• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.23.2012.tde-14012013-124821
Documento
Autor
Nome completo
Livia Maria Dante Aguiar
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Vieira, Glauco Fioranelli (Presidente)
Agra, Carlos Martins
Ferreira, Leila Soares
Título em português
Estudo in vivo da etiologia das lesões cervicais não cariosas
Palavras-chave em português
Desgaste dental
Estudo in vivo
Etiologia
Lesões cervicais não cariosas
Resumo em português
As lesões cervicais não cariosas (LCNCs) são caracterizadas pela perda de estrutura dental no terço cervical dos dentes, que se origina a partir de mecanismos não relacionados com o processo de cárie. Este trabalho buscou investigar a correlação das LCNCs (severidade e acometimento), com os seguintes fatores: idade, sexo, dieta, hábitos parafuncionais, hábitos de higiene dental, distúrbios gástricos e aspectos oclusais. Foram estudados cinquenta pacientes (36 mulheres e 14 homens), com idades entre 20 e 62 anos (média de 40.9 anos). A avaliação consistiu na aplicação de questionários e exame clínico intraoral. Um índice de desgaste dental foi utilizado para classificação da severidade das LCNCs e do desgaste da borda incisal/face oclusal. Os resultados mostraram que os primeiros pré-molares (20,5%), segundos pré-molares (19,5%), caninos (14%), primeiros molares (13,9%) e segundos molares (11,6%) foram os dentes mais acometidos pelas LCNCs. Foi constatada correlação positiva entre idade e o percentual de dentes acometidos, ou seja, quanto maior a idade do paciente, maior foi o percentual de dentes acometidos com LCNC (p=0,003). Foi constatado que os pacientes com ingestão diária de alimentos e bebidas ácidas apresentaram relação significante com a severidade das LCNCs (p=0,038) e também apresentaram maior percentual de dentes acometidos pelas LCNCs (p=0,014). Não foi verificada relação significante entre as LCNCs (severidade e percentual de dentes acometidos) com o sexo dos pacientes, número de escovações diárias, apertamento dental, bruxismo, distúrbios gástricos, força durante a escovação e tipo de cerdas da escova. Quanto aos aspectos relacionados à oclusão, foi observada pequena correlação (r=0,079) entre o desgaste cervical e o desgaste da borda incisal/face oclusal. Em nenhum caso foi observada diferença estatística significante da severidade das LCNCs entre dentes que participam ou não do movimento de lateralidade.
Título em inglês
In vivo study of the etiology of noncarious cervical lesions
Palavras-chave em inglês
Etiology
In vivo study
Noncarious cervical lesions
Tooth wear
Resumo em inglês
Noncarious cervical lesions (NCCL) are characterized by loss of tooth structure in the cervical area, and originated by mechanisms unrelated to dental caries process. This study investigated the correlation of NCCL (severity and involvement) with the following factors: age, gender, diet, parafunctional habits, dental hygiene, gastric disorders and occlusal aspects. Fifty patients (36 female and 14 male) aged between 20 and 62 years (mean age of 40.9 years) were evaluated. The evaluation consisted of questionnaires and intraoral clinical examination. A Tooth Wear Index was used to classify the severity of NCCL and wear of the incisal/ occlusal surface. Results indicate that first premolars (20,5%), second premolars (19,5%), canine (14%), first molars (13,9%) and second molars (11,6%) were the teeth most affected by NCCL. There was correlation between the age of patients and the percentage of teeth affected, meaning that the older the patient, the higher the percentage of teeth affected with NCCL (p=0,003). Patients with daily intake of acidic foods and beverages presented a significant relationship with the severity of NCCL (p=0,038) and also a higher percentage of teeth affected by NCCL (p=0,014). There was no significant relationship between NCCL (severity and percentage of affected teeth) and gender of patients, number of daily brushings, teeth clenching, bruxism, gastric disorders, force applied during toothbrushing and characteristics of the toothbrushes. There was a small correlation (r=0,079) between NCCL and the wear of incisal/occlusal surface. Regarding the severity of NCCL, no significant statistical differences were observed between the teeth involved or not in the lateral excursive movement.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-02-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.