• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2018.tde-19042018-155154
Documento
Autor
Nome completo
Gabriel Costa de Souza
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Silva, Maria de Lourdes Ramos da (Presidente)
Esperidião, Neide
Severino, Francisca Eleodora Santos
Título em português
Identidade profissional do professor de música: estudo de caso em Itupeva-SP
Palavras-chave em português
Educação escolar básica
Identidade
Identidade profissional
Professores de música
Resumo em português
Este trabalho é um estudo de caso que analisa os processos envolvidos na constituição da identidade profissional de professores de música que lecionam na educação básica. Toma-se a cidade de Itupeva como local do estudo porque a disciplina de música integra a grade curricular de sua rede de ensino e, portanto, seu professores efetivos são licenciados em música. O estudo se desenvolve a partir de pesquisa de campo e entrevistas semiestruturadas com 13 professores de escolas públicas municipais em Itupeva. Inicialmente, discutem-se os conceitos de identidade e identidade profissional com base nas contribuições de Dubar (1997, 2009), Bauman (2005), Ciampa (2001), Tadeu Silva (2014) e Hall (2006, 2014). Em particular, a abordagem da identidade profissional docente fundamenta-se em Maria de Lourdes Ramos da Silva (2007, 2008, 2009), Pimenta (1997), Nóvoa (1991, 2007), Tardif (2002) e Penin (2009). Considerada em seu caráter processual, plural e transitório, a identidade profissional envolve a noção de igualdade e diferença, a trajetória biográfica do sujeito, suas relações no contexto de trabalho, o uso de identificações na reivindicação e atribuição de identidades e a atividade profissional do professor de música. Vista de uma perspectiva processual, ou seja, em constante transformação, a identidade implica também a perspectiva sócio-histórica (BOCK; GONÇALVES; FURTADO, 2001), que norteia este trabalho. Assim, discute-se como a trajetória do ensino de música no Brasil influencia a constituição da identidade do professor de música no contexto atual. Pela análise de conteúdo (BARDIN, 2011), os dados são classificados em três categorias principais: trajetória de vida e formação acadêmica; ações e saberes do professor de música; e contextos de atuação e perspectivas profissionais. Nesses termos, identificaram-se aspectos representativos do processo de constituição identitária dos professores de música, entre eles, o acesso ao ensino de música na infância, a influência do ensino superior na construção de saberes pedagógico-musicais, as relações estabelecidas com a equipe escolar e com os demais professores de música, o modo como definem sua profissão e as práticas pedagógicas desses professores em sala de aula.
Título em inglês
Music teachers professional identity: a case study in Itupeva-SP
Palavras-chave em inglês
Basic education
Identity
Music teachers
Teachers professional identity
Resumo em inglês
The present case study analyzes the processes involved in shaping the professional identity of K-12 music teachers. The city of Itupeva was selected as the study site since music is part of its basic education curriculum and, therefore, all tenured music teachers have an undergraduate degree in music education. The study is based on field research and semi-structured interviews with 13 teachers from Itupeva municipal schools. First, the concepts of identity and professional identity shall be discussed in light of contributions by Dubar (1997, 2009), Bauman (2005), Ciampa (2001), Tadeu Silva (2014), and Hall (2006, 2014). The view on teachers professional identity, in particular, comes from Maria de Lourdes Ramos da Silva (2007, 2008, 2009), Pimenta (1997), Nóvoa (1991, 2007), Tardif (2002), and Penin (2009). Considering its processual, plural and transient nature, a subjects professional identity involves the notion of equality and difference, their life story, relationships in the workplace, the use of identifications in claiming and giving others an identity, as well as their professional activity. From a processual, i.e. ever-changing, perspective, identity also encompasses a social and historical perspective (BOCK; GONÇALVES; FURTADO, 2001), which guides this study. Then, we shall see how the history of music education in Brazil influences the shaping of music teachers identity today. By using content analysis (BARDIN, 2011), the data shall be classified into three major categories: life story and academic background; music teachers actions and knowledge; and professional context and prospects. With that in mind, representative aspects of music teachers process of identity formation shall be identified; among them: access to music classes as a child, the influence of higher education on building their musical and pedagogical framework, relationships established with the school staff in general and more specifically with other music teachers, the way they define their profession, and their pedagogical practices in the classroom.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-05-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.