• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.23.2018.tde-15082018-105351
Documento
Autor
Nome completo
Sandra Soares Kühne Busquim
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Santos, Marcelo dos (Presidente)
Brzozowski, Margarete Elisabete
Gavini, Giulio
Gusukuma, Laila Gonzales Freire
Título em português
Avaliação do preparo e da limpeza de canais radiculares ovais longos comparando os sistemas TF Adaptive e Reciproc, por meio da microtomografia computadorizada e da microscopia eletrônica de varredura
Palavras-chave em português
Canal oval longo
Debris dentinários
Microscópio Eletrônico de Varredura
Microtomografia computadorizada
Preparo do canal radicular
Reciproc
TF Adaptive
Resumo em português
A ação do instrumento endodôntico nas paredes do canal leva à formação de debris dentinários. Sua remoção é principalmente função das manobras de irrigação. Entretanto, a ação do instrumento pode facilitar ou não o acúmulo dos debris dentinários, principalmente em função da sua cinemática. O sistema Twisted File (TF) Adaptive (SybronEndo, Orange, CA) combina o movimento rotatório contínuo e reciprocante e o sistema Reciproc (VDW, Munique, Alemanha) realiza o preparo do canal radicular pelo movimento reciprocante puro. Os objetivos deste estudo foram, utilizando a microtomografia computadorizada (micro-CT): avaliar, ex vivo, o preparo (aumento de volume e superficies não preparadas) e quantificar o acúmulo de debris dentinários em canais ovais longos comparando os sistemas TF Adaptive e Reciproc; avaliar o efeito da irrigação ultrassônica ativada intermitente (IUAT) após o preparo químico-cirúrgico com os sistemas propostos, na redução de debris dentinários; e relacionar a presença de debris dentinários com o magma dentinário avaliado por meio do microscópio eletrônico de varredura. Canais distais de trinta e oito molares inferiores foram selecionados e divididos em dois grupos: G1 - TFA (n=19) e G2 - RC (n=19). Cada espécime foi submetido a três escaneamentos: prée pós-operatório e pós-irrigação ultrassônica passiva final. Após a reconstrução das imagens resultantes dos três escaneamentos, foi feito o corregistro das mesmas com o programa DataViewer. Os programas CTAn e CTvol foram utilizados para binarização dos objetos de interesse, avaliações morfométricas e reconstrução dos modelos tridimensionais. Foram mensurados o aumento de volume do canal, as superfícies não preparadas e os debris dentinários após o preparo químico-cirúrgico. Após a irrigação final, cinco raízes de cada grupo foram clivadas longitudinalmente ao meio no terço apical e analisadas no microscópio eletrônico de varredura (MEV) quanto à presença de magma dentinário. O sistema de pontuação utilizado foi o de Hülsmann et al. (1997). Os resultados foram analisados pelo programa Bioestat e mostraram uma distribuição não-paramétrica pelo teste D'Agostino. Por esta razão, para a análise dois a dois entre os grupos foi utilizado o teste de Mann-Whitney. Na análise intra-grupo, o teste de Kruskal-Wallis foi o escolhido, com complementação do teste de Dunn quando necessário. Os dados obtidos mostraram que o sistema TF Adaptive removeu mais dentina quando todo canal foi considerado (p<0,05). Entretanto, não houve diferença estatisticamente significante quanto à porcentagem de superfície não preparada em ambos os sistemas (p>0.05). Em relação ao acúmulo de debris dentinários e redução de debris dentinários pós-irrigação ultrassônica passiva, também não houve diferença entre os grupos (p>0.05). A IUAI promoveu redução significativa de debris dentinários, à exceção do terço apical. Qualitativamente, no MEV, observou-se magma dentinário não-homogêneo cobrindo a parede do canal, especialmente no grupo Reciproc. Conclui-se que nenhum sistema conseguiu preparar completamente as paredes de canal radicular oval longo e que a IUAI reduz os debris dentinários na ordem de 60-70%. Na análise do MEV, pode-se observar que não houve correlação entre a redução de debris dentinários e o magma dentinário.
Título em inglês
Evaluation of preparation and cleaning og long-oval root canals comparing TF Adaptive and Reciproc systems, using micro-computed tomography and scanning eléctron microscope
Palavras-chave em inglês
Hard-tissue debris
Long-oval canal
Micro-computed tomography
Preparation of root canal
Reciproc
Scanning electron microscope
TF Adaptive
Resumo em inglês
The action of the endodontic instrument leads to hard-tissue debris. The main goal of the irrigation procedures is its removal. Nevertheless, depending on its kinematics the rotary file can contribute to the removal of hard-tissue debris. The TF Adaptive system (SybronEndo, Orange, CA) combines the rotary and reciprocating movement and the Reciproc system (VDW< Munique, Alemanha) with pure reciprocating movement, removes significant quantities of dentin of the canal wall with more difficulties of pulling out hard-tissue debris. The aims of this study were, using microcomputed tomography: evaluate preparation and quantify hard-tissue debris reduction in long-oval canals comparing TF Adaptive and Reciproc systems; evaluate the effect of passive ultrassonic irrigation (PUI) after preparation with the proposed groups in the accumulation of hard-tissue debris; and correlate the presence of hardtissue debris with smear layer evaluated by scanning eléctron microscope (SEM). Distal canals of thirty-eight lower molars were selected and divided in two groups: G1 - TFA (n=19) and G2 - RC (n=19). Each specimen was scanned three times: preand post-instrumentation of the root canal; and post-passive ultrassonic irrigation. After reconstruction of the scanned images, a co-registration was done with DataViewer. The softwares CTan and CTvol were used for binarization of the objects of interest, morphometrics alterations and reconstruction of tridimensional models and hard-tissue debris models. Volume increasing, non-prepared surfaces and hardtissue debris after instrumentation were measured. After final irrigation, the root canals were clived in halves at the apical third and analyzed by scanning eléctron microscope related to smear layer. The score system described by Hülsmann et al. (1997) was used. The results showed a non-parametric distribution by D'Agostino test. For that reason, Mann-Whitney test was used to compare the experimental groups and the Kruskall-Wallis test to compare intra-group performance. Dunn test determined which sample was different. Data shows that TF Adaptive removed more dentin in the whole root canal (p<0,05). There was no significant statistic difference comparing non-prepared surfaces between the systems (p>0,05). Related to hardtissue debris and reduction of hard-tissue debris after passive ultrassonic irrigation, there was no significant difference between TF Adaptive and Reciproc. The PUI reduced significantly hard-tissue debris, except for the apical third. The scanning electron microscope (SEM) showed a non-homogeneous smear layer covering the canal dentin walls, specially the Reciproc group. It was concluded that no system completely prepared the dentin walls of long-oval root canals and the passive ultrassonic irrigation decreased hard-tissue debris about 60-70% in the evaluated systems. SEM analysis reported no correlation between hard-tissue reduction and smear layer.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-08-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.