• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2007.tde-14082007-143229
Documento
Autor
Nome completo
Maria Teresa Assumpção Machado Sodré
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Michaluart Junior, Pedro (Presidente)
Abrahão, Márcio
Brandao, Lenine Garcia
Montenegro, Fábio Luiz de Menezes
Stabenow, Elaine
Título em português
Avaliação da imunidade celular em pacientes com carcinoma epidermóide de cabeça e pescoço e sua correlação com nutrição, tamanho tumoral e recidiva
Palavras-chave em português
Avaliação nutricional
Carcinoma de células escamosas
Imunidade celular
Neoplasias de cabeça e pescoço
Recidiva.
Resumo em português
INTRODUÇÃO: a imunidade celular de pacientes com carcinoma epidermóide de cabeça e pescoço tem sido foco de muitos estudos nas últimas décadas. As alterações do sistema imune parecem estar relacionadas com a progressão da doença. A avaliação da imunidade celular desses casos é necessária para programar estratégias de imunoterapia. A deficiência nutricional, o tamanho tumoral e a recidiva são fatores que também podem estar relacionados com a piora imunitária e clínica. O objetivo deste trabalho foi verificar se portadores de carcinoma epidermóide de cabeça e pescoço têm imunidade celular e estado nutricional diferente de controles e sua correlação com tamanho tumoral e recidiva. MÉTODOS: foram avaliados 155 pacientes admitidos nos serviços de cirurgia de cabeça e pescoço e cirurgia geral do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, entre 16 de agosto de 2005 a 31 de julho de 2006. Houve 52 controles e 103 casos com diagnóstico de carcinoma epidermóide de trato aerodigestivo alto, subdivididos em 29 casos pré-tratamento, 47 pós-tratamento sem doença e 27 pós-tratamento com doença. Foi realizada entrevista clínica, contendo dados demográficos, presença de tabagismo, etilismo e co-morbidades, e avaliado o índice de Karnofsky. Dados do tumor e tratamento foram anotados. Foi realizada avaliação nutricional antropométrica, através da medida do peso, estatura e índice de massa corpórea (IMC). A avaliação da composição corpórea foi feita através de bioimpedância elétrica, utilizando-se a porcentagem de massa magra em homens e mulheres. Os critérios bioquímicos usados foram concentração plasmática de albumina e contagem total de linfócitos (CTL). A avaliação da imunidade celular foi feita através de testes cutâneos com 3 antígenos (PPD, tricofitina e candidina). O tamanho tumoral também foi medido. A análise estatística foi feita através de média, desvio padrão, ANOVA e Bonferroni para variáveis numéricas e teste qui-quadrado de Pearson para as categóricas. RESULTADOS: As médias de IMC, albumina e CTL foram diferentes entre os grupos (p<0,0001), sendo que os recidivados diferiram nos 3 critérios nutricionais dos outros grupos, com média menor. Quanto à resposta aos testes cutâneos, comparando-se todos os grupos, não houve diferença (p=0,08). Quando comparados os grupos 2 a 2, no entanto, houve diferença entre controles e recidivados (p=0,02) e casos pré-tratamento e recidivados (p<0,002). A idade não alterou a positividade ao teste cutâneo nos casos, porém ela foi diferente nos controles, com idosos apresentando mais anergia em relação a adultos (p=0,04). A resposta aos testes cutâneos não foi diferente de acordo com o estado nutricional e com o tipo de procedimento realizado. Porém, nos casos pós-tratamento sem doença, a média de IMC e CTL diferiu entre grupos tratados por cirurgia e os que incluíram, além de cirurgia, radioterapia (p<0,05). O estádio clínico não apresentou relação com a nutrição e imunidade. A resposta ao teste cutâneo também não foi diferente de acordo com o tamanho tumoral. CONCLUSÕES: Pacientes com carcinoma epidermóide de cabeça e pescoço têm estado nutricional diferente de controles, sendo pior nos casos recidivados. Houve diferença de porcentagem de anergia entre os recidivados, quando comparados com controles e casos pré-tratamento, sendo maior nos primeiros. Não houve relação da imunidade celular com o estado nutricional e com o tamanho tumoral.
Título em inglês
Avaliation of the cellular imunity in patients with squamous cell carcinoma of the head and neck and its correlation with nutrition, tumor size and recurrence
Palavras-chave em inglês
Carcinoma squamous cell
Head and neck neoplasms
Immunity cellular
Nutritional assessment
Recurrence.
Resumo em inglês
INTRODUCTION: the cellular immunity of patients with head and neck cancer has been studied for many authors at the last decades. The alterations of the immune system seems to be related with the progress of the disease. The avaliation of the cellular immunity at these patients is necessary in order to program strategies of immunotherapy. Malnutrition, tumor size and recurrence are related to a worse immunity and clinical outcome. This study was intended to verify if patients with squamous cell carcinoma of the head and neck have different cellular immunity and nutrition from others that do not have cancer, and their correlation with tumor size and recurrence. METHODS: there were 155 patients admitted at Hospital das Clínicas of the University of São Paulo Medical School, from August, 2005 to July, 2006. There were 52 controls and 103 cases with squamous cell carcinoma of the head and neck, which were divided in cases pretreatment (n=29), posttreatment without evidence of disease (n=47) and with recurrence (n=27). All patients were interviewed. Questions about age, sex, smoking, drinking and comorbidities were asked. The Karnofsky status performance was evaluated. Tumor's site, stage and treatment were noted. Nutritional assessment with anthropometric measures as weight, height and body mass coefficient (BMC) was done. Electrical bioimpedance was used to get men and women thin mass percentage. The level of albumin and total lymphocyte count (TLC) were used as biochemical criterias of nutrition. The cellular immunity was checked by the pattern of response to skin tests with 3 antigens (PPD, tricophitin and candidin). Tumor size was measured. Statistics were performed with median, ANOVA and Bonferroni for numeric variables and with Pearson's chi-square test for the string ones. RESULTS: The medians of BMC, albumin anc TLC were different between cases and controls (p<0,0001), and patients with recurrence had all nutritional criterias lower than the others. Skin tests were different , and cases with recurrence were more anergic thatn controls. Age does not alter the skin test response in cases, but in controls, patients with age above 65 years had more anergy than the others (p=0,04). Skin tests response was not different in relation of nutritional status and with the treatment used in cases that were treated. But, in cases treated and without evidence of recurrence, the nutritional status was different for all criterias. Stage of the tumour does not reveal any relation with nutrition and cellular immunity. So do the cellular immunity for tumor size. CONCLUSIONS: patients with squamous cell carcinoma of the head and neck have nutritional status different from controls, and worse at the patients with recurrence. There was no difference at the cellular immunity relationated with tumor size and nutritional status.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
mariatamsodre.pdf (611.57 Kbytes)
Data de Publicação
2007-08-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.