• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.27.2014.tde-01062015-161305
Documento
Autor
Nome completo
Mauricio Braz de Carvalho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Salles, Pedro Paulo (Presidente)
Lucas, Monica Isabel
Sampaio, Maria das Mercês Ferreira
Título em português
Pedagogias da incerteza: a presença do debate pós-moderno no campo do ensino e da formação docente em música
Palavras-chave em português
Educação musical
formação docente
pensamento pós-moderno
teorias críticas do Currículo
Resumo em português
A partir de uma perspectiva Crítica do currículo, o trabalho procura investigar as maneiras pelas quais as teses sobre a pós-modernidade são discutidas, incorporadas e/ou negadas pelo campo da educação musical. Parte-se de uma discussão mais ampla sobre a construção social da escola pública no Brasil, na qual são abordados mecanismos passados e presentes de precarização intelectual e pedagógica. As recentes reformas educacionais são compreendidas, de um lado, a partir de um referencial teórico que desnuda suas implicações; de outro, por meio da análise de documentos oficiais que concernem à formação docente em música. Conceitos e pressupostos balizadores de tais reformas - tais como o de competências docentes, o de professor prático-reflexivo e o de flexibilização da formação - são interpretados à luz de seus vínculos com premissas fundamentais do debate pós-moderno em educação. O referencial teórico adotado aponta, aqui, para o intenso retrocesso formativo e intelectual carregado por tais conceitos. Nesse sentido, o modelo de formação (básica e superior) sugerido pelos documentos reformistas é entendido como um modelo alinhado e adequado aos parâmetros reguladores da vida social mais ampla. Ao final, e a partir de um levantamento na literatura da área, busca-se discutir as formas pelas quais o campo da educação musical vem lendo tais questões. Toma-se como referência e inspiração certas pesquisas que, debruçadas sobre a antiga Arte-Educação, relacionaram o esvaziamento de conteúdos especificamente musicais com as disputas mais amplas no domínio do Currículo. Sugere-se, assim, que pesquisas e análises desse tipo deveriam ser atualizadas e reforçadas pelo campo musical. O trabalho procura evidenciar a larga difusão, na área da educação musical, dos pressupostos pós-modernos/pós-estruturalistas acerca da vida social e cultural. Tal difusão se daria em paralelo à vasta incorporação das suas correlatas concepções de formação e conhecimento. São sugeridas algumas das possíveis implicações de tal incorporação - relacionadas, sobretudo, à formação docente em música e ao encaminhamento das pesquisas na área.
Título em inglês
-
Palavras-chave em inglês
curriculum' critical theories
Musical education
post-modernity thinking
teacher formation
Resumo em inglês
Through a critique perspective of a curriculum, this work aims to investigate the ways thesis about post-modernity are being discussed or denied by the musical educational field. Based on a wide social discussion about the public school' construction in Brazil, in which are analysed mechanisms of the past and the present which responds for failing intelectual and education. At first, the latest education reforms are understood through theoretical reasons, looking for its implications; on the other side, through the analyzes of oficial documents concerning musical teacher formation. Basics concepts and presuppositions of this reforms - such as teacher'competences, practice-thinking teacher and relaxing of formation - are observed from its links which are fundamental looking from a post-modernity education discussion. The choosed theoretical reference shows the intensive retrocession of formations and intelectual perspective based on that concepts. Towards that, the formation model (the basic one and the higher one) suggests how the reform's documents are seen: aligned and appropriate with the parameters of wide social life. In the end, through a literature research in the area, this work searchs a discussion of ways that the field of musical education is seing those questions. The reference and inspiration of this present work are some researchs that used to see the older "Education-Art", actually making the relation between the emptying of the specific musical' content with a wide discussion in a field of curriculum. Finally, suggests that this kind of researchs and analysis should be updated and strengthen by the musical field. The work aims to show up the bigger spread, in musical education area, of the presuppositions of post-modernity/ post-structuralism about the social and cultural life. This happens side by side of a wider incorporation of the corresponding conceptions of formation and knowledge. Are suggested some of the possible implications about that incorporation - related, about all things, to the teacher formation in music and the researchs in this area.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-06-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.