• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.23.2005.tde-06062005-154043
Documento
Autor
Nome completo
Sérgio Nakazone Júnior
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2005
Orientador
Banca examinadora
Saito, Tetsuo (Presidente)
Liberti, Edson Aparecido
Moraes, Flavio Fava de
Mori, Matsuyoshi
Rabbani, Said Rahnamaye
Título em português
"Avaliação comparativa da anatomia do desenvolvimento da articulação temporomandibular, por meio do uso de ressonância magnética, reconstrução digital e cortes histológicos"
Palavras-chave em português
Ressonância Magnética-ATM
Articulação temporomandibular
Desenvolvimento–ATM
Embriologia-ATM
Histologia–Fetos
Imagem tridimensional–ATM
Ressonância Magnética-3D
Ressonância Magnética–Fetos
Resumo em português
No presente estudo realizou-se a avaliação da eficácia do exame de imagem por ressonância magnética (IRM) e de reconstruções digitais bi e tridimensionais da ATM, em diferentes estágios de desenvolvimento. Foi criado um protocolo próprio de exame de IRM, o qual foi aplicado em embriões e fetos humanos, entre 22 a 160mm de comprimento céfalo-caudal (CRL), correspondendo da 7 a a 18 a semana de vida intra-uterina (IU). Em cada amostra foram realizadas duas seqüências de imagens sagitais da cabeça inteira, com distância de 1,0mm entre os cortes. Em seguida, as imagens foram intercaladas digitalmente, gerando uma seqüência de cortes de 0,5mm distância. Estas imagens foram importadas para um programa específico que realizou a reconstrução digital, criando modelos bi e tridimensionais. Para avaliar a formação e desenvolvimento das estruturas articulares de cada uma das amostras, foram realizados cortes histológicos da ATM. O exame histológico determinou o grau de maturação da ATM e a qualidade da matriz colágena presente. Os resultados demonstraram que o protocolo desenvolvido foi capaz de capturar e processar as imagens de IRM, principalmente após a 13 a semana de vida IU, em seu estágio de maturação articular. Os cortes histológicos comprovaram que, a partir desta fase, pode-se identificar melhor as estruturas articulares no exame de IRM devido a uma maior diferenciação celular e da matriz colágena, que passa de uma composição predominante de fibras colágenas tipo III para fibras do tipo I. A criação de modelos bi e tridimensionais mostrou ser uma ferramenta eficiente no diagnóstico do desenvolvimento facial, além de facilitar sua compreensão e aprendizado, embora ainda sejam necessários maiores avanços tecnológicos para a sua aplicação na formação das estruturas da ATM.
Título em inglês
Comparative evaluation of the anatomical development of the temporomandibular joint, by means of magnetic resonance, digital econstruction and histological sections.
Palavras-chave em inglês
Magnetic resonance-Fetuses
Development-TMJ
Embryology-TMJ
Histology-Fetus
Magnetic resonance-3D
Magnetic resonance-TMJ
Temporomandibular Joint
Three-dimensional-image-TMJ
Resumo em inglês
The present study was carried out to evaluate the effectiveness of Magnetic Resonance Imaging (MRI) and bi and three-dimensional digital reconstructions of the TMJ in different stages of development, by the comparison with histological sections. A proper protocol of IRM examination was developed, which was applied in formalin-preserved human embryos and fetuses, ranging from 22 to 160mm of crown-rump length (CRL), between 7 and 18 weeks of intrauterine life (IU). Two sequences of sagital images of the entire head of each specimen were performed, with interslice gap of 1,0mm. Consequently, images were digitally intercalated, creating a slice sequence of 0,5mm of interslice gap. These images were imported to the MRIcro Ò program for bi and three-dimensional digital reconstruction. In order to evaluate the development of the articular structures of each one of the specimens, histological sections of the TMJ were obtained. The maturation’s degree and the quality of the collagen matrix of the TMJ were determined by the histological sections . The results showed that the developed protocol was capable of capture and process MR images, mainly in the articular maturation stage, after the 13 th week of IU. Histological findings also showed that articular structures are better identified in this stage by RMI examination. This can be explained due to an increase of cellular and collagen matrix differentiation, which undergoes conversion from collagen type III to type I. Bi and three-dimensional models seem to be an efficient tool for the diagnosis of facial development, facilitating its understanding and learning. Further studies and technological advances may be necessary for its application in TMJ’s structures in intrauterine period.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
TeseToda.pdf (7.65 Mbytes)
Data de Publicação
2005-07-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.