• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.27.2006.tde-30042009-142142
Documento
Autor
Nome completo
Marcia Eliane Rosa
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Fernandes, Terezinha Fátima Tagé Dias (Presidente)
Bazi, Rogério Eduardo Rodrigues
Coelho, Cláudio Novaes Pinto
Koshiyama, Alice Mitika
Ramadan, Nancy Nuyen Ali
Título em português
Os sentidos pluralistas do cotidiano da cultura nas reportagens da revista Realidade nos anos de 1966 a 1968
Palavras-chave em português
Comunicação e Linguagem
Jornalismo e Cultura
Mídia e Produção de Sentido
Mídia Impressa
Revista Realidade
Resumo em português
Trata-se de uma pesquisa sobre os sentidos da cultura abordados pela revista Realidade nos anos 1966 a 1968. Realidade foi uma publicação de informação geral que teve uma representação singular no jornalismo brasileiro, com um projeto editorial crítico e ousado refletido no processo jornalístico, ao apresentar pautas criadas sob um olhar inquieto frente às mudanças sociais. As reportagens estudadas foram selecionadas de um total de 33 edições publicadas num período de intensas transformações políticas e culturais no Brasil. Neste trabalho, entende-se por cultura manifestações humanas que se estabelecem num processo contínuo e transformador e a qual permite a interação entre as pessoas de uma forma livre e sem hierarquias, estabelecendo relações com diversas áreas do conhecimento. Sob essa proposta, parte-se da hipótese de que a revista capta essa idéia, quando expressa ao leitor as abordagens sociais de maneira pluralizada. Através de leituras de exemplares da Realidade, foi possível notar que as reportagens exercem uma visão ampliada dos acontecimentos culturais, entendendo que a cultura deva ser abordada em todas suas interfaces, mesmo que conflitantes, resistindo a estagnação proposta por regras padronizadas. Nas abordagens estudadas, estão presentes as questões da identidade cultural, dos conflitos gerados pela indústria cultural e as transformações sociais. A imprensa, ao abordar temas culturais no seu histórico de jornalismo cultural tem demonstrado grande superficialidade, com exceção de alguns movimentos particularizados. Assim, esta pesquisa demonstra o jornalismo não estereotipado da revista Realidade que apresenta um enfoque diferenciado e pluralizado para a cultura.
Título em inglês
Os sentidos pluralistas do cotidiano da cultura nas reportagens da revista Realidade nos anos de 1966 a 1968
Palavras-chave em inglês
Communication and Language
Journalism and Culture
Media and Production of Meaning
Printed media
Realidade Magazine
Resumo em inglês
This paper is about a research of the cultural traits handled by Realidade magazine from 1966 to 1968. Realidade magazine was a publication that contained general information, which had a unique representation within the Brazilian news scenario, with a critical and daring editorial project reflected in the journalistic process, by presenting reports created under writers' restless views, due to the social changes that took place at the time. The news articles studied were selected from a total of 33 issues published during a time of intense political and cultural changes in Brazil. In this work, culture is understood by human manifestations that are established in a continuous and changing process that allows for the interaction among people freely and with no hierarchy, establishing relations with various knowledge areas. Under this proposal, a hypothesis is assumed that the magazine captures this idea, by expressing to the reader social approaches in a pluralized manner. Upon reading Realidade magazine it was possible to observe that the news articles exercise an extended view of cultural events, meaning that culture should be dealt with, in all its interfaces, even conflicting ones, resisting against an stagnation proposed by empty rules. The material studied offers cultural identity issues, conflicts created by the cultural industry and social changes. When treating cultural matters within its journalism history, the press has demonstrated to be very superficial, except in some specific movements. Thus, this research demonstrates that Realidade magazine presents a differentiated and pluralized focus, aimed at culture.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
3563095.pdf (79.16 Mbytes)
Data de Publicação
2009-05-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.