• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Gustavo Querodia Tarelow
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Mota, Andre (Presidente)
Dantes, Maria Amelia Mascarenhas
Facchinetti, Cristiana
Schraiber, Lilia Blima
Título em português
Antonio Carlos Pacheco e Silva: psiquiatria e política em uma trajetória singular (1898-1988)
Palavras-chave em português
Antonio Carlos Pacheco e Silva
Biografia
História
História da medicina
História da psiquiatria
Política
Saúde pública
Resumo em português
O presente trabalho trata-se de uma biografia do psiquiatra Antonio Carlos Pacheco e Silva (1898- 1988) que, entre outros cargos e funções, foi diretor do Hospital de Juquery, professor catedrático da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, presidente da Federação Mundial para a Saúde Mental, deputado federal e estadual e dirigente de diversas entidades médico-científicas. O estudo almeja captar as especificidades das ações do personagem, bem como as relações que ele estabeleceu com os contextos históricos em que viveu. Pretende-se, assim, romper com as análises biográficas heroicas e laudatórias que invariavelmente incidem em determinismos e cristalizações. Para tanto, o trabalho explora os conceitos de biografia hermenêutica e de singularidade desenvolvidos respectivamente por François Dosse e Carlo Ginzburg. A carreira política de Pacheco e Silva, por sua vez, é investigada a partir das teorias acerca do pensamento conservador brasileiro e sob as indicações metodológicas sobre a construção e as implicações da paulistanidade. Considerando a necessidade de se definir uma clara e coesa periodização sobre o objeto de análise, foi realizado um recorte temporal em três Eras que tomam como base os processos históricos mais amplos e a dimensão particular da vida do biografado na perspectiva de sua atuação nos campos da psiquiatria e da política. Ao considerar a inserção do presente trabalho no campo da Saúde Coletiva, partimos do pressuposto que a História pode ser uma grande aliada na compreensão dos fenômenos sociais que permeiam os processos saúde-doença-cuidado e as ações de determinados grupos e indivíduos em meio a eles. Sendo assim, a História, ciência que se volta para a ação do homem no tempo, encontra neste campo um espaço privilegiado de troca capaz de enriquecer tanto as pesquisas realizadas pelos profissionais mais próximos dos serviços de Saúde quanto as análises dos profissionais dedicados às Ciências Sociais e Humanas. Com isso em vista, estudo empreendido se subdivide em cinco capítulos. Os dois primeiros englobam as opções teórico-metodológicas adotadas e o debate historiográfico acerca do campo biográfico, da história das práticas médicas e de Saúde, bem como sobre a vida e obra de Antonio Carlos Pacheco e Silva. Os três últimos capítulos analisam as especificidades dos diferentes momentos de sua vida, classificados como Era formativa, Era do fulgor e Era dos acirramentos. Finalmente, entende-se que o personagem analisado teve sua biografia marcada pelos diferentes contextos históricos em que viveu e que, da mesma forma, foi um indivíduo singular que assumiu posições próprias, que direcionou com maior ou menor grau de autonomia as suas escolhas, construindo, assim, um caminho biográfico peculiar
Título em inglês
Antonio Carlos Pacheco e Silva: psychiatry and politics in a singular trajectory (1898 - 1988)
Palavras-chave em inglês
Antonio Carlos Pacheco e Silva
Biography
History
History of medicine
History of psychiatry
Politics
Public health
Resumo em inglês
The present work deals with a biography of the psychiatrist Antonio Carlos Pacheco e Silva (1898-1988), who, among other positions and functions, was director of the Juquery Hospital, professor at the University of São Paulo Medical School, president of World Federation for Mental Health, federal and state deputy and leader of several medicalscientific entities. The study aims to capture the specificities of the character's actions, as well as the relationships he established with the historical contexts in which he lived. It is intended, therefore, to break with the heroic and laudatory biographical analyzes that invariably affect determinism and crystallization. For this, the work explores the concepts of hermeneutic biography and singularity developed respectively by François Dosse and Carlo Ginzburg. The political career of Pacheco e Silva, in turn, is investigated from theories about conservative brazilian thought and under the methodological indications about the construction and implications of "paulistanity". Considering the necessity to define a clear and cohesive periodization on the object of analysis, a temporal cut was made in three Ages based on the broader historical processes and the particular life dimension of the biographer in the perspective of his work in the fields of psychiatry and politics. In considering the insertion of the present work in the field of Public Health, we assume that History can be a great ally in the understanding of the social phenomena that permeate the health-disease-care processes and the actions of certain groups and individuals among them. Thus, history, a science that turns to the action of man in time, finds in this field a privileged space of exchange capable of enriching both the researches carried out by professionals closer to the health services and the analyzes of professionals dedicated to the Social and Human Sciences. With this in view, study undertaken is subdivided into five chapters. The first two encompasses the theoretical-methodological options adopted and the historiographic debate about the biographical field, the history of medical and health practices, as well as the life and work of Antonio Carlos Pacheco e Silva. The last three chapters analyze the specificities of the different moments of his life, classified as Formative Age, Age of Glow and Age of Disputes. Finally, it is understood that the analyzed character had his biography marked by the different historical contexts in which he lived and that, likewise, it was a singular individual who assumed his own positions, that directed with a greater or lesser degree of autonomy his choices, constructing, thus, a peculiar biographical path
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-05-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.