• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2015.tde-03062015-092934
Documento
Autor
Nome completo
Raquel Rodrigues Rosa
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2015
Orientador
Banca examinadora
Felix, Giedre Berretin (Presidente)
Degan, Viviane Veroni
Felicio, Claudia Maria de
Genaro, Katia Flores
Silverio, Kelly Cristina Alves
Título em português
Função de língua e funções orofaciais em indivíduos com disfunção temporomandibular
Palavras-chave em português
Língua
Sistema estomatognático
Transtornos da articulação temporomandibular
Resumo em português
O objetivo do estudo foi verificar a influência das condições funcionais da língua nas funções de mastigação, deglutição e fala em indivíduos com disfunção temporomandibular (DTM) articular (deslocamento de disco com redução) e possível componente muscular associado. A amostra foi formada por 45 indivíduos, de ambos os gêneros, de 18 a 28 anos, divididos em dois grupos: DTM (n=30) e Controle (n=15). A função de língua foi averiguada quanto à tonicidade, mobilidade, pressão e diadococinesia oral. As funções de mastigação, deglutição e fala foram avaliadas a partir do exame clínico. Os dados referentes à tonicidade, mobilidade e às funções orofaciais foram coletados por meio do protocolo MBGR. A função mastigatória foi analisada, também, com a eletromiografia de superfície, sendo que os índices eletromiográficos foram obtidos durante mastigação unilateral. A pressão da língua foi mensurada utilizando-se o Iowa Oral Performance Instrument (IOPI), durante as provas de elevação, lateralização, protrusão, deglutição e teste de fadiga. A análise da diadococinesia (DDC) oral foi realizada com o uso do Programa Motor Speech Profile Advanced (MSP). Para comparar os grupos e analisar as correlações, testes estatísticos pertinentes foram aplicados adotando-se nível de significância de p<0,05. Ao comparar os grupos DTM e Controle, não foi encontrada diferença entre eles para a tonicidade, mobilidade e pressão de língua, bem como para as funções de mastigação, deglutição e fala e índices eletromiográficos. No entanto, para a diadococinesia oral, o grupo DTM apresentou menor velocidade nas emissões por segundo (p=0,019) e maior tempo entre as vocalizações (p=0,024) na emissão [ta] em relação ao grupo Controle. Dentre as relações evidenciadas no grupo DTM, foi observada correlação entre mobilidade de língua e deglutição (r=0,741); pressão de língua na protrusão (r=-0,366) e na deglutição de saliva (r=-0,499) e deglutição; média da taxa da DDC e deglutição nas emissões [ta] (r=-0,424) e [ka] (r=-0,446); média do período da DDC e deglutição nas emissões [ta] (r=0,424) e [ka] (r=0,446); mobilidade e frequência mastigatória (r=0,512); pressão de lateralização à direita e atividade muscular à direita total (r=-0,455) e por ciclo mastigatório (r=-0,414); pressão de lateralização à esquerda e frequência mastigatória à esquerda (r=-0,531). Desta forma, foi concluído que, em indivíduos com DTM articular (deslocamento de disco com redução), as condições funcionais da língua influenciaram as funções de mastigação e deglutição. Especificamente, a função de língua relacionada à mobilidade, pressão e diadococinesia oral refletiu diretamente na função de deglutição, assim como a mobilidade e a pressão de língua na funcionalidade da musculatura mastigatória.
Título em inglês
Tongue function and orofacial functions in individuals with temporomandibular dysfunction
Palavras-chave em inglês
Stomatognathic system
Temporomandibular joint disorders
Tongue
Resumo em inglês
This study objective was to verify the influence of the functional conditions of the tongue in chewing, swallowing and speech functions in individuals with temporomandibular dysfunction (TMD) with articular disorders (disk displacement with reduction) and with possible associated muscle components. The sample consisted of 45 individuals of both genders, aged 18 to 28 years old, divided into two groups: TMD (n=30) and Control (n=15). The tongue function was verified as to the tone, mobility, pressure and oral diadochokinesia. The chewing, swallowing and speech functions were evaluated starting from the clinical examination. Data referring to tone, mobility and orofacial functions were collected through the MBGR Protocol. The chewing function was also analyzed using the surface electromyography, and the electromyographic indices were obtained during unilateral chewing. The tongue pressure was measured using the Iowa Oral Performance Instrument (IOPI), during the trials of lifting, lateralization, protrusion, swallowing and fatigue test. The oral diadochokinesia (DDK) was analyzed using the Motor Speech Profile Advanced (MSP) program. In order to compare groups and analyze correlations, relevant statistical tests were applied with a significance level of p?0.05. When comparing the TMD and Control groups, no difference was found between them for tone, mobility and pressure of the tongue, as well as for the chewing, swallowing and speech functions and electromyographic indices. However, regarding the oral diadochokinesia, the TMD group presented lower velocity in emissions per second (p=0.019) and longer time between the vocalizations (p=0.024) in the emission [ta] compared with the Control group. Among the relations evidenced in the TMD group, a correlation was observed between tongue mobility and swallowing (r=0.741); tongue pressure in protrusion (r=-0.366) and in the saliva swallowing (r=-0.499) and swallowing; mean rate of DDC and swallowing in the emissions [ta] (r=-0.424) e [ka] (r=-0.446); mean of the DDC period and swallowing in the emissions [ta] (r=0.424) e [ka] (r=0.446); mobility and chewing frequency (r=0.512); lateralization pressure to the right and total muscle activity to the right (r=-0.455) and for chewing cycle (r=-0.414); lateralization pressure to the left and chewing frequency to the left (r=-0.531). Thus, it was concluded that, in individuals with TMD with articular disorders (disk displacement with reduction), the functional conditions of the tongue affected the chewing and swallowing functions. Specifically, the function of the tongue associated with mobility, pressure and oral diadochokinesia affected directly in the function of swallowing, as well as the mobility and the tongue pressure in the functionality of the chewing muscles.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-06-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.