• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.41.2008.tde-07112008-171959
Documento
Autor
Nome completo
Deusa Deise Santos de Abreu
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Pinna, Gladys Flávia de Albuquerque Melo de (Presidente)
Menezes, Nanuza Luiza de
Tavares, Armando Reis
Título em português
Germinação e morfo-anatomia do desenvolvimento em Melocactus ernestii Vaupel e M. Paucispinus Heimen & R. J. Paul (Cactaceae)
Palavras-chave em português
Anatomia em cactaceae
Germinação em cactaceae
Melocactus
Morfologia em cactaceae
Resumo em português
Cactaceae contém entre 1500-1800 espécies que apresentam adaptações morfológicas e fisiológicas para habitarem ambientes áridos. Seus representantes possuem grande variedade de tamanhos e formas que constituem diferentes tipos de hábitos. Devido tamanha diversidade foram escolhidas espécies desta família como objeto de estudo para esta dissertação. A proposta central deste trabalho foi o estudo do desenvolvimento de Melocactus ernestii e paucispinus, segundo análises morfo-anatômicas. Para sua execução, coletaram-se frutos dos indivíduos em campo para posterior germinação de suas sementes. Esse experimento, além de gerar os indivíduos em diferentes estádios de desenvolvimento para as análises morfológicas e anatômicas possibilitou a realização de testar a influência da disponibilidade de água no padrão de germinação. Como resultados, podemos citar que a falta de água, além de retardar o início da germinação, diminui sensivelmente o número de sementes germinadas e o período de germinação. Ao analisar o desenvolvimento morfológico das duas espécies, foram observadas diferenças nas esculturas dos tegumentos das sementes, como também na quantidade de espinhos produzidos pelas aréolas fatos importantes para a delimitação das espécies no grupo. Já com as análises anatômicas foi possível observar modificações do sistema de revestimento como formação das papilas em plântulas e a presença de cotilédones suculentos. Observou-se no meristema apical caulinar a formação dos primórdios foliares e a gema axilar denominada aréola que por sua vez produzirá espinhos e tricomas. No sistema vascular diferentes padrões de espessamentos para as traqueídes (WBT) foram observados. O sistema radicular apresentou um desenvolvimento, em geral, duas vezes mais rápido que o caule, característica fundamental para garantir o estabelecimento da plântula em ambientes xéricos.
Título em inglês
Germination, morfhology and anatomy od developmentin Melocactus ernestii Vauple and M. paucispinus Heimen & R. J. Paul (Cactaceae)
Palavras-chave em inglês
Anatomy of cactaceae
Germination of cactaceae
Melocactus
Morfhology
Resumo em inglês
The Cactaceae has over 1500 to 1800 species with morphological and physiological adaptations to live in dry environments. The species in Cactaceae have a great variety of shapes and sizes, generating different habit types. In base of such diversity this family has been chosen as the object of this study. The main purpose of this work was to analyze the development of Melocactus ernestii and M. paucispinus using both anatomy and morphology. Field collections of fruits were carried and seeds germinated to the studies of development. Under this experiment, besides from obtaining different growth stages to developmental analysis, it was possible to test the water influence on seed germination. As the first result, it has been seen that the lack of water would both delay seed germination and reduce the number of seeds sprouting. Developmental results shown two main morphological differences: both species differ in seed sculptures and in the number of spines produced in the areolas, facts of extreme relevance to delimit species within the genus. In addition, the anatomical analysis shown that both plants have papillae in their epidermis and seedlings have succulent cotyledons. The shoot apical meristem give rise to the leaf primordia and axillary buds called areolas, which produces spines and trichomes. Furthermore, different patterns of wall thickening were observed in the tracheids of the vascular system. The development of the root system in general was twice faster than that the stem. Probably, this is one of the key factors that ease seedling survival in such hostile environments.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Deusa_completa.pdf (29.73 Mbytes)
Deusa_parcial.pdf (8.41 Mbytes)
Data de Publicação
2008-12-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.