• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.23.2008.tde-11042008-112604
Documento
Autor
Nome completo
Rodrigo Elias de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Mattos, Beatriz Silva Camara (Presidente)
Andre, Marcia
Witzel, Marcelo Ferreira
Título em português
Avaliação da liberação de monômero residual, absorção de água e porosidade superficial em resinas acrílicas para prótese ocular
Palavras-chave em português
Absorção de água
Monômero residual
Porosidade
Prótese ocular
Resina acrílica
Resumo em português
A necessidade do aprimoramento das técnicas de confecção de próteses oculares que permitam satisfazer, com rapidez e excelência, a demanda de atendimento de pacientes portadores de perdas do bulbo ocular, levou ao desenvolvimento deste estudo comparativo no qual se avalia a porosidade superficial, absorção de água e liberação de monômero residual de resinas acrílicas. Foram estabelecidos quatro grupos de estudo, sendo cada grupo composto por 15 corpos de prova: Grupo 1 - resina acrílica termo polimerizável convencional / ciclo térmico convencional; Grupo 2 - resina acrílica termo polimerizável em microondas / ciclo microondas; Grupo 3 - resina acrílica termo polimerizável convencional / ciclo microondas; Grupo 4 - resina acrílica auto polimerizável com cadeia cruzada / auto polimerização. A avaliação da quantidade de monômero residual liberado foi realizada por meio de espectrofotometria, durante o período de 11 dias. A determinação da absorção de água baseou-se na diferença do peso apresentado pelos corpos de prova nas condições experimentais seco e após submersão em água deionizada por um período de 7 dias. A determinação da porosidade superficial foi calculada sob a forma de porcentagem por área de superfície analisada, empregando-se lupa estereoscópica para captação da imagem a ser processada pelo software ImageLab 2000®. Submetendo-se os dados à análise estatística ANOVA/TUKEY (p<=0,05) observou-se que a liberação de monômero residual foi significantemente maior no primeiro dia para o Grupo 1, semelhante durante todo o período para o Grupo 2, menor a partir do dia 8 para o Grupo 3 e decrescente até o dia 8 para o Grupo 4. A liberação de monômero residual foi semelhante para os Grupos 1 e 3, menor para o Grupo 2 e maior para o Grupo 4. A absorção de água foi semelhante para os quatro grupos de estudo. A maior porosidade ocorreu no Grupo 2, sendo os Grupos 1 e 3 semelhantes entre si. Concluiu-se que os ciclos térmicos de polimerização em água e em microondas não interferiram na liberação de monômero residual da resina acrílica termo polimerizável convencional. A liberação de monômero residual variou em função do tipo de resina acrílica. O tipo de resina acrílica e o ciclo de polimerização a que foram submetidas não interferiram na absorção de água. Os ciclos térmicos de polimerização em água e em microondas não interferiram na porosidade apresentada pela resina acrílica termo polimerizável convencional. A porosidade superficial variou em função do tipo de resina acrílica avaliada.
Título em inglês
Evaluation of residual monomer, water sorption and porosity by acrylic resins used to eye prostheses
Palavras-chave em inglês
Acrylic resin
Eye prosthesis
Porosity
Residual monomer
Water sorption
Resumo em inglês
This comparative evaluation of porosity, water sorption and residual monomer presented by acrylic resins was conducted, looking for excellence and rapidity in the confection of eye prostheses. Four groups, comprising of 15 specimens each, were established and submitted to polymerization cycles: Group 1 - conventional heat polymerizing acrylic resin / conventional heat-polymerization cycle; Group 2 - microwave acrylic resin / microwave cycle; Group 3 - conventional heat polymerizing acrylic resin / microwave cycle; Group 4 - cross-linked auto-polymerizing acrylic resin / auto-polymerizing process. Residual monomer liberation was determined by spectrophotometry during 11 days period. Water sorption was calculated by weighting dried specimens and weighting after 7 days of submersion in deionized water. Superficial porosity was determined by percentage of area, in images processed by the software ImageLab 2000®. Subjecting data to ANOVA/TUKEY test (p<=0,05) it was observed that residual monomer liberation was higher in the first day for Group 1, similar during all the period for Group 2, lower after day 8 for Group 3 and decreasing until day 8 for Group 4. Residual monomer liberation was similar to Groups 1 and 3, lower for Group 2 and higher for Group 4. Water sorption was similar to all groups. Group 2 displayed more superficial porosity, and Group 1 and 3 were similar regarding this test. In conclusion, conventional polymerization and microwave processes did not interfere in residual monomer liberation of conventional acrylic resin. The residual monomer liberation varied according the type of acrylic resin. Microwave cycle provided similar or smaller residual monomer liberation. The type of acrylic resin and the polymerization cycle utilized did not modify water sorption. The conventional heat polymerizing cycle and microwave cycle did not interfere in superficial porosity of conventional heat polymerizing acrylic resin. The superficial porosity varied according to the acrylic resin.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-09-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.