• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2009.tde-31082009-152055
Documento
Autor
Nome completo
Erika Bezerra Parente
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Halpern, Alfredo (Presidente)
Mancini, Márcio Corrêa
Nakandakare, Edna Regina
Tambascia, Marcos Antonio
Zanella, Maria Teresa
Título em português
Influência da composição da dieta na gordura intramiocelular, função endotelial e resistência à insulina, em mulheres jovens com sobrepeso metabolicamente saudáveis
Palavras-chave em português
Espectroscopia de ressonância magnética
Gorduras na dieta
Lipídeos
Pletismografia
Sobrepeso
Resumo em português
Dietas ricas em gordura ou carboidrato têm sido difundidas e consumidas nas últimas décadas, entretanto pouco é conhecido sobre as consequências metabólicas destas em longo prazo. Neste estudo, foram analisados a quantidade de gordura intramiocelular (IMCL), a função endotelial, além da lipemia, glicemia, insulinemia e resistência à insulina após semanas de dieta rica em gordura ou carboidrato, perdendo ou mantendo peso. De 43 mulheres triadas com sobrepeso (25< BMI <29.9 Kg/m2), 22 foram randomizadas para duas diferentes sequências de dietas. O IMCL foi medido através de espectroscopia por ressonância magnética 1H e a função endotelial pela pletismografia. Após 4 semanas de dieta rica em carboidrato, mantendo peso, foi observado aumento no IMCL do músculo tibial anterior (2.06 ± 1.27 vs. 3.52 ± 1.92, p=0.04) e na insulinemia em jejum (11.55 ± 4.43 vs. 14.03 ± 5.23, p=0.04), enquanto a dieta rica em gordura, no mesmo período, ocasionou aumento no HDL-C (37.06 ± 8.42 vs. 42.5 ± 9.32, p=0.003) e redução nos níveis de triglicerídeos em jejum (102,83 ± 34,10 vs. 75,83 ± 20,91, p=0,02). A função endotelial, colesterol total, LDL-C e resistência à insulina não mudaram durante esta fase. A perda de peso (média de 5%, por 8 semanas), não promoveu modificações nos parâmetros metabólicos vistos com a dieta de manutenção de peso. A partir destes resultados, concluiu-se que a ingestão de dieta rica em carboidrato, por 4 semanas de manutenção de peso, aumenta a insulinemia em jejum e o IMCL do músculo tibial anterior, enquanto a dieta rica em gordura pelo mesmo período aumenta o HDL-C e reduz triglicerídeos em mulheres saudáveis com sobrepeso.
Título em inglês
High fat and high cab diet effects on intramyocellular lipids, endothelial function and insulin resistance in young metabolic healthy overweight women
Palavras-chave em inglês
Dietary fats
Lipid metabolism
Magnetic resonance spectroscopy
Plethysmography
Resumo em inglês
High fat or high carbohydrate (cab) diet have been widely difunded and consumed during last decades; however it is not clear their metabolic effects in long term. In the present study we analyzed intramyocellular lipids (IMCL), endothelial function, plasma lipids, glucose, insulin and insulin resistance after high fat or high cab diet during weeks, maintaining or losing weight. 43 overweight women (25< BMI <29.9 Kg/m2) were screened, 22 of them were randomized to two different diet sequence. IMCL was measured by using 1H magnetic resonance spectroscopy and endothelial function by using plethysmography method. Tibialis anterior IMCL (2.06 ± 1.27 vs. 3.52 ± 1.92, p=0.04) and fasting insulinemia increased (11.55 ± 4.43 vs. 14.03 ± 5.23, p=0.04) after four weeks of high cab diet after maintenance phase, while fasting HDL-C increased (37.06 ± 8.42 vs. 42.5 ± 9.32, p=0.003) and triglycerides levels decreased (102.83 ± 34.10 vs. 75.83 ± 20.91, p=0.02) after maintenance phase of high fat diet. Endothelial function, total cholesterol, LDL-C and insulin resistance did not alter during maintenance phase. A weight loss of 5%, after eight weeks, did not promote changes in the metabolic parameters, as seen during maintenance phase. Based on these results, it was concluded that high cab diet, four weeks with no weight change, increases tibialis anterior IMCL and fasting insulinemia, while high fat diet during same period increases HDL-C and decreases triglycerides in a healthy overweight women population.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
erikaParente.pdf (320.01 Kbytes)
Data de Publicação
2009-09-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.