• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2008.tde-28052008-161137
Documento
Autor
Nome completo
Gabriella Di Giunta
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Sotto, Mirian Nacagami (Presidente)
Capelozzi, Vera Luiza
Cintra, Maria Letícia
Duarte, Maria Irma Seixas
Yamashita, Jane Tomimori
Título em português
Células dendríticas, expressão da forma induzida da óxido nítrico sintase e padrão de citocinas nas lesões de pitiríase liquenóide
Palavras-chave em português
Imunoistoquímica
Interleucinas/análise
Óxido nítrico
Pitiríase liquenóide/fisiopatologia
Resumo em português
INTRODUÇÃO: A Pitiríase liquenoide (PL) é doença cutânea de etiologia desconhecida. Foi recentemente classificada no grupo das discrasias linfóides de células T. Excetuando-se os estudos sobre as características fenotípicas e moleculares dos linfócitos T na PL, trabalhos relativos aos demais componentes da resposta tecidual cutânea nesta doença são escassos. MÉTODOS: Biopsias de 34 pacientes com diagnóstico clínico e histopatológico de PL foram classificadas de acordo com características histopatológicas nos grupos de pitiríase liquenóide aguda (PLA) (n = 15) e crônica (PLC) (n = 19), e submetidas a técnica imunoistoquímica para demonstração de células de Langerhans, dendrócitos dérmicos fator XIIIIa+, expressão da forma induzida da óxido nítrico sintase (iNOS), fator de necrose tumoral alfa (TNFalfa), interferon gama (IFNy) e interleucinas (IL) 12 e 10. Fez-se a comparação dos resultados obtidos entre os grupos de PLA e PLC. A expressão de iNOS foi também comparada com grupo controle de pele normal (n = 10). RESULTADOS: A população de células de Langerhans epidérmicas foi menor no grupo de PLA. O número de dendrócitos dérmicos fator XIIIa+ não diferiu entre os grupos. Foi observada expressão epidérmica e dérmica de iNOS em ambos os grupos de PL. Três espécimes do grupo controle de pele normal apresentaram fraca expressão de iNOS epidérmica e dérmica. O grupo de lesões de PLA mostrou maior expressão dérmica de TNFalfa e IFNy. A depleção de células de Langerhans epidérmicas foi acompanhada de maior expressão epidérmica de TNFalfa e IL-10. Houve correlação entre a expressão de iNOS e a população de dendrócitos dérmicos fator XIIIa+. CONCLUSÕES: Na PLA a população de células de Langerhans é menor que na PLC e se correlacionou com maior expressão epidérmica de TNFalfa e IL-10. Não houve diferenças na população de dendrócitos dérmicos fator XIIIa+ nos dois grupos de lesão. Demonstrou-se, pela primeira vez, expressão epidérmica e dérmica de iNOS nas lesões de PL. A expressão de iNOS dérmica correlacionou-se com a população dendrocítica Fator XIIIa+. Houve correlação entre a expressão de TNFalfa e de IFNy com as alterações inflamatórias da PLA. Houve correlação negativa entre a expressão dérmica de IL-12 e IL-10 nas lesões da PL. No espectro da resposta tecidual da PL participam as células dendríticas da pele, em ambiente de padrão imunológico Th1 predominante, com conseqüente indução da expressão de iNOS nos sítios de lesão.
Título em inglês
Dendritic cells, inducible nitric oxide synthase and citokines expression in pityriasis lichenoides skin lesions
Palavras-chave em inglês
Immunohistochemistry
Interleukins/analysis
Nitric oxide
Pityriasis lichenoides/physiopathology
Resumo em inglês
BACKGROUND: Pityriasis lichenoides (PL) is a cutaneous disease of unknown etiology which has been regarded as an immunologically mediated reaction. Recently, it was reclassified in the group of Cutaneous Lymphoid T cell Dyscrasia. There are few reports addressing mainly T cell subsets in PL tissue reaction. METHODS: Skin biopsies taken from 34 patients with confirmed diagnosis of PL where classified as pityriasis lichenoides et varioloformis acuta (PLEVA) (n = 15) and pityriasis lichenoides chronica (PLC) (n = 19) according to histopathological features. The skin biopsies where subjected to immunohistochemical technique to demonstrate Langerhans cells, Factor XIIIa+ dermal dendrocytes, inducible nitric oxide synthase (iNOS) expression, tumor necrosis factor alfa (TNFalfa), interferon gama (IFNy) and interleukins (IL) 12 and 10. The ensuing results were compared among the two PL groups. The iNOS results in PL group were also compared to a normal skin control group (n = 10). RESULTS: In PLEVA lesions, there was a decrease in Langerhans cells population when compared to PLC lesions. The factor XIIIa+ dermal dendrocytes number did not differ among PL groups. There was a strong epidermal and dermal iNOS expression in both PL groups. A faint iNOS expression was observed in three specimens of the control group. A higher TNFalfa and INFy expression was observed in PLEVA lesions. The Langerhans cells decrease observed in those lesions was accompanied by higher TNFalfa and IL-10 expression. There was a significant correlation between factor XIIIa+ dermal dendrocytes population and dermal iNOS expression. CONCLUSIONS: PLEVA lesions displayed a decrease in Langerhans cells number, accompanied by higher TNFalfa and IL-10 expression. There was no difference in the amount of factor XIIIa+ dermal dendrocytes in PLEVA and PLC lesions. The study demonstrated, for the first time, the iNOS expression in PL lesions. The factor XIIIa+ dermal dendrocytes population correlated to dermal iNOS expression. TNFalfa and INFy expression correlated to inflammatory alterations observed in PLEVA lesions. There was a negative correlation between IL-12 and IL-10 expression in PL lesions. Dendritic cells participate in the PL spectrum of tissue reaction which is characterized by predominant TH1 cytokines milieu that favors iNOS expression.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
GabriellaDiGiunta.pdf (3.18 Mbytes)
Data de Publicação
2008-06-11
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • DI GIUNTA, Gabriella, GONçALVES DA SILVA, Ana M., and SOTTO, Mirian N.. Inducible nitric oxide synthase in pityriasis lichenoides lesions [doi:10.1111/j.1600-0560.2008.01028.x]. Journal of Cutaneous Pathology [online], 2009, vol. 36, n. 3, p. 325-330.
  • Di Giunta, Gabriella, Gonçalves da Silva, Ana M., and Sotto, Mirian N. Inducible nitric oxide synthase in pityriasis lichenoides lesions [doi:10.1111/j.1600-0560.2008.01028.x]. Journal of Cutaneous Pathology [online], 2009, vol. 36, p. 325-330.
  • Delatin Geraldo B., et al. Células dendríticas plasmocitóides na resposta tecidual da pitiríase liquenóide. In XXVII Congresso Brasileiro de Patologia, Buzios, 2009. Resumos., 2009. Resumo.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.