• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.25.2006.tde-14062007-153106
Documento
Autor
Nome completo
Érika Arrais Peter
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2006
Orientador
Banca examinadora
Lima, Jose Eduardo de Oliveira (Presidente)
Beltrão, Haroldo Cesar Pinheiro
Buzalaf, Marilia Afonso Rabelo
Cunha, Robson Frederico
Silva, Salete Moura Bonifacio da
Título em português
Estudo do efeito da saliva e do flúor, in situ, na recuperação da superfície do esmalte dentário desmineralizado submetido à profilaxia com jato de bicabornato de sódio
Palavras-chave em português
desgaste
profilaxia dentária
remineralização
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi avaliar o possível efeito da saliva in situ, associada ou não ao flúor, sobre a recuperação da estrutura dentária do esmalte desmineralizado, que recebeu profilaxia utilizando jato de bicarbonato de sódio. Para isso, foram utilizados 40 blocos de esmalte de dente bovino de 4x4 mm, os quais foram submetidos a um processo de desmineralização in vitro para a formação de lesões artificiais de cárie. Sobre a superfície destes blocos, foi aplicado o jato de bicarbonato de sódio, simulando a realização de uma profilaxia profissional. Após essa etapa, os blocos foram divididos em dois grupos (GI e GII) e montados em dispositivos intra-bucais, os quais foram utilizados por 10 voluntários, durante dois períodos experimentais de quatro horas. Os blocos do GI foram expostos diretamente à saliva in situ, enquanto os do GII, foram expostos à saliva associada ao flúor sob forma de bochecho com solução de NaF a 0,2%, durante o minuto inicial. No primeiro período experimental, metade dos voluntários fez parte do GI e a outra metade do GII, havendo uma inversão dos grupos no segundo período. As possíveis alterações ocorridas na superfície do esmalte após as etapas do experimento, foram avaliadas através de testes de microdureza Knoop (25g/5s) e da quantificação do desgaste com o auxílio de um rugosímetro. Para a comparação dos valores de microdureza e de desgaste entre os grupos, e entre as etapas de cada grupo, foi aplicada a Análise de Variância a dois Critérios (ANOVA) e o teste de Tukey, adotando-se um nível de significância de 5% (p<0,05). Os resultados do teste de microdureza mostraram uma diminuição, estatisticamente significante, nos valores de microdureza superficial do esmalte após a etapa de desmineralização (183,7KHN), quando comparada à microdureza superficial inicial (342KHN). Em seguida, após a simulação da profilaxia, houve um aumento significante da microdureza (337,3KHN), não havendo diferença estatisticamente significante entre o valor inicial. Quanto ao desgaste, a simulação da profilaxia promoveu um desgaste no esmalte desmineralizado da ordem de 0,709µm. Após a etapa de remineralização, o valor da microdureza diminuiu um pouco em relação ao valor inicial (303,7KHN), embora tenha sido próximo ao mesmo. Em relação ao valor do desgaste, foi observada uma diminuição estatisticamente significante (0,476 µm), o que representa uma diminuição de quase um terço do valor inicial. Não houve diferença estatisticamente significante entre os resultados dos grupos I e II em todas as etapas do experimento. De acordo com as condições e com a metodologia adotadas na presente pesquisa, foi possível concluir que após 4 horas de remineralização in situ houve recuperação de parte da estrutura dentária perdida devido à aplicação do jato de bicarbonato de sódio sobre o esmalte desmineralizado, apesar de a realização de um bochecho adicional com solução fluoretada não ter promovido aumento no ganho mineral em relação à ação somente da saliva.
Título em inglês
Study of the effect of the saliva and fluoride in situ in the superficial recovery after the application of the sodium bicarbonate jet on demineralized tooth enamel
Palavras-chave em inglês
dental prophylaxis
dental wear
remineralization
Resumo em inglês
The aim of this study was to evaluate the effect of saliva in situ, in the recovery of the superficial structure of the demineralized tooth enamel in which a sodium bicarbonate jet was applied. The effect of an additional mouthrinsing with a NaF solution was also evaluated. A total of 40 specimens of bovine enamel (4x4 mm) were processed in vitro to obtain artificial caries lesions were utilized for this study. A jet of sodium bicarbonate was applied on the surface of the specimens simulating a prophylaxis procedure. The specimens were divided in two groups(GI and GII). They were mounted in an intra-oral model used by 10 volunteers for two fourhour experiments. During the first four-hour experiment, the specimens of GI were directly exposed to saliva in situ. Those of GII were exposed to one minute mouthrinsing with 0.2% NaF. In the second four-hour experiment, the volunteers were crossed-over to the opposite experimental treatment group. The changes on the enamel surface were analyzed by the superficial microhardness test (Knoop, 25g/5s) and perfilometry, using a rugosimeter to determine the superficial dental wear. In order to compare the degree of microhardness and wear, among groups in the different experimental phases, the ANOVA and the Tukey test were used with an acceptable significance of 5% (p<0.05). The microhardness test showed a significant decrease of the initial value from 342 KHN to 183.7KHN after the demineralization phase. In the prophylaxis simulation, the microhardness value increased to 337 KHN, while a 0.709 µm wear was detected. After the remineralization procedure, there was a mild decrease on the degree of superficial microhardness to 303.7 KHN. Considering the superficial wear, it was detected a significant decrease (0.476 µm) comparing to the value found after the prophylaxis. There were no statistical differences between GI and GII in all phases of the experiment. After a four-hour period of an in situ remineralization, we concluded that it is possible to have a partial recovery of the dental structure, initially lost due to the use of sodium bicarbonate on the demineralized enamel. The performance of an additional mouthrinsing with fluoridate solution did not lead to an increase in the mineral gain.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ErikaPeter.pdf (6.23 Mbytes)
Data de Publicação
2007-06-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.