• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.23.2005.tde-13062005-114729
Documento
Autor
Nome completo
Paulo Sergio da Silva Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2005
Orientador
Banca examinadora
Magalhães, Marina Helena Cury Gallottini de (Presidente)
Bussoloti Filho, Ivo
Sousa, Suzana Cantanhede Orsini Machado de
Título em português
"Avaliação da mucosite oral em pacientes que receberam adequação bucal prévia ao transplante de medula óssea"
Palavras-chave em português
Efeitos adversos
Manifestações bucais
Transplante de Medula Óssea
Resumo em português
Nesta pesquisa foi avaliada a incidência e a severidade da mucosite oral em pacientes que foram submetidos à adequação bucal previamente ao Transplante de Medula Óssea. Foi realizado exame clínico e radiográfico dos pacientes portadores de Leucemia Mielóide Crônica que estavam se preparando para o transplante. Após a avaliação inicial dos pacientes foram realizados os tratamentos odontológicos necessários para a remoção de quaisquer focos de infecção bucal. Todos os pacientes receberam o mesmo tipo de condicionamento quimioterápico e de profilaxia para Doença do Enxerto-Contra-Hospedeiro. Todos os pacientes receberam adequação bucal e foram avaliados durante o período de internação hospitalar para o transplante pelo mesmo Cirurgião Dentista. Os resultados mostraram que a mucosite grau 0 foi encontrada em 5 pacientes (14,29%), grau 1 em 8 pacientes (22,85%), grau 2 em 17 pacientes (48,57%), grau 3 em 3 pacientes (8,57%) e grau 4 em 2 pacientes (5,71%). Estes dados sugerem que a adequação bucal realizada previamente ao Transplante de Medula Óssea reduziu a severidade da mucosite oral, salientando a importância da presença do Cirurgião Dentista na equipe multidisciplinar em um serviço de Transplante de Medula Óssea.
Título em inglês
Evaluation of oral mucositis in patients submitted to oral care previous to Bone Marrow Transplantation.
Palavras-chave em inglês
Adverse effects
Bone Marrow Transplantation
Oral manifestations
Resumo em inglês
The aim of this research was to evaluate the incidence and the severity of the oral mucositis in patients submitted to dental treatment before the Bone Marrow Transplantation. Clinical and radiographical examination was performed in patients with Chronic Myeloid Leukemia who would be submitted to transplantation. After patient’s initial evaluation, dental treatment was performed in order to remove any site of oral infection. All patients received the same chemotherapy conditioning regimen and the Graft-versus-host-disease prophylaxis. All patients received oral care during the hospital intern period and were evaluated by the same dentist. The results showed that 5 patients (14,29%) presented level 0 of oral mucositis, 8 patients (22,85%) presented level 1 of oral mucositis were, 17 patients (48,57%) presented level 3 of oral mucositis and 2 patients (5,71%) presented level 4 of oral mucositis. These data suggest that oral care and dental treatment previous to the Bone Marrow Transplantation reduced the severity of oral mucositis and emphasizes the importance of the Dentist as a member of a multidisciplinary team in a Bone Marrow Transplantation unit.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
PauloSergioSSantos.pdf (983.42 Kbytes)
Data de Publicação
2005-07-15
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • DA SILVA SANTOS, Paulo. Impact of oral care prior to HSCT on the severity and clinical outcomes of oral mucositis. Clinical Transplantation, 2011.
  • SANTOS, Paulo, et al. Mucosite Oral: Perspectivas atuais na prevenção e tratamento. RGO. Revista Gaúcha de Odontologia [online], 2009, vol. 57, p. 339-344. [acesso 2012-05-21]. Disponível em : <http://www.revistargo.com.br/viewarticle.php?id=914&layout=abstract>
  • SANTOS, Paulo, et al. Transplante de medula óssea: considerações gerais e manifestações bucais em pacientes odontopediátri. Revista da Associação Paulista de Cirurgiões Dentistas, 2008, vol. 62, p. 450-454.
  • SANTOS, Paulo, e DIAS, Rafael. Prevenção da Mucosite Oral utilizando LASER terapêutico. Arquivos Médicos dos Hospitais e da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo [online], 2010, vol. 56, p. 7-11. [acesso 2012-05-21]. Disponível em : <http://www.fcmscsp.edu.br/files/02_AO2.pdf>
  • SANTOS, Paulo, e MAGALHãES, Marina. Avaliação da mucosite oral em pacientes que receberam adequação bucal prévia ao transplante de medul. RPG. Revista de Pós-Graduação (USP), 2006, vol. 13, p. 77-82.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.