• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Paula Frassinete de Queiros Siqueira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Francisco, Maria de Fatima Simoes (Presidente)
Amaral, Maria Nazare de Camargo Pacheco
Critelli, Dulce Mara
Rezende, Neide Luzia de
Rossatto, Noeli Dutra
Título em português
A hermenêutica de Paul Ricoeur: da poética à teoria da narrativa e à identidade narrativa
Palavras-chave em português
cogito
configuração
exegese
ficção
hermenêutica
idem
identidade narrativa
ipse
ipseidade
katharsis
mesmidade
mimesis
muthos
narrativa
poiesis
prefiguração
refiguração
Resumo em português
Essa tese realiza, em um primeiro momento, uma investigação sobre a vinculação e o diálogo que pensamento de Paul Ricoeur estabelece com outras tendências filosóficas, em especial aquelas formuladas por Wilhelm Dilthey, Martin Heidegger e Hans-Georg Gadamaer e com a fenomenologia de Edmund Husserl, com ênfase em seu método fenomenológico. Nesse momento, também apresenta o diálogo que Paul Ricoeur mantém com a filosofia reflexiva de Nabert e as críticas que faz às chamadas filosofias do sujeito, em especial ao Cogito cartesiano. Apresenta dessa forma, os principais conceitos da filosofia hermenêutica, desde Friedrich Shcleiermacher, seu principal precursor, até Hans- Georg Gadamer, com ênfase na contribuição que Paul Ricoeur oferece para esse campo. Em um segundo momento, este trabalho examina a aplicação, por Paul Ricoeur, dos conceitos de sua hermenêutica na exegese que faz da Poética de Aristóteles, precisamente do ternário mimesis, muthos e katharsis. Apresenta, em seguida, a reinscrição que Ricoeur promove de seus resultados em uma teoria da narratividade, que ele chama de metagênero do narrativo. Este trabalho faz um recorte nesse metagênero, passando a acompanhar apenas o desenvolvimento promovido por Ricoeur que dá lugar à narrativa de ficção. Em seguida, examina esses conceitos, que se endereçam para a constituição da hermenêutica do si e tem na noção de identidade narrativa seu principal núcleo. No último momento, este trabalho realiza uma apropriação, no sentido gadameriano, dessa noção promovendo uma aproximação dela com o universo ficcional de Grande sertão:veredas, de João Guimarães Rosa. Por último, de forma muito breve, apresenta uma síntese das principais decorrências éticas, no sentido aristotélico, dessa noção.
Título em inglês
The hermeneuthical theory of Paul Ricoeur: from Aristoteles' Poetics to narrativity and narrative indentity
Palavras-chave em inglês
cogito
configuration
exegesis
fiction
hermeneutics
idem
ipse
ipseidade
katharsis
mimesis
Muthos
narrative
narrative identity
poiesis
prefiguration
refiguration
sameness
Resumo em inglês
This argument holds, in a first moment, a research on the linkage and dialogue that Paul Ricoeur establishes with other philosophical trends, especially those made by Wilhelm Dilthey, Martin Heidegger, Hans-Georg Gadamaer and Edmund Husserl, with emphasis on the phenomenological method. At that time, it also shows the dialogue that Paul Ricoeur maintains with Naberts reflective philosophy and the critics made to the philosophies of the self, in particular the Cartesian Cogito. Thus presents the main concepts of hermeneutic philosophy, since Friedrich Shcleiermacher, its principal precursor, until Hans-Georg Gadamer, with emphasis on the contribution that Paul Ricoeur offers for this field. Later, this work examines the application done by Paul Ricoeur of the concepts of his hermeneutic at the exegesis done at Aristotles Poetics, precisely the mimesis ternary, Muthos and katharsis. Then it shows the reinscription that Ricoeur promotes of his results on a theory of narrative, which he calls "narrative meta-category. This work highlights this meta-category, monitoring only the development promoted by Ricoeur giving rise to the fiction narrative. Then examines these concepts, which address for the establishment of the "hermeneutics of self" and the core is the narrative identity notion. After that, this work takes ownership, in a gadamerian sense, of notion promoting an approach with the fictional universe of Grande Sertão Veredas, from João Guimarães Rosa. Finally, very briefly, presents a summary of the main ethical consequences, the Aristotelian sense, of that notion.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ABSTRACT.pdf (17.34 Kbytes)
agradecimentos.pdf (12.94 Kbytes)
bibliografia.pdf (40.55 Kbytes)
conclusao2.pdf (20.54 Kbytes)
Dedicatoria.pdf (5.10 Kbytes)
INDICE.pdf (15.81 Kbytes)
primeirocapitulo2.pdf (327.66 Kbytes)
Resumo.pdf (19.77 Kbytes)
SEGUNDOCAPITULO.pdf (352.46 Kbytes)
Terceirocapitulo.pdf (234.62 Kbytes)
Data de Publicação
2010-09-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.