• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.23.2012.tde-14012013-154327
Documento
Autor
Nome completo
Maria José Albuquerque Pereira de Sousa e Tucunduva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Pereira, Marlene Fenyo Soeiro de Matos (Presidente)
Chilvarquer, Israel
Ferreira, Thásia Luiz Dias
Ortiz, Sandra Regina Mota
Pinto, Roberto Heitzmann Rodrigues
Título em português
Proposta de mapeamento da vascularização normal da face por meio da ultrassonografia modo B e Doppler
Palavras-chave em português
Anatomia
Doppler
Ultrassonografia
Vascularização
Resumo em português
O estudo do aporte sanguíneo da face é importante em função da cirurgia como para as cirurgias que fazem uso de retalhos. O bom restabelecimento da área depende da perfusão obtida. Os métodos de aquisição de imagem que investigam a vascularização da face muitas vezes são caros e acrescentam risco à condição do paciente. A ultrassonografia é um método de imagem que não oferece risco ao paciente, sendo acessível e realizado em tempo real. A intensidade do fluxo sanguíneo de uma determinada estrutura pode ser medida pelo modo Doppler e alterações do padrão de normalidade indicam uma possível deficiência na nutrição dos tecidos compreendidos, podendo mesmo levar o clínico a prever futuras afecções. O objetivo neste estudo foi captar a vascularização normal da face, por meio da ultrassonografia modo B e Doppler de modo a se propor um mapeamento dos principais vasos arteriais. Foi possível, utilizando-se transdutores linear e endocavitário proceder-se ao estudo da vascularização da face. Foram obtidos dados referentes à vascularização da face que permitissem a análise da hemodinâmica dos tecidos. Foram estudados três vasos de diâmetro reduzido (0,60mm a. angular; 0,55mm a. palatina maior; 0,45mm a. infraorbital), sendo que nestes foi possível adquirir gráficos de onda de velocidade de fluxo e, consequentemente, obter-se a velocidade de pico sistólico (VPS) e o índice de resistividade (IR).
Título em inglês
Mapping proposition of the normal vasculature of the face though ultrasound B-mode and Doppler
Palavras-chave em inglês
Anatomy
Doppler
Ultrasonography
Vascularization
Resumo em inglês
The study of the blood supply of the facial tissues is important due to oral and maxillofacial surgery as for operations that make use of flaps. The proper restoration of the perfusion is essential to the success of these procedures. The image methods that investigate the vasculature of the face are often costly and add risk to the patients condition. Ultrasound is an imaging method that offers no risk, is affordable and is performed in real time. The intensity of blood flow of a given structure can be measured by Doppler mode and changes in the normal range can indicate a deficiency in the nutrition of tissues end even influence the clinician to predict future conditions. The aim of this study was to access the normal vasculature of the face through ultrasound B-mode and Doppler in order to propose a mapping of the arterial vessels. It was possible, using the linear and endocavitary probes to study the vascularity of the face. Data was obtained allowing the analysis of the tissue hemodynamics. It was possible to access three arteries of small diameter (0,60mm angular artery; 0,55mm greater palatine artery; 0,45mm infraorbital artery) and in all cases graphics of wave flow velocity. Therefore, the resistivity index (RI) and systolic peak velocity (SPV) could also be computed.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-02-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.