• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.48.2012.tde-05112012-103637
Documento
Autor
Nome completo
Lincoln Tavares Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Catani, Afranio Mendes (Presidente)
Abreu, Maria Teresa Tedesco Vilardo
Castellar, Sonia Maria Vanzella
Kruppa, Sonia Maria Portella
Tura, Luiz Fernando Rangel
Título em português
Sentidos da relação escolacomunidade: permanências e potencialidades
Palavras-chave em português
Comunidade
Educação
Escola
Representações sociais
Resumo em português
O presente trabalho objetiva captar os sentidos atribuídos por membros de escolas e comunidades do estado do Rio de Janeiro ao que denominamos de relação escolacomunidade. Baseando-nos na abordagem teórica das representações sociais fundamentada por Serge Moscovici, Denise Jodelet e Jean-Claude Abric, em nosso trabalho, partimos de uma preocupação que norteou toda a pesquisa. Centramos estudos em conhecer melhor, a partir do princípio que caracteriza a representação como uma forma de saber prático, ligando um sujeito a um objeto, o que/como pensam os(as) estudantes do Ensino Médio de escolas públicas estaduais e integrantes da delegação fluminense da Conferência Nacional de Educação 2010, a partir do seu lugar, sobre a prática relacional entre escola e comunidade. Compreendemos que as representações e práticas estabelecidas pelos pesquisados inserem-se em tempos-espaços não cristalizados, sujeitos às dinâmicas socioculturais que ora seguem, ora modificam, ora transgridem as regras estabelecidas e institucionalizadas fora de seus cotidianos. Por meio de questionários, buscamos captar aspectos aventados pelos respondentes sobre os processos que influenciam seus convívios e suas concepções comunitárias, assim como sobre suas relações com a escola, delineando seus processos centrais e periféricos. O outro instrumento de campo que possibilitou captar mais profundamente as representações dos atores sociais foi a entrevista. Ela serviu para contextualizar e nos aproximar de ações, discursos, possíveis contradições, propostas, valores, normas, entre outros aspectos aventados pelos sujeitos, sobre a relação escola-comunidade. Houve uma centralidade de representações em torno da educação, como ideia focalizada a partir dos atores que frequentam as escolas. Por sua vez, esta centralidade não se manteve no que diz respeito aos atores que frequentaram a CONAE 2010, que indicaram um direcionamento dos sentidos para processos mais coletivos, relacionados à comunicação e à participação. Isso ocorreu mesmo estando estes atores numa conferência que previa metas e rumos para a educação brasileira para o decênio 2011-2020. Entendemos que tais polarizações são resultantes possíveis das inserções diferenciadas dos pesquisados nas culturas e das táticas desenvolvidas pelos mesmos como formas de interligarem cada um dos contextos vividos. Resultam de sínteses, retrocessos e avanços, compartilhados ou não, de uma novidade, a relação escolacomunidade, no emaranhado dos espaços-tempos-relações. Tais emaranhados não se opõem. Porém, em nosso entendimento, precisam ser aproximados em costuras mais cerzidas.
Título em inglês
Senses of the escolacomunidade relationship: maintenances and potentialities.
Palavras-chave em inglês
Community
Education
School
Social Representations
Resumo em inglês
The present work aims to capture the meanings assigned by members of schools and communities in the state of Rio de Janeiro to what we call relationship escolacomunidade. Based on Social Representations theory founded by Serge Moscovici, Denise Jodelet and Jean-Claude Abric, in our work, we started from a concern that guided all the research. Studies have focused on better understanding, from the principle that characterizes the representation as a mean of practical knowledge, linking an individual to an object, what/how think high school students from public schools and members of Rio de Janeiro´s delegation at the National Conference on Education 2010, "from its place" on the relational practice between school and community. We understand that the representations and practices established by the respondents fall into time-space which is not crystallized. Related to the sociocultural dynamics that sometimes follow, sometimes modified, sometimes transgress the institutionalized rules beyond their daily lives. Through questionnaires, we sought to capture aspects bandied about by the respondents associated with processes that influence their conceptions and their community gatherings, as well as on its relations with the school, outlining their central and peripheral processes. The other field instrument that allowed us to capture deeper representations of social actors was the interview. It served to contextualize and let us closer to actions, speeches, possible contradictions, proposals, values, norms, among other things brought by the actors on the school-community. There was a centrality of representations about education as a focused idea of the attending schools actors. In turn, this centrality was not maintained when we refer to the actors who attended to CONAE 2010, which indicated meanings that lead to more collective processes related to communication and participation. That occurred even though these actors were in a conference which provided goals and directions for Brazilian education for the decade 2011-2020. We believe that such polarizations are results of possible insertions of participants in different cultures and tactics developed by themselves, as ways to interconnect each one of the lived contexts. The polarizations result of synthesis, advances and setbacks, shared or not, and of a novelty, the relationship escolacomunidade, among the tangle of space-time-relations. Such tangles are not opposed. However, in our view, they must be weaved in more consistent seams.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
anexo_rev.pdf (3.96 Mbytes)
corpo_rev.pdf (1.77 Mbytes)
Data de Publicação
2012-11-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.