• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2005.tde-24012006-125548
Documento
Autor
Nome completo
Marcelo Krokoscz
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2005
Orientador
Banca examinadora
Araujo, Valeria Amorim Arantes de (Presidente)
Machado, Nilson Jose
Vasconcelos, Mario Sergio
Título em português
Aids na escola: representações docentes sobre o cotidiano dos alunos e alunas soropositivos
Palavras-chave em português
aids e escola
alunos com aids
Modelos organizadores
representações docentes
Resumo em português
Pouco sabemos sobre o cotidiano escolar dos alunos e alunas com aids. Visando investigar essa realidade, a presente pesquisa tem como principal objetivo identificar quais os modelos organizadores aplicados por uma amostra de docentes na resolução de situações do cotidiano escolar, envolvendo alunos e alunas portadores do HIV/aids e quais são os valores presentes em tais modelos. Adotamos como referencial teórico-metodológico a Teoria dos Modelos Organizadores do Pensamento, uma abordagem sobre o funcionamento psicológico. Participaram desse estudo 83 professores/as de escolas públicas e privadas de Educação Infantil e Ensino Fundamental dos municípios de São Paulo e Cajamar. Realizamos um levantamento exploratório das situações vivenciadas por 23 desses profissionais para a elaboração do instrumento definitivo de pesquisa. Destacamos, através desse procedimento, as seguintes temáticas relacionadas ao cotidiano escolar dos alunos e alunas com aids na ótica dos educadores: o risco de transmissão do HIV/aids, as dificuldades de aprendizagem dos alunos com aids e a inclusão deles na escola. Elaboramos três questionários com sete questões sobre estes temas que foram respondidos por 60 sujeitos. Para chegar aos modelos organizadores elaborados por esses sujeitos, analisamos os pensamentos e ações descritas, caracterizados pela integração de elementos abstraídos e retidos pelo sujeito, significados atribuídos e implicações estabelecidas a partir das situações apresentadas. Verificamos uma variedade de representações nos modelos elaborados, que permite avançar nas discussões sobre o cotidiano escolar dos alunos e alunas com aids em particular e sobre as práticas escolares em geral
Título em inglês
Aids and school: Teacher representations about aids infected students´ everyday school life
Palavras-chave em inglês
AIDS and school
AIDS students
Organizing models
teacher representations
Resumo em inglês
Little is known regarding AIDS infected students´ everyday school life. Aiming at investigating this reality, the present research considers its main purpose to identify which organizing models applied to a sample of teachers in the resolution of everyday school situations, comprehending HIV/AIDS infected students and what the present values in these models are. We have adopted as theoretical-methodological referential, the Theory of Organizing Models of the Thought, an approach about the psychic operation. Eighty-three teachers, from public and private schools (Kindergarten and Primary) in the municipal district of São Paulo and Cajamar, have taken part in this study. We have accomplished an exploration survey of lived situations by 23 of these professionals to the elaboration of the definitive tools of the research. We have pointed out through this procedure, the following thematic situations related to the everyday school life of the AIDS students in the view of the educators: the HIV/AIDS transmission risk, the difficulties of AIDS students’ learning, and the inclusion of students in schools. We have elaborated three questionnaires with seven questions about these topics that were answered by 60 individuals. To come to the elaborated organizing models by these people, we have analyzed the reported thoughts and actions, characterized by the integration of abstracted and retained elements by the person, assigned meanings and established plots from the presented situations. We have checked a variety of representations in the elaborated models that allow developing in the discussions about everyday school life with AIDS infected students in particular and school practices in general
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2006-02-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.