• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.41.2014.tde-19032015-093848
Documento
Autor
Nome completo
Vanessa Simão do Amaral
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Simone, Luiz Ricardo Lopes de (Presidente)
Lopes, Sonia Godoy Bueno Carvalho
Marian, José Eduardo Amoroso Rodriguez
Marques, Rodrigo Cesar
Oliveira, Cléo Dilnei de Castro
Título em português
Revisão taxonômica da subfamília Crassostreinae (Bivalvia: Ostreidae)
Palavras-chave em português
Anatomia
Crassostrea
Morfologia comparada
Ostras
Sistemática
Taxonomia
Resumo em português
Foram aplicadas técnicas de análise e comparação de anatomia detalhada, através de dissecções e por análises moleculares em um grupo altamente variável como os Ostreidae com objetivo de comprovar o monofiletismo de Crassostreinae. Por ser economicamente importante em todo o mundo, a diferenciação entre as espécies é fundamental, com aplicações até na produção. Através de um estudo comparativo de morfologia detalhada, representantes de quase todos os gêneros de Ostreoidea foram analisados. Inicialmente, os representantes da subfamília Crassostreinae foram estudados isoladamente. Em cada uma foi realizada uma análise filogenética na procura de sua monofilia e de sua identidade básica. Os representantes de Ostreinae e Gryphaeidae foram utilizados como grupo-externo. Em seguida, alguns representantes de Pteriomorphia foram incorporados ao grupo-externo (Limidae, Spondylidae, Plicatulidae, Isognomonidae, Anomiidae) com enraizamento em Arcidae. Foram estudados 73 caracteres, presentemente comentados e discutidos. Uma única árvore mais parcimoniosa foi obtida: (((((((Cryptostrea permolis (Teskeyostrea weberi ((Hyotissa hyotis (Parahyotissa mcgintyi - P. numisma)) ((Eostrea puelchana - E. lurida) (Ostrea edulis (Ostreola equestris ("Dendostrea" sp1 ((Lopha cristagalli - Alectryonella plicatula) ((Dendostrea folium - D. sp 2) ("Dendostrea" frons ("Saccostrea" echinata ("Saccostrea" palmula (((Saccostrea mordax - "Striostrea" prismatica) (Saccostrea cucullata - S. glomerata)) ((Crassostrea virginica (C. gigas - C. bilineata)) (C. mangle (C. brasiliana - C. rhizophorae)))))))))))))))) Plicatulostrea onca) Plicatula gibbosa) Spondylus americanus) Lima sp.) (Anomia simplex - Isognomon alatus)) Barbatia cândida) tendo como índices: passos = 372, IC = 27 e IR = 58. Nota-se que a monofilia de Crassostreinae foi comprovada e é suportada por 6 sinapomorfias, Crassostrea também é monofilético, suportado por 4 sinapomorfias. Saccostrea, considerando a espécie tipo S. cucullata, é monofilético junto com S. glomerata. Dados obtidos por análises moleculares, realizadas neste e dados do GenBank®, corrobora, em parte, com os dados anatômicos; Crassostrea é considerado monofilético em ambas análises. As diferenças e semelhanças morfo-anatômicas encontradas em quase todas as estruturas foram suficientes para a separação e agrupamento entre os gêneros e respectivas espécies
Título em inglês
Taxonomic revision of subfamily Crassostreinae (Bivalvia: Ostreidae)
Palavras-chave em inglês
Anatomy
Comparative morphology
Crassostrea
Oysters
Sistematic
Taxonomy
Resumo em inglês
Techniques of analysis and comparison of detailed anatomy through dissections and molecular analysis were applied in a highly variable group as Ostreidae in order to prove the monophyly of Crassostreinae. Being economically important worldwide, differentiation between species is essential in applications to production. Through a detailed comparative study of morphology, representatives of almost all genres of Ostreoidea were analyzed. Initially, the representatives of the subfamily Crassostreinae were studied in isolation. A phylogenetic analysis was performed in the search for your monophyly and their basic identity in each one. Representatives of Ostreinae Gryphaeidae and were used as-external. Then, some representatives of Pteriomorphia were incorporated into the group-external (Limidae, Spondylidae, Plicatulidae, Isognomonidae, Anomiidae) with rooting Arcidae. 73 characters presently commented and discussed were studied. A single most parsimonious tree was obtained: (((((((Cryptostrea permolis (Teskeyostrea weberi ((Hyotissa hyotis (Parahyotissa mcgintyi - P. numisma)) ((Eostrea puelchana - E. lurida) (Ostrea edulis (Ostreola equestris ("Dendostrea" sp.1 ((Lopha cristagalli - Alectryonella plicatula) ((Dendostrea folium - D. sp.2) ("Dendostrea" frons ("Saccostrea" echinata ("Saccostrea" palmula (((Saccostrea mordax - "Striostrea" prismatica) (Saccostrea cucullata - S. glomerata)) ((Crassostrea virginica (C. gigas - C. bilineata)) (C. mangle (C. brasiliana - C. rhizophorae)))))))))))))))) Plicatulostrea onca) Plicatula gibbosa) Spondylus americanus) Lima sp.) (Anomia simplex - Isognomon alatus)) Barbatia candida) while indices: = 372 steps, CI = 27 and IR = 58. We note that the monophyly of Crassostreinae been established and is supported by six synapomorphies, Crassostrea is also monophyletic, supported by four synapomorphies. Saccostrea, considering the type species S. cucullata, is monophyletic with S. glomerata. Data obtained by molecular analyzes, performed and this data GenBank® corroborates, in part, with the anatomical data; Crassostrea is considered to be monophyletic in both analyzes. Differences and morphological, anatomical similarities found in almost all structures were sufficient for separating and grouping among genera and their species
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Vanessa_Amaral.pdf (23.27 Mbytes)
Data de Publicação
2015-04-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.