• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.25.2003.tde-27112004-110154
Documento
Autor
Nome completo
Eduardo Bresciani
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2003
Orientador
Banca examinadora
Navarro, Maria Fidela de Lima (Presidente)
Mondelli, Rafael Francisco Lia
Zanata, Régia Luzia
Título em português
Avaliação clínica de restaurações de cavidades classe I realizadas pela técnica do tratamento restaurador atraumático (ART) em comunidade de alto risco à cárie
Palavras-chave em português
restauração dentária
tratamento restaurador atraumático
Resumo em português
Vários estudos realizados com o Tratamento Restaurador Atraumático citam porcentagens de sucesso próximas a de tratamentos odontológicos convencionais em curtos períodos de avaliação e em populações com baixos índices de CPOD. Este trabalho teve por objetivo avaliar o índice de sucesso de restaurações de ART, classe I, em populações com alto índice de cárie. O protocolo foi aprovado pelo Comitê de Ética local e obteve-se o consentimento livre e esclarecido dos responsáveis. Inicialmente foram analisados os índices de sangramento gengival (ISG) e placa visível (IPV), assim como a necessidade de tratamento e a condição bucal atual dos pacientes. Foram realizadas 155 restaurações de ART em molares permanentes de 96 pacientes, entre 7 e 12 anos de idade, da rede pública de ensino. Dois operadores treinados realizaram as restaurações de acordo com o manual de ART da OMS, em três meses. O material utilizado foi um cimento de ionômero de vidro convencional de alta densidade, o Ketac-Molar (3M ESPE). Os controles clínicos foram realizados em períodos de 6, 12 e 24 meses, sendo completados por documentação fotográfica. Os escores utilizados para avaliação foram os preconizados para a técnica. Somente quatro pacientes relataram sensibilidade pós-operatória e o grau de aceitação da técnica foi de 100%. O sucesso das restaurações foi 97,3, 93,7 e 89,6% respectivamente para 6, 12 e 24 meses. Não se verificou influência do operador no sucesso do tratamento (Q quadrado, p =0,28). Com relação ao alto índice de cárie, este parece exercer um papel negativo no sucesso das restaurações, devido ao grande número de recidivas de cárie (43% das falhas). Entretanto, não foram observadas diferenças entre os pacientes que obtiveram restaurações falhas e bem sucedidas quanto aos índices iniciais de cárie (Q-quadrado, p= 0,26)
Palavras-chave em inglês
atraumatic restorative dentistry
dental restoration
Resumo em inglês
The Atraumatic Restorative Treatment was first pioneered in Tanzania by Jo Frencken in a prevention community based oral health program. This technique is based in the caries tissue excavation using only hand instruments and filling the cavity with an adhesive material, usually a glass ionomer cement. Many studies relate success percentages of this technique close to the traditional technique, but in short term evaluation and almost always in communities with low caries experience (DMFT). This study aims to evaluate the success rate of class I ART restorations in a community (population) with high caries experience. The protocol was implemented after the approval of the local Ethics Committee and the afte r the signed informed consent of the children parents. At the first appointment, the VPI (visible plaque index), GBI (gingival bleeding index), the necessity of treatment and the oral conditions of the patients were assessed. One hundred and fifty five class I ART restorations were performed by two trained operators, used to ART, according to WHO ART manual in a period of three months. The sample was composed of 96 patients, aged between 7 to 12 years old, studying in public schools. No more than four restorations per patient were included in the study. The used material was a hand-mixed glass ionomer cement, Ketac Molar (3M ESPE). The clinical follow-up assessments were performed after 6, 12 and 24 months after the treatment. At each follow-up, slides were taken for documentation. The scores used in this study were the same regularly used in ART studies, recommended by Frencken in 1996. Only four patients related pos-operative sensitivity and the technique acceptance was one hundred per cent. The success for 6, 12 and 24 months was 97.3, 93.7 and 89.6% respectively. The operator did not influence (Q quadrado, p= 0,28) in the success rate of the restorations. The high caries experience seemed to play a negative hole in the success of this study, because the high number of failures due to recurrent caries (43% of the failures). However, there have not been observed any difference among patients with failed and successful restorations according to their DMFT score (Chi-square, p=0,26)
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
EduardoBresciani.pdf (8.44 Mbytes)
Data de Publicação
2004-12-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.