• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2007.tde-15102007-095104
Documento
Autor
Nome completo
Flora Freitas Fernandes Távora
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2007
Orientador
Banca examinadora
Porto, Vinícius Carvalho (Presidente)
Machado, Ana Lucia
Oliveira, Pedro César Garcia de
Título em português
Efeito de sucessivos ciclos de desinfecção por microondas sobre a microdureza e rugosidade superficial de diferentes bases de próteses totais: estudo longitudinal
Palavras-chave em português
Desinfecção
Resinas acrílicas
Resumo em português
O objetivo desse estudo foi investigar longitudinalmente, o efeito de sucessivos ciclos de desinfecção sobre as propriedades de microdureza e rugosidade superficial de 4 diferentes resinas acrílicas. Foram confeccionados 200 corpos de prova, utilizando um material para base de dentaduras (Lucitone 550) e três materiais rígidos para reembasamento (Jet, Kooliner e Tokuyama Rebase II Fast), os quais foram divididos, para cada resina, em cinco grupos: imersos em água (controle) e submetidos à irradiação por microondas em quatro combinações diferentes de potência-tempo. Esses grupos foram avaliados em relação à rugosidade superficial (Ra-µm) e microdureza Knoop (KHN) em um período anterior às desinfecções e após 30, 90 e 180 ciclos de desinfecção. Os dados foram submetidos à análise de variância, seguida por teste de Tukey a 5%. As principais alterações nos valores de microdureza (diminuição) e rugosidade superficial (aumento) ocorreram após 30 ciclos de desinfecção em microondas. Após esse período existiu uma tendência para a estabilização dos valores dessas propriedades, mesmo quando ciclos adicionais (90 e 180 ciclos) foram realizados. Os tratamentos empregados para os diferentes grupos experimentais (diferentes combinações de potência-tempo) não foram os principais fatores que tiveram influência sobre a propriedade de microdureza. É provável que a redução dos valores de microdureza tenha sido mais dependente da sorpção de água do que da energia de microondas por si só. O principal efeito sobre a microdureza através da irradiação por microondas parece ser o efeito da água. A exposição da prótese a fluidos como água e saliva é uma condição que não pode ser evitada. Esse comportamento não foi observado para a rugosidade superficial. Os tratamentos empregados para os diferentes grupos experimentais (diferentes combinações de potência-tempo) tiveram influência sobre a propriedade de rugosidade superficial. De maneira geral observou-se que os valores de rugosidade superficial dos espécimes somente imersos em água foram menores do que os valores dos espécimes irradiados. Apesar da rugosidade de alguns espécimes ter ficado acima de 0.2 um, isso não parece contra-indicar a desinfecção por microondas. As técnicas convencionais de acabamento e polimento aplicadas para as outras superfícies dificilmente atingem níveis de rugosidade superficial inferiores a 0,2 µm. Dessa maneira parece ser prudente a afirmação de que a desinfecção através da energia de microondas pode ser utilizada para a desinfecção de próteses.
Título em inglês
Effect of successive microwave disinfection cycles on the hardness and roughness of different denture base resins: a longitudinal study
Palavras-chave em inglês
Acrylic resins
Disinfection
Resumo em inglês
The objective of this study was to investigate the longitudinal effect of microwave disinfection on the hardness and roughness of one heat-polymerizing denture base acrylic resin and three hard chairside resins. A total of 200 specimens were fabricated using one denture base material (Lucitone 550; n=50) and three hard chairside reliners (Jet; n=50, Kooliner; n=50, Tokuyama Rebase II Fast; n=50), which were immersed in water (control), and submitted to microwave disinfection at four different arrangements of power and time. These specimens were tested for knoop hardness (KHN) and roughness (Ra-µm) for different times (before disinfection, after 30, 90 and 180 disinfection cycles). Data were analyzed by Variance Analysis which was followed by the Turkey's test at a level of 5%. The principal alterations on hardness (reduction) and on roughness (elevation) occurred after 30 disinfection cycles. Both of the properties remained stable after this period, even after 90 and 180 disinfection cycles. The different arrangements of power and time carried out for the experimental groups did not have influence on hardness. It is possible that this property was more affected from water sorption than microwave energy only. During its clinical use, the denture is exposed to water and saliva and it seems that this condition cannot be prevented. This fact was not observed for roughness. The different arrangements of power and time carried out for the experimental groups had influence on roughness. It was observed that the control group had lower roughness values when compared to the experimental groups. The roughness values of some specimens were greater than 0.2 um. However, this fact does not compromise the indication of microwave disinfection. The finishing and polishing techniques commonly used for the other surfaces of the denture do not get roughness values below 0.2 um. Therefore, it is very likely that microwave disinfection could be recommended for the disinfection of dentures.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-10-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.