• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.23.2007.tde-11042008-105741
Documento
Autor
Nome completo
Ninoshka Uceda Gómez
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Oda, Margareth (Presidente)
Bocangel, Jorge Antonio Javier Saldivar
Kenshima, Silvia
Silva, Alessandra Reis
Vieira, Glauco Fioranelli
Título em português
Degradação de interfaces adesivas formadas após desmineralização e desproteinização da dentina
Palavras-chave em português
Dentina
Hipoclorito de sódio
Microtração
Resistência de união
Sistemas adesivos
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi avaliar a resistência de união de 2 sistemas adesivos convencionais de dois passos (Single Bond-SB, 3MESPE e One Step-OS, Bisco) aplicados à dentina desmineralizada [SH] e desmineralizada e desproteinizada com NaOCl a 10% [CH], tanto no tempo imediato [IM] como após 12 meses de imersão em água [12M]. Realizou-se também a observação da morfologia das interfaces de união entre os sistemas adesivos e a superfície de dentina em Microscópio Eletrônico de Varredura (MEV) para cada grupo experimental. O esmalte oclusal de 20 molares permanentes hígidos foi removido para expor as superfícies planas de dentina, que foram condicionadas com H3PO4 a 37%, lavadas e secas (grupos SH). Para os grupos CH após o condicionamento ácido foi aplicado hipoclorito de sódio a 10% durante 60 s, seguido de lavagem por 15 s. Os sistemas adesivos foram aplicados de acordo com as recomendações dos fabricantes. Coroas de resina composta (Z-250, 3MESPE) foram construídas de forma incremental (600 mW/cm² por 40 s). Após armazenagem em água por 24h a 37°C, os espécimes foram secionados para obter corpos-de-prova na forma de palitos (0,8mm²), que foram testados sob tração (0,5 mm/min) no tempo imediato [IM] ou após 12 meses de armazenamento em água. Dois dentes de cada grupo foram observados em MEV nos dois períodos de tempo. Os dados de resistência de união foram submetidos à uma análise de variância de três fatores e teste de Tukey para contraste das médias (p = 0,05). As interações duplas e triplas não foram estatisticamente significantes (p> 0,05), assim como o fator principal Tratamento de superfície (p = 0,05). Somente os fatores principais Adesivo e Tempo de armazenagem foram significantes (p = 0,04 e p = 0,03, respectivamente). O adesivo SB (43,3 ± 9,1 MPa) apresentou altos valores de resistência de união quando comparado com o OS (33,3 ± 11,6 MPa). A resistência de união do grupo IM (42,5 ± 8,7) foi estatisticamente superior à grupo 12M (33,3 ± 11,8).
Título em inglês
Long-term bond strengths of adhesive systems applied to etched and deproteinized dentin
Palavras-chave em inglês
Adhesive systems
Dentin
Micro-tensile bond strength
Sodium Hypochlorite
Resumo em inglês
The aim of this study was to evaluate the early and 12-month bond strengths of two adhesive systems (Single Bond-SB, 3MESPE and One Step-OS, Bisco) applied to demineralized dentin (WH) and demineralized/NaOCl-treated dentin (H). The adhesive interfaces were also micromorphologically evaluated by Scanning Electron Microscopy (SEM). Twenty flat dentin surfaces were exposed. They were etched, rinsed and slightly dried. For the H groups, a solution of 10% NaOCl was applied for 60s, rinsed (15 s) and slightly dried. The adhesives were applied according to the manufacturer's instructions and composite resin crowns were incrementally constructed. After 24 h (water-37°C), the sample was sectioned in order to obtain resin-dentin sticks (0.8 mm²). The specimens were tested in tension (0.5 mm/min) immediately (IM) or after 12 months of water storage (12M). Two teeth from each experimental group were restored as described previously and evaluated under SEM, under the two storage periods. The data (MPa) were subjected to three-way ANOVA and Tukey's test (? = 0.05). No significant effects for the triple and double interactions (p > 0.05) as well as for the main factor Surface treatment were observed (p > 0.05). Only the main factors Adhesive and Storage time were statistically significant (p = 0.004 and p = 0.003, respectively). The adhesive SB (42.3 ± 9.1) showed higher bond strengths than OS (33.6 ± 11.6). The mean bond strength for IM-group (42.5 ± 8.7) was statistically superior to 12M (33.3 ± 11.8). The use of 10% sodium hypochlorite, after acid etching, did not improve the immediate and the long term resin-dentin bond strengths for acetone and water/alcohol based adhesive systems.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-06-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.