• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2005.tde-17042006-105553
Documento
Autor
Nome completo
Priscila de Arruda Trindade
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2005
Orientador
Banca examinadora
Levin, Anna Sara Shafferman (Presidente)
Barone, Antonio Alci
Branchini, Maria Luiza Moretti
Medeiros, Eduardo Alexandrino Servolo de
Pignatari, Antonio Carlos Campos
Título em português
"Caracterização molecular da resistência a oxacilina em isolados de Staphylococcus aureus hospitalares e comunitários"
Palavras-chave em português
Epidemiologia molecular
Infecção hospitalar
Resistência à meticilina
Staphylococcus aureus
Resumo em português
Os objetivos do presente estudo foram avaliar os perfis de sensibilidade a antimicrobianos de MRSA isolados de sangue, identificar o tipo de SCCmec e analisar o perfil de DNA desses isolados para verificar a existência de linhagens predominantes. Amostras de MRSA isoladas de sangue foram submetidas ao teste de triagem em ágar para detecção de resistência a oxacilina, teste de sensibilidade aos antimicrobianos, PCR multiplex para detecção dos genes mecA e coa e do tipo de SCCmec, tipagem molecular por PFGE. 89% das amostras de MRSA foi de origem hospitalar. Foi observado multirresistência em 69% dos isolados. 83% dos isolados apresentaram SCCmec tipo IIIA e um perfil PFGE predominante. Foram observadas amostras de MRSA sensíveis a diversas classes de antimicrobianos, portando SCCmec tipo IV, associadas a infecção de origem hospitalar e a tipagem molecular permitiu observar o predomínio de um clone, disseminado em todo o complexo HC
Palavras-chave em inglês
Cross infection
Epidemiology molecular
Methicillin resistance
Staphylococcus aureus
Resumo em inglês
The aims of this study were to evaluate the susceptibility profile of MRSA strains isolated from blood, identify the SCCmec types and analyze the DNA profile in order to determine if there were predominant lineages. Consecutive MRSA blood isolates were submitted to oxacillin agar screening test, antimicrobial susceptibility test, multiplex PCR to detect mecA and coa genes, SCCmec typing and molecular typing by PFGE. 89% of the isolates were nosocomial-acquired. 69% of strains were observed to be multiresistant. 83% of the 223 isolates had SCCmec type IIIA and had a predominant DNA pattern by PFGE. Some strains nosocomial-acquired had SCCmec type IV, resistance only to beta-lactams and demonstrated PFGE pattern with one predominant clone
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2006-04-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.