• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.46.1999.tde-23042007-074957
Documento
Autor
Nome completo
Wagner Quintilio
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1999
Orientador
Banca examinadora
Raw, Isaias (Presidente)
Ribeiro, Ana Maria Carmona
Sampaio, Misako Uemura
Título em português
Proteína de 18kDa de Mycobacterium leprae: um modelo de carregadora para vacinas de segunda geração
Palavras-chave em português
Lipossomos
Proteína carregadora
Vacinas
Resumo em português
O principal problema no desenvolvimento de vacinas de segunda geração é a baixa resposta contra os antígenos, geralmente extremamente purificados. Isto tem levado à busca de novos adjuvantes que sejam mais eficientes e menos tóxicos. Este trabalho objetivava o estudo de uma proteína de choque térmico de Mycobacterium leprae - 18kDa-hsp - recombinante, produzida em levedura, veiculada em lipossomos, como modelo de proteína carregadora para antígenos fracos. Além de um estudo de estabilização de lipossomos por liofilização. A 18kDa-hsp apresenta certas características peculiares que levaram ao desenvolvimento de um método de dosagem próprio e extensível a outras proteínas com baixo teor em aminoácido cromóforos. Tendo uso potencial como proteína carregadora, a 18kDa-hsp é estável, suportando bem aquecimento, liofilização, acilação e associação com lipossomos de fosfolípides, sem perda significativa de sua atividade. Estudos paralelos de estabilização de lipossomos unilamelares mostraram que se pode usar trealose como crioprotetora no processo de liofilização-reidratação, sem perdas significativas do conteúdo dos lipossomos e com manutenção das estruturas das vesículas. Finalmente, o sistema lipossomos-18kDa-hsp mostra-se promissor como um sistema estável para veiculação de imunógenos fracos.
Título em inglês
Mycobacterium leprae 18kDa protein: a carrier model to second generation vaccines
Palavras-chave em inglês
Carrier proteins
Liposomes
Vaccines
Resumo em inglês
The major problem on development of second generation vaccines is the poor response against some immunogens. It has leading an intense research to find other substances non toxic and more efficient on enhancement of the immunological response. The aim of this work was the study of a heat-shock protein from Mycobacterium leprae - 18kDa-hsp - produced in yeast and vehiculated in liposomes, as a protein carrier model for weak immunogens. Furthermore, there was a study on stabilization of liposomes by lyophilization. The peculiar protperties of the 18kDa-hsp lead us to develop a new method for quantification that can be extended to other proteins with low chromophore content. Potentially a carrier protein, the 18kDa-hsp is very stab1e: it has no significant loss of its antigenic reactivity when heated, lyophilized, acylated and associated to liposomes. Parallel studies on liposomes stabilisation show trehalose as a good cryoprotector. The sugar can avoid the leakage of the entrapped marker (protein) and maintain the vesicles structures on the lyophilisation-rehydration processo Finally, the system liposomes-18kDa-hsp is promising for vehiculation of weak immunogens.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-10-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.