• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2015.tde-24112015-083820
Documento
Autor
Nome completo
Julianny Cavalheiro Nery Nakano
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Liao, Adolfo Wenjaw (Presidente)
Elito Júnior, Julio
Brizot, Maria de Lourdes
Título em português
Análise comparativa de curvas de crescimento fetal em gestação gemelar com insuficiência placentária grave
Palavras-chave em português
Circunferência abdominal
Feto/crescimento
Gêmeos
Gravidez
Insuficiência placentária
Peso fetal
Ultrassonografia
Resumo em português
Objetivo: Comparar o desempenho de diferentes curvas de referência de crescimento fetal em gestações gemelares com insuficiência placentária grave. Método: Estudo retrospectivo envolvendo gestações gemelares (n=47), com fluxo diastólico zero ou reverso, no estudo dopplervelocimétrico da artéria umbilical de um dos fetos, e ambos os fetos vivos no momento do diagnóstico. Não foram incluídas gestações com anomalia fetal "major", síndrome de transfusão feto-fetal, ou de ordem maior. Em ambos os fetos (acometido, FA; e cogemelar, CG), as estimativas de peso fetal foram convertidas em escore zeta de acordo com os critérios de Hadlock, Liao e Araújo. As medidas de circunferência abdominal foram convertidas de acordo com as curvas de Hadlock, Liao, Araújo, Ong e STORK. A análise estatística foi realizada segundo modelos de equações de estimação generalizada. Resultados: A idade materna média foi 27,8 ± 7,4 anos, 24 (51%) pacientes eram primigestas, 12 (25,5%) apresentavam antecedentes clínicos significativos e 61,7% (n=29) eram monocoriônicas. A idade gestacional média no momento do diagnóstico da diástole zero ou reversa foi de 27,4 ± 4,7 semanas. A idade gestacional média do parto foi de 32,9 ± 2,9 semanas e o peso médio ao nascimento dos fetos acometidos foi de 1075 ± 469 g, e dos cogemelares, 1749 ± 544 g. No modelo investigado, foram preditores significativos do escore-zeta: sexo fetal (p < 0,001) e a interação sub-grupo (feto acometido/cogemelar) e critério (p < 0,001). As estimativas do escore zeta médio (erro padrão) para o peso fetal estimado segundo cada critério examinado foram Hadlock FA: -2.98 (0,18), CG: -1,16 (0,15), Liao FA: -2,89 (0,24), CG: -0,58 (0,19), Araújo FA: -3,05 (0,29), CG: - 0,75 (0,18). Para circunferência abdominal, Hadlock FA: -3,14 (0,26), CG: - 1,13 (0,19), Liao FA: -2,63 (0,27), CG: -0,42 (0,19), Araújo FA: -2,44 (0,22), CG: -0,71 (0,14), Ong FA: -3,36 (0,34), CG: -1,48 (0,23) e STORK FA: -2,36 (0,14), CG: -1,18 (0,10). Conclusão: Em gestações gemelares, com diástole zero ou reversa em um dos fetos, as curvas que melhor diferenciaram os fetos acometidos de seus cogemelares foram as curvas nacionais, publicadas por Liao et al. e Araújo et al
Título em inglês
Comparison of fetal growth reference ranges in twin pregnancies with severe placental insufficiency
Palavras-chave em inglês
Abdominal circumference
Fetal weight
Fetus/growth
Placental insufficiency
Pregnancy
Twins
Ultrasonography
Resumo em inglês
Objectives: To compare the performance of different fetal growth reference curves in twin pregnancies with severe placental insufficiency. Methods: Retrospective analysis of 47 twin pregnancies with absent or reverse end diastolic flow in the umbilical artery in one fetus, and both twins alive at diagnosis. Pregnancies with major fetal abnormality, twin-twin transfusion and higher order were not included. At each ultrasound evaluation, estimated fetal weight zeta-scores were calculated for both fetuses (abnormal Doppler, AD; co-twin, CT) according to the following criteria: Hadlock, Liao and Araújo. Abdominal circumference zeta-scores were calculated according to Hadlock, Liao, Araújo, Ong and STORK. Statistical analysis was performed with generalized estimating equation regression. Results: Mean maternal age was 27.8 ± 7.4 years, 24 (51%) women were primigravida, 12 (25.5%) had a previous clinical history and 29 (61.7%) were monochorionic. Gestational age at abnormal Doppler diagnosis was 27.4 ± 4.7 weeks. Gestational age at delivery was 32.9 ± 2.9 weeks and mean birthweight was 1075 ± 469 g for AD twin, and 1749 ± 544 g in CT group. Zeta-score values were significantly related to fetal sex (p < 0.001) and subgroup (abnormal Doppler/co-twin) versus criteria interaction (p < 0.001). Estimated fetal weight mean zeta-score (standard error) according to each criteria were: Hadlock AD: -2.98 (0.18), CT: -1.16 (0.15), Liao AD: -2.89 (0.24), CT: -0.58 (0.19), Araújo AD: -3.05 (0.29), CT: -0.75 (0.18). Values for abdominal circumference were: Hadlock AD: -3.14 (0.26), CT: -1.13 (0.19), Liao AD: -2.63 (0.27), CT: -0.42 (0.19), Araújo AD: -2.44 (0.22), CT: -0.71 (0.14), Ong AD: -3.36 (0.34), CT: -1.48 (0.23) and STORK AD: -2.36 (0.14), CT: -1.18 (0.10). Conclusion: In twin pregnancies with absent or reversed end diastolic flow in the umbilical artery of one fetus, affected fetuses and their co-twins are best differentiated by Liao et al. and Araújo et al. reference ranges
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-11-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.