• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.46.2018.tde-15102018-160730
Documento
Autor
Nome completo
Alcely Strutz Barroso
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2001
Orientador
Banca examinadora
Colepicolo, Pio (Presidente)
Abdalla, Dulcineia Saes Parra
Campa, Ana
Marques, Marcia Martins
Nicolau, Jose
Título em português
Modulação do estresse oxidativo em glândulas submandibulares de rato
Palavras-chave em português
Biologia molecular
Bioquímica
Resumo em português
As espécies reativas de oxigênio geradas in vivo têm sido implicadas em vários mecanismos como apoptose, crescimento e diferenciação celular, câncer e inflamação. O estresse oxidativo é o produto do desbalanço entre os agentes prooxidantes e antioxidantes celulares, causando danos por meio da peroxidação lipídica, oxidação de proteínas e de DNA. Neste trabalho avaliou-se o efeito do estresse oxidativo em glândulas submandibulares de rato e em células acinares dispersas tratadas com isoproterenol (ISO), cicloheximida (CHX), carbacol (CA) e propanolol (PROP). Observou-se aumento dos níveis de MDA em homogenados de glândulas de ratos tratados com ISO e CHX e em células acinares dispersas incubadas com ISO e CHX. Tratamentos semelhantes causaram aumento na oxidação protéica em cultura de células, mas o mesmo aumento não ocorreu in vivo. Em relação aos agentes antioxidantes, observou-se um aumento no poder redutor (conteúdo de GSH) em homogenados de glândulas submandibulares tratadas com ISO e em células dispersas incubadas com ISO. A atividade de superóxido dismutase (SOD) também aumentou em tratamentos com ISO in vivo e os "Western Blots" mostraram uma variação acentuada nos níveis protéicos da isoforma MnSOD. A atividade de SOD, induzida por ISO em células dispersas, não ocorre quando as células foram pré-incubadas com PROP, o que sugere a ativação da atividade de SOD via receptores β-adrenérgicos.
Título em inglês
Modulation of oxidative stress in submandibular mouse glands
Palavras-chave em inglês
Biochemistry
Molecular biology
Resumo em inglês
Reactive oxygen species (ROS) have been implicated in many mechanisms as apoptosis, cell growth and differentiation, cancer and inflammation. Oxidative stress is the product of the imbalance of the prooxidants and antioxidants agents within the cell and it has been shown to cause damage by producing peroxidation of fatty acid and oxidation of proteins and DNA. In this work the oxidative stress was evaluated on rat submandibular glands and on dispersed acinar cells treated with isoproterenol (ISO), cycloheximide (CHX), carbachol (CA) and propanolol (PROP). The level of lipid peroxidation on rats submandibular glands and on dispersed acinar cells were increased by ISO and CHX treatment. Protein oxidation level was increased on cell culture treated with ISO, but the same results was not found in vivo treatments. Regards the antioxidant agents, the GSH content was found to increase on both in vivo and on cell culture by ISO treatment. The superoxide dismutase (SOD) activity in vivo increased and the Western Blots showed a significant MnSOD variation level. The SOD was induced by ISO treatment on cell culture, but the same increasing was not found with previous cells treatment with PROP. This result suggest the involvement of a β-adrenergic receptor on SOD activity.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-10-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.