• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.44.1979.tde-04082015-074214
Documento
Autor
Nome completo
Jose Vitorino de Souza
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1979
Orientador
Banca examinadora
Ribeiro Filho, Evaristo (Presidente)
Barbour, Aledir Paganelli
Cordani, Umberto Giuseppe
Damasceno, Eduardo Camilher
Valarelli, Jose Vicente
Título em português
Geologia e gênese do protominério e do minério da província manganesífera de Araçoiaba - Pacajus, no Estado do Ceará
Palavras-chave em português
Ceará
Geologia
Resumo em português
Este trabalho foi desenvolvido principalmente nas localidades de Serragem e Lagoa do Riacho no minicípio de Aracoiaba (CE), arangendo também, em alguns aspectos, toda a província manganesíferade Aracoiaba-Pacajús no nordeste do Estado do Ceará. O trabalho tem como objetivo principal a caracterização paragenética e textural do protominério oxidado de manganês a fim de definir sua gênese e intemperismo. A litologia regional é formada por migmatito-gnaisse, granada-silimanita-quartzitos e metbasitos. De maneira restrita são encontrados gonditos alterados juntamente com granada-quartzitos encaixados no migmatito-gnaisse cortado por pegmatitos homogêneos. O gondito, de direção N '20 GRAUS' W e mergulho de '50 GRAUS' a '75 GRAUS' para leste, foram situados estrutural e estratigraficamente no Complexo Caicó. O metamorfismo regional é de fácies granulítica com superimposição de fácies anfibolito com pressão e temperatura mínimas respectivas de 6kb e '66 GRAUS'C. O gondito é composto essencialmente de espesartita, quartzo, rodonita e mangano-cumingtonita e acessoriamente de grafita, pirita e pirrotita. O gondito foi originalmente depositado em bacia estrita de ambiente redutor; em seguida foi submetido a, pelo menos, duas fases demetamorfismo. Posterormente, foi submetido a intemperismo formando minério oxidado constituído delitiforita, criptomelano, pirolusita e mangano-nsutita. As principais texturas do gondito aqui descritas são: Textura em mosaico, textura bandeada (deposicionais) e texturas reliquiares, de borda, coloformes, nodular concêntrica, em retalhos, brechada, filiforme, em pente e em boxwork (pós-deposicionais). Em função das texturas foram configurados três processos de formação do minério: Processo de Substituição, processos de preenchimento de cavidades e de laterização. Os minérios foram classificados como minérios "in situ" (Afloramentos de gondito alterado) e minérios residuais (Blocos rolados e ) esferas concêntricas). O teor do minério varia de 18 a 38% de Mn, sendo o teor médio da província de 23% de Mn. Isoladamente as ocorrências de Serragem e Lagoa do Riacho têm um teor médio de 38% de Mn. A tonelagem para a província é baixa. O maior depósito (Lagoa do Riacho) possui uma reserva medida de 370 000 t de minério bruto a 28% de Mn, 50% das quais são de minério residual. Tendo em vista o baixo teor e a pequena reserva, conclui-se que o minério é aproveitável economicamente em pequenas siderurgias próximas aos depósitos.
Título em inglês
not available
Palavras-chave em inglês
not available
Resumo em inglês
not available
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Souza_Doutorado.pdf (8.11 Mbytes)
Data de Publicação
2015-08-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.