• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.41.2007.tde-16102008-154041
Documento
Autor
Nome completo
Cristiano Luís Rangel Moreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Pinna, Mario Cesar Cardoso de (Presidente)
Buckup, Paulo Andreas
Menezes, Naercio Aquino
Paz, Ricardo Campos da
Ragazzo, Mônica de Toledo Piza
Título em português
Relações filogenéticas na ordem Characiformes (Teleostei: Ostariophysi)
Palavras-chave em português
Characidae
Characiformes
Cladistica
Ostariophysi
Resumo em português
A ordem Characiformes é uma diversa ordem de peixes compreendendo 18 famílias, aproximadamente 270 gêneros e mais de 1700 espécies. Representantes desta ordem possuem ampla distribuição em águas continentais do sul dos Estados Unidos, México, Américas Central e do Sul e África. Três análises filogenéticas das relações na ordem foram publicadas na última década, duas moleculares e uma morfológica. Entretanto, estas hipóteses possuem alguns pontos de discordância. No presente estudo, uma abordagem balanceada da diversidade da ordem foi realizada. Foram incluídos ao menos dois terminais de cada uma das famílias reconhecidas para a ordem, ao menos um terminal de cada subfamília de Characidae além de diversos terminais considerados incertae sedis em Characidae, em um total de 97 espécies de Characiformes. Esta abordagem teve por objetivo testar o monofiletismo de todas as famílias da ordem, delimitar filogeneticamente Characidae e determinar as relações entre as famílias recobradas. Com este objetivo, foi elaborada uma matriz com 410 caracteres morfológicos, derivados de osteologia, lepidologia e morfologia de trato digestivo e bexiga natatória. Apesar da grande base de dados, os dois cladogramas fundamentais encontrados possuem apenas um ponto de incongruência, as relações de Astyanax em um pequeno clado distal. Novas hipóteses acerca das relações em Characiformes são propostas. A ordem é composta por dois grandes clados. O primeiro é composto por Crenuchidae na sua base, seguido por um Distichodontidae parafilético (incluindo Citharinidae). Distichodontidae, como proposto aqui, é grupo-irmão de (Parodontidae (Hemiodontidae ((Anostomidae, Chilodontidae) (Prochilodontidae, Curimatidae)))). O outro grande clado também é dividido em dois subgrupos. O primeiro destes grupos é composto por Lebiasinidae parafilético (incluindo Erythrinidae), como grupo-irmão de Alestidae parafilético (incluindo Serrasalminae). O outro clado é composto pela maioria das espécies da ordem. Neste clado, a família Characidae é restringida (excluindo Salminus e Brycon), e é considerada como o grupo-irmão de (Salminus (Brycon (Cynodontidae (Acestrorhynchidae (Hepsetidae, Ctenoluciidae).
Título em inglês
Phylogenetic relationships of the order Characiformes (Teleostei: Ostariophysi)
Palavras-chave em inglês
Characidae
Characiformes
Cladistics
Ostariophysi
Resumo em inglês
Characiformes comprise a diverse order of fishes with 18 families, roughly 270 genera, and more than 1700 species. Representatives of this order are widely distributed in freshwater habitats in southwestern United States, Mexico, Central and South America, and Africa. Three phylogenies of the order were published in the last decade, two molecular and one morphological. However, there are instances of disagreements among their topologies. In the present study, a balanced sampling within the diversity of the order was attempted. At least, two genera of all currently recognized families, one genus of all the characid subfamilies, and several taxa considered as incertae sedis in the Characidae were included. This approach, totaling 97 species of Characiformes, had the objectives of testing the monophyly of all characiform families, of hypothesizing the limits of the family Characidae, and of determining the relationships among these families. A matrix of 410 morphological characters was analyzed. Characters were derived from the morphology of scales, swimbladder, digestive tract, and osteology. Despite the large data set, there is a single incongruence between the two cladograms; the position of Astyanax within a small clade. Several new hypotheses of relationships within the Characiformes were recovered. The order is divided in two large clades. The first clade is composed by Crenuchidae at its base, followed by a paraphyletic Distichodontidae (including Citharinidae). Distichodontidae, as proposed here, is the sister-group of (Parodontidae (Hemiodontidae ((Anostomidae, Chilodontidae) (Prochilodontidae, Curimatidae)))). The other large clade is also split at its base in two subclades. One of these is composed of a paraphyletic Lebiasinidae (including Erythrinidae), as the sistergroup of a paraphyletic Alestidae (including Serrasalminae). The other subclade is composed of the majority of the species of the order. In this clade a monophyletic Characidae (excluding Salminus and Brycon) is defined, and is the sister group of a clade composed of (Salminus (Brycon (Cynodontidae (Acestrorhynchidae (Hepsetidae, Ctenoluciidae).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
moreira.pdf (57.18 Mbytes)
moreira_parcial.pdf (292.13 Kbytes)
Data de Publicação
2008-10-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.