• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Igor Cizauskas
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Brescovit, Antonio Domingos (Presidente)
Bragagnolo, Cibele
Brasileiro, Cinthia Aguirre
Título em português
Análise da diversidade funcional e dos padrões de riqueza de aranhas cavernícolas do Brasil e um modelo de mapeamento
Palavras-chave em português
Aranhas
Cavernas
Mapeamento
Resumo em português
Um dos principais desafios no estudo da biodiversidade é o mapeamento de grupos faunísticos megadiversos. O mapeamento da biodiversidade auxilia na avaliação dos padrões de distribuição e riqueza de espécies e de suas comunidades, na compreensão de características ambientais e, consequentemente, dos fatores ecológicos por trás da especialização das espécies ao meio. Nesse trabalho foi avaliada a diversidade de aranhas (Araneae) coletadas em cavernas do Brasil, com o objetivo de determinar e classificar a araneofauna de cavernas. Um banco de dados composto por 29261 aranhas adultas oriundos de 3455 cavernas do Brasil foi elaborado. Foram determinadas 179 espécies nomeadas e 428 morfoespécies, totalizando 607 espécies, distribuídas em 59 famílias. Apresentamos os dados históricos dos estudos bioespeleológicos no Brasil com ênfase em aranhas entre 1972-2015, uma nova listagem das espécies nominadas e o mapeamento da distribuição dessas espécies, sendo este disponível para consulta em uma ferramenta virtual, o AppBio. Foi avaliada a diversidade funcional das espécies determinadas com base nos comportamentos de forrageamento conhecidos para as aranhas. Uma análise de guildas foi elaborada e as espécies foram classificadas ecológico-evolutiva em grupos funcionais, determinados pelo grau de relação das populações-fonte com o ambiente cavernícola (acidental, trogloxeno, troglófilo e troglóbio), categorias clássicas propostas por Schiner-Racovitza para as espécies subterrâneas. Características morfológicas que indicam preferência pelo ambiente hipógeo (ex. anoftalmia e despigmentação corporal) e especialização à vida no ambiente subterrâneo também foram avaliadas. Os padrões de riqueza tanto dos grupos funcionais como macroecológicos (ex. latitude e altitude) foram avaliados e discutidos de forma sucinta. A riqueza regional também foi avaliada sendo agrupada pela ocorrência das espécies em cavernas de diferentes Biomas brasileiros. Uma boa base de dados e um modelo de mapeamento e disponibilização desses dados de forma virtual foram elaborados para auxiliar nos estudos da fauna de aranhas cavernícolas e para definir propostas para preservação da fauna e conservação dos ambientes subterrâneos
Título em inglês
Analysis of functional diversity and richness patterns of cave spiders from Brazil and a mapping model
Palavras-chave em inglês
Caves
Mapping
Spiders
Resumo em inglês
One of the main challenges in the study of biodiversity is the mapping of megadiverse faunal groups. Biodiversity mapping assists in assessing patterns of distribution and species richness and their communities, understanding environmental characteristics and, consequently, ecological factors behind the species' specialization to the environment. This work evaluated the diversity of spiders (Araneae) collected in caves in Brazil, with the objective of determining and classifying the araneofauna of caves. A database consisting of 29261 adult spiders from 3455 caves in Brazil was prepared. There were 179 named species and 428 morphospecies, totaling 607 species, distributed in 59 families. We present the historical data of the biospeleological studies in Brazil with a spider focus between 1972-2015, a new listing of the nominated species and the mapping of the species distribution, being available for consultation in a virtual tool, AppBio. It was evaluated the functional diversity of the determined species based on the known foraging behaviors for the spiders. An analysis of guilds was elaborated and the species were classified ecologically-evolutionary in functional groups, determined by the degrees of relation of the source populations with the cave environment (accidental, trogloxene, troglophile and troglobite), classical categories proposed by Schiner-Racovitza for subterranean species. Morphological characteristics indicating preference for the hypogeum environment (eg. anophthalmia and body depigmentation) and specialization in life in the underground environment were also evaluated. The richness patterns of both the functional and macroecological groups (eg. latitude and altitude) were evaluated and discussed succinctly. The regional richness was also evaluated by separating by the occurrence of the species in caves of different Brazilian Biomes. A good database and a model for mapping and making this data available in a virtual way were developed to assist in the study of cave spider fauna and to define proposals for preserving fauna and conserving underground environments
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-04-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.