fio. Métodos: Foram incluídos 33 pacientes com ceratocone que apresentavam BCVA <= 0,60 LogMar, miopia e astigmatismo entre 8,00 e 10,00D, K central médio > 53,00D, ausência de cicatrizes, espessura corneana mínima entre 300 e 400 um. Foi feita avaliação oftalmológica completa no pré e no pós-operatório de 6 a 8 meses. Estas avaliações foram complementadas com exame topográfico da córnea, microscopia especular para avaliação da densidade das células endoteliais corneanas, aberrometria corneana e exame de tomografia de coerência óptica do segmento anterior. As variáveis BCVA, UCBA e os valores totais das aberrações corneanas de alta ordem foram correlacionadas com a espessura do leito estromal residual. Resultados: Os pacientes submetidos à DALK apresentaram BCVA de 0,68 ± 0,27 LogMar o que representa BCVA superior a 20/40 em 60% da amostra analisada. Não foram observadas micro ou macroperfurações. Houve diminuição na contagem endotelial de 2702,87 ± 548,87 células por mm2 para 2282,10 ± 525,66 células por mm2 . A dissecção do estroma profundo com o fio facilitou a remoção de tecido estromal posterior, fato corroborado com o achado de que o leito residual estromal aferido foi de 49,18 ± 18,36 ?m na região central e foi inferior a 80 ?m em grande parte dos pacientes estudados. No que se refere à regularidade da dissecção, observou-se tendência a valores mais elevados de espessura residual na periferia (60,09 ± 17,70 ?m). Não houve correlação da BCVA, UCVA e do total de aberrações de alta ordem da córnea com a espessura do leito estromal residual. Conclusão: A apreciação dos resultados desse estudo mostrou que com a técnica utilizada para realização de DALK em portadores de ceratocone obteve-se resultados topográficos e funcionais semelhantes a outras técnicas consagradas pela literatura. A facilidade na dissecção do estroma profundo, a regularidade da dissecção e a presença de baixíssimo índice de conversão para transplantes penetrantes são encorajadores
Título em inglês
Assessment of visual function in patients that underwent to deep anterior lamellar keratoplasty with a manual spatula and a wire dissection
Palavras-chave em inglês
Cornea
Corneal transplantation
Eye diseases
Keratoconus
Ophthalmology
Resumo em inglês
Objective: Evaluate the visual function of patients undergoing deep anterior lamellar keratoplasty (DALK) using a manual spatula and a wire dissection. Methods: Thirty three keratoconus patients were included, meeting the following inclusion criteria: BCVA logMAR <=0,60, myopia and astigmatism between 8.00 and 10,00D, K central average > 53.00D, no corneal scars and minimal corneal thickness between 300 and 400 um. Complete ocular evaluation was performed preoperatively and postoperatively in 6-8 months. These assessments were supplemented by topographical survey of the cornea, specular microscopy to evaluate the density of corneal endothelial cells, corneal wavefront analysis and examination of optical coherence tomography of the anterior segment (Visante). The BCVA variables, UCVA and the total amounts of corneal higher-order aberrations were correlated with the the residual stromal bed thickness. Results: Patients that undergone to DALK with the described technique presented a BCVA of 0.68 ± 0.27 logMAR which represents a BCVA of more than 20/40 at 60% of the analyzed sample. There were no micro or macroperforations. We observed a small decrease in the endothelial cell count from 2702.87 ± 548.87 cells per mm2 to 2282.10 ± 525.66 cells per mm2. The dissection of the deep stroma with a wire facilitated the posterior stromal tissue removal, thus the measured stromal bed thickness was 49.18 ± 18.36 ?m in the central region and less than 80 ?m in the majority of the studied patients. As regards the dissection regularity, we showed a tendency to higher values of residual thickness at the periphery (60.09 ± 17.70 ?m). There was no correlation of the BCVA, UCVA and total corneal higher-order aberrations with the residual stromal bed thickness. Conclusion: The assessment of the study data showed that the described technique achieved a topographical and functional result similar to other techniques consecrated by literature. The shallow learning curve, the ease to perform the dissection of the deep stroma, the postoperative stromal regularity and the presence of very low conversion rate for penetrating keratoplasty are encouraging
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-01-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.