• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.44.2007.tde-22082007-105023
Documento
Autor
Nome completo
Paula Andrea Sucerquia Rendon
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Bernardes-de-Oliveira, Mary Elizabeth Cerruti (Presidente)
Carvalho, Ismar de Souza
Santos, Paulo Roberto dos
Título em português
Gimnospermas eocretáceas da Formação Crato, bacia do Araripe, Nordeste do Brasil
Palavras-chave em português
Bacia do Araripe
Eocretáceo
Formação Crato
Gymnospermas
Paloebotânica
Resumo em português
A Formação Crato, localizada na bacia do Araripe, Nordeste do Brasil, contém um dos registros fossíferos vegetais mais importantes do Cretáceo Inferior. Estes fósseis apresentam excelente estado de preservação, no geral, com pouca fragmentação, órgãos em conexão e estruturas epidérmicas e anatômicas delicadamente substituídas por óxidos de ferro. Como acontecia globalmente, as gimnospermas eram o grupo vegetal dominante na paleoflora eocretácea da Formação Crato, ocorrendo na forma de Bennettitales, Coniferales e Gnetales. As Bennettitales foram um componente aparentemente raro, estando representado pelas espécies Otozamites sp. e Zamites sp. Dentre as Coniferales, encontram-se as famílias Araucariaceae e Cheirolepidiaceae, as Araucariaceae registradas nas espécies Araucarites vulcanoi Duarte e Araucarites kunzmanni sp. nov.; as Cheirolepidiaceae, o grupo mais diverso, estão representadas pelas espécies Brachyphyllum obesum Heer, Brachyphyllum ponsi sp. nov., Brachyphyllum araripense sp. nov., Tomaxellia aff. T. biforme Archangelsky, Toxamellia aff. T. degiustoi e Pseudofrenelopsis sp. As Gnetales ocorrem na forma das espécies Limaephyton cratense gen. et sp. nov., Limaephyton duartei gen. et sp. nov. e Limaephytophyllum mohrium gen. et sp. nov. Características morfológicas, epidérmicas e anatômicas presentes nos macrofitofósseis da Formação Crato, evidenciam adaptações a um ambiente de baixa umidade. Esta flora se desenvolveu dentro da Região Equatorial, numa área intracontinental sob condições climáticas áridas e semi-áridas.
Título em inglês
Early Creatceous gymnosperms from the Crato Formation, Araripe Basin, Northeast Brazil
Palavras-chave em inglês
Araripe Basin
Crato Formation
Early Cretaceous
Gymnosperms
Paleobotany
Resumo em inglês
Crato Formation, located in the Araripe Basin, Northeastern Brazil, bears one of the most important Lower Cretaceous fóssil plant Record. The fossils have an excellent preservation, usually low fragmentated, with attached organs and epidermic and anatomic features delicatedly replaced by iron oxides. As it happens worldwide, gymnosperms were the dominant group in the Lower Cretaceous Crato Formation paleoflora, existing as Bennettitales, Coniferales e Gnetales. Bennettitales were an apparently scarce component, represented by the species Otozamites sp. and Zamites sp. Between the Coniferales, are the families Araucariaceae and Cheirolepidiaceae, the Araucariaceae recorded by the species Araucarites vulcanoi Duarte and Araucarites kunzmanni sp. nov.; Cheirolepidiaceae, the most diverse group, is registered by species Brachyphyllum obesum Heer, Brachyphyllum ponsi sp. nov., Brachyphyllum araripense sp. nov., Tomaxellia aff. T. biforme Archangelsky, Toxamellia aff. T. degiustoi e Pseudofrenelopsis sp. As Gnetales are documented by the species Limaephyton duartei gen. et sp. nov. and Limaephytophyllum mohrium gen. et sp. nov. Morphologic, epidermic and anatomic features founded in the plant fossils from Crato Formation, evidence low moisture environment adaptations. That flora was developed in the Equatorial Region, in an intracontinental area with arid to semi-arid climatic conditions.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
PASR.pdf (1.85 Mbytes)
Data de Publicação
2007-08-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.