• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2018.tde-11062018-191725
Documento
Autor
Nome completo
Jéssica Kuchar
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2018
Orientador
Banca examinadora
Abramides, Dagma Venturini Marques (Presidente)
Blasca, Wanderléia Quinhoneiro
Ferrari, Deborah Viviane
Oliveira, Margareth da Silva
Szupszynski, Karen Priscila Del Rio
Título em português
Escala de estágios de mudança de comportamento em candidatos e usuários de aparelhos de amplificação sonora individual (AASI)
Palavras-chave em português
Auxiliares de audição
Modelo transteórico
Motivação
Perda auditiva
Reabilitação de deficientes auditivos
Resumo em português
Para que o indivíduo esteja engajado no uso do Aparelho de Amplificação Sonora Individual (AASI), é necessário que esteja motivado no seu processo de reabilitação e o profissional, tendo como ponto de partida a identificação do estágio motivacional do paciente, poderá apoiá-lo ao longo desse processo. Neste estudo foram realizados 2 experimentos distintos. O experimento 1 teve como objetivo caracterizar os perfis estabelecidos pela análise de clusters da Escala de Estágios de Mudança para Deficientes Auditivos (URICA-Audição), com base nos estágios motivacionais para a mudança em pacientes com deficiência auditiva. O experimento 2 teve como objetivo verificar se a URICA-Audição é sensível na identificação dos estágios de mudança em indivíduos submetidos à reabilitação auditiva. No experimento 1, foram analisados 200 protocolos preenchidos por indivíduos candidatos e usuários de AASI, com idade entre 24 e 94 anos, sendo 52 candidatos e 148 usuários de AASI há pelo menos um mês. Foi aplicada a URICA-Audição, composta por 25 itens divididos em cinco subescalas, com cinco itens cada: Pré-contemplação, Contemplação, Preparação, Ação e Manutenção. Para a análise dos resultados, foi realizada a Análise de Cluster Hierárquica por meio do método de centroides. Esta análise resultou em um total de 16 clusters distintos e, na solução encontrada, 167 sujeitos (83,5% da amostra) foram distribuídos em 8 clusters principais que continham mais de 10 participantes cada; 21 sujeitos (10,5% da amostra) se distribuíram em outros 3 clusters menores com 6 a 9 participantes; e 12 sujeitos (6% da amostra) se distribuíram em 5 clusters com 1 a 4 participantes cada. Dessa forma, verificou-se que os perfis dos pacientes subdividem-se em mais do que apenas 4 ou 5 estágios, como que em um continuum e, que a URICA-Audição é uma medida que pode, potencialmente, ser utilizada para avaliar onde os pacientes encontram-se no decorrer do seu processo de reabilitação auditiva. No experimento 2, foi realizado um estudo com avaliação pré e pósintervenção em usuários de AASI. Os participantes participaram em 4 sessões de reabilitação auditiva e responderam questionários avaliativos no início e no final da pesquisa. Os resultados indicaram que houve diferença nos momentos pré e pós-intervenção, no fator Ação/Manutenção da amostra estudada, assim como, na prontidão para a mudança do grupo. Houve correlação significante entre o tempo de uso do AASI na pós-intervenção com o estágio de Ação/Manutenção. Toda a amostra do presente estudo teve progressão nos estágios de mudança após a reabilitação auditiva. Apesar da amostra reduzida, foi possível realizar um estudo de reabilitação auditiva utilizando os preceitos do MTT, no entanto, é necessária a realização de outros estudos visando estabelecer estratégias de aconselhamento em reabilitação auditiva para cada estágio de mudança de comportamento.
Título em inglês
Stages of change scale applied in candidates and new hearing aids users
Palavras-chave em inglês
Hearing aids
Hearing loss
Motivation
Rehabilitation of hearing impaired
Transtheoretical model
Resumo em inglês
In order for the individual to be engaged in the use of the Hearing Aid (HA), it is necessary that he is motivated in his rehabilitation process and starting with the identification of the patient's motivational stage the professional can support him throughout this process. There were performed two different experiments in this study. Experiment 1 aimed to characterize the profiles established by the clusters analysis of the Stages of Change for the Hearing Impaired Scale (URICA-Hearing) based on the motivational stages for change in patients with hearing impaired. Experiment 2 had as objective to verify if the URICA-Hearing is sensitive in the identification of the stages of change in individuals submitted to auditory rehabilitation. In the Experiment 1, two hundred protocols were filled out by candidates and users of HA, aged between 24 and 94 years, of which 52 were candidates and 148 were users of HA for at least one month. It was applied the URICA-Hearing that is composed of 25 items divided into five subscales, with five items each subscale: Pre-contemplation, Contemplation, Preparation, Action and Maintenance. For the analysis of the results, the Hierarchical Cluster Analysis was performed by means of the centroid method. This analysis resulted in a total of 16 distinct clusters and, in the solution found, 167 subjects (83.5% of the sample) were distributed in 8 main clusters that contained more than 10 participants each; 21 subjects (10.5% of the sample) were distributed in 3 other smaller clusters with 6 to 9 participants; and 12 subjects (6% of the sample) were distributed in 5 clusters with 1 to 4 participants each. Thus, it was verified that patients' profiles were subdivided into more than 4 or 5 stages, as in a continuum, and that URICA-Hearing is a measure that can potentially be used to assess where the patients are in the course of their auditory rehabilitation process. In Experiment 2, an study with pre and post-intervention evaluation was performed in HA users. Subjects participated in 4 sessions of auditory rehabilitation and answered evaluative questionnaires at the beginning and at the end of the research. The results indicated that there were differences in the pre and post-intervention moments, in the Action/Maintenance factor as well as in the readiness to change of the studied sample. There was a significant correlation between the time of use of the HA in the post-intervention with the Action/Maintenance stage. All the sample of the present study had progression in the stages of change after the auditory rehabilitation. Despite the reduced sample, it was possible to perform a hearing rehabilitation study using the TTM precepts, however, it is necessary to carry out other studies aimed at establishing auditory rehabilitation counseling strategies for each stage of behavior change.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
JessicaKuchar_Rev.pdf (1.79 Mbytes)
Data de Publicação
2018-07-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.