• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2011.tde-18022011-152029
Documento
Autor
Nome completo
Jairo Cartum
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Odone Filho, Vicente (Presidente)
Caran, Eliana Maria Monteiro
Cristofani, Lilian Maria
Diniz, Edna Maria de Albuquerque
Giglio, Auro Del
Título em português
Variáveis de prognóstico em crianças maiores de um ano portadoras de neuroblastoma disseminado
Palavras-chave em português
Criança
Neuroblastoma
Prognóstico
Resumo em português
Introdução: Os neuroblastomas apresentam grande diversidade de comportamento clínico, evoluindo desde remissão espontânea à rápida progressão e morte. Heterogeneidade clínica e biológica tem implicado em grande variedade de respostas terapêuticas, inclusive em crianças maiores de 1 ano e em estádios avançados. Objetivo: estudar quadro clínico, aspectos epidemiológicos, características laboratoriais, genéticas e histológicas em crianças maiores de 1 ano portadoras de neuroblastoma disseminado, correlacionando-os com a evolução clínica e tentando definir fatores de risco que possam influir na sobrevida e na possibilidade da indicação do transplante de medula óssea (TMO). Casuística e Métodos: as informações foram obtidas de 53 pacientes admitidos na Unidade de Oncologia (ITACI) do Instituto da Criança do HC-FMUSP no período de 1997 a 2007. Os pacientes foram estudados quanto aos seguintes fatores: sexo, idade, raça, estado nutricional, DHL, Hb, ferritina, VMA, características tumorais (tamanho, localização, metástases, histologia, MYCN), terapêutica utilizada e evolução clínica. Estudamos separadamente também os fatores preditivos para TMO. Resultados: devem ser destacados: 1) crianças submetidas à cirurgia retardada completa apresentam 5 vezes menor chance de óbito do que as demais; 2) pacientes submetidos a TMO apresentam maior sobrevida total e livre de eventos em relação ao grupo não submetido a essa modalidade terapêutica 3) a utilização de retinóides gera 14 vezes menor chance de óbito em relação ao grupo que não os utiliza. 4) surpreendentemente, pacientes com ferritina abaixo de 334 n/ug/l apresentam 8 vezes maior chance de óbito. Conclusões: Não identificamos parâmetros clínicos e laboratoriais, práticos e facilmente disponíveis, de prognóstico para subpopulações de neuroblastomas de prognóstico avançado, sendo o estudo de fatores de ordem molecular e biológicos essenciais, apesar das dificuldades em realizá-lo
Título em inglês
Prognostic variables in children older than one year with advanced neuroblastoma
Palavras-chave em inglês
Child
Neuroblastoma
Prognosis
Resumo em inglês
Introduction: Neuroblastomas (NB) have widely diverse clinical behavior, moving from spontaneous remission to progression and death. Clinical and biological heterogeneity factors determine different survival, even with children older than 1 year in advanced stages. Objective: to study the clinical presentation, epidemiology, laboratory findings, genetics and histopathologic characteristics in children older than 1 year with advanced neuroblastoma and their correlation with the survival. Also defining prognostic variables for bone marrow transplantation (BMT) indication. Casuistic and Methods: 53 selected medical records from patients older than 1 year with advanced NB admitted to the Instituto da Criança do HC-FMUSP from 1997 to 2007 were reviewed. The following risk factors were analyzed: age, sex, race, nutritional status, LDH, hemoglobin level, ferritin level, urinary VMA, tumor characteristics such as: site, histology, size, metastases, MYCN, treatment and clinical course. Results: it should be mentioned that: 1) possibility of death in children who underwent complete second look is 5 times lower than remaining ones; 2) patients who underwent BMT have better overall survival and event-free survival in comparison to the group not receiving this treatment modality. 3) the use of retinoids generates 14 times less chance of death in comparison to the group not receiving them. 4) patients whose ferritin level was below 334 n/ug/l had surprisingly 8 times more chances to die from diseases Conclusions: no simple and easily obtainable prognostic variables in a subpopulation of patients with advanced stage neuroblastoma, suitable to be widely employed in a country as ours, were identified. The study of molecular and biologics factors remains essential for precise characterization of these patients
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
JairoCartum.pdf (1.21 Mbytes)
Data de Publicação
2011-02-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.