• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2018.tde-01112018-112945
Documento
Autor
Nome completo
Luiz Fernando Manzoni Lourençone
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Brito Neto, Rubens Vuono de (Presidente)
Costa, Sady Selaimen da
Machado, Maria Aparecida de Andrade Moreira
Tsuji, Robinson Koji
Título em português
Prótese auditiva ativa cirurgicamente implantável de orelha média para reabilitação auditiva em pacientes com atresia aural congênita bilateral: técnica cirúrgica e resultado audiológica
Palavras-chave em português
Anormalidades congênitas
Audição
Auxiliares de audição
Correção de deficiência auditiva
Perda auditiva
Prótese ossicular
Resumo em português
Introdução: A atresia aural congênita refere-se a um espectro de deformidades da orelha presentes ao nascimento que envolve algum grau de falha no desenvolvimento do canal auditivo externo, e, muitas vezes, da membrana timpânica e dos ossículos da orelha média. Uma das consequências da atresia aural congênita é a perda auditiva condutiva que deve ser tratada precocemente a fim de evitar complicações. O uso do Vibrant soundbridge no tratamento da perda auditiva tem propiciado a melhora da audição destes pacientes em serviços de todo o mundo. Objetivo: Sistematizar e descrever a técnica cirúrgica do Vibrant soundbridge em pacientes com atresia aural congênita bilateral e descrever os resultados das avaliações audiológicas após a realização da cirurgia. Método: Doze pacientes com atresia aural congênita bilateral realizaram a cirurgia do Vibrant soundbridge e foram submetidos às avaliações audiológicas em dois momentos: antes e após seis meses da realização da cirurgia. As avaliações realizadas foram: audiometria tonal limiar, audiometria em campo livre, reconhecimento auditivo de palavras no silêncio (lista de monossílabos) e limiar de reconhecimento de sentença, e relação sinal/ruído (HINT - Brasil). Foi feita a análise dos dados por meio das estatísticas descritivas e inferenciais. Resultados: O protocolo cirúrgico utilizado para implantação do dispositivo Vibrant soundbridge em pacientes com atresia aural congênita bilateral foi descrito. Não ocorreram complicações intra ou pós-operatórias. Os limiares auditivos em campo livre melhoraram de 53,5 dB para 27,2 dB após seis meses de uso do Vibrant soundbridge (p < 0,001). O reconhecimento auditivo de palavras monossílabas melhorou significantemente após a cirurgia (de 61,0% para 91,3%). No HINT, também foi encontrada melhora estatisticamente significante (p < 0,001) do limiar de reconhecimento de sentenças que passou de 67,1dB para 45,9 dB e a média da relação sinal/ruído (S/R) melhorou de 5,6 dB para 1,4 dB (p=0,009). Conclusões: Sistematizar a técnica cirúrgica do Vibrant soundbridge em pacientes com atresia aural congênita bilateral permitiu a realização de uma cirurgia segura, sem complicações pós-operatórias, resultando na obtenção de resultados audiológicos positivos nesta população
Título em inglês
An implantable active middle ear prosthesis for auditory rehabilitation in patients with bilateral congenital aural atresia: surgical technique and results audiological
Palavras-chave em inglês
Congenital abnormalities
Correction of hearing impairment
Hearing
Hearing aids
Hearing loss
Ossicular prosthesis
Resumo em inglês
Introduction: Congenital aural atresia refers to a spectrum of ear deformities present at birth that involve some degree of failure in the development of the external auditory canal, and often the tympanic membrane and middle ear ossicles as well. One of the consequences of congenital aural atresia is conductive hearing loss that must be treated early to avoid complications. The use of Vibrant soundbridge(TM) for treating hearing loss has improved the hearing of these patients in practices worldwide. Objective: To systematize and describe the surgical technique for implanting the Vibrant soundbridge(TM) in patients with bilateral congenital aural atresia and to describe the results of postoperative audiological evaluations. Method: Twelve patients with bilateral congenital aural atresia underwent Vibrant soundbridge(TM) implantation surgery and audiological evaluations at two instances: before and 6 months after surgery. The evaluations included threshold tonal audiometry, free field audiometry, auditory word recognition in silence (list of monosyllables), sentence recognition threshold, and signal to noise ratio (HINT - Brazil). Data were analyzed through descriptive and inferential statistical methods. Results: The surgical protocol used for implantation of the Vibrant soundbridge(TM) device in patients with bilateral congenital aural atresia was described. There were no intraoperative or postoperative complications. The free-field auditory thresholds improved from 53.5 dB to 27.2 dB after 6 months of Vibrant soundbridge(TM) use (p < 0.001). The auditory recognition of monosyllable words improved significantly after surgery (from 61.0% to 91.3%). In HINT, we also found a statistically significant improvement (p < 0.001) in the sentence recommencement threshold from 67.1 dB to 45.9 dB and the mean S/R ratio improved from 5.6 dB to 1.4 dB (p = 0.009). Conclusions: Systematization of the Vibrant soundbridge(TM) surgical technique in patients with bilateral congenital aural atresia allowed safe surgery without postoperative complications and resulted in positive audiological results in the test population
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.