• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.23.2015.tde-21092015-151040
Documento
Autor
Nome completo
Daniela Hesse
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Raggio, Daniela Prócida (Presidente)
Novaes, Tatiane Fernandes de
Bonifácio, Clarissa Calil
Mascaro, Monique Saveriano de Benedetto
Sanabe, Mariane Emi
Título em português
Longevidade de restaurações ART em cavidades ocluso-proximais utilizando diferentes técnicas de inserção e proteção superficial
Palavras-chave em português
Cimentos de ionômeros de vidro
Dente decíduo
Proteção superficial
Tratamento restaurador atraumático
Resumo em português
O objetivo desta pesquisa foi avaliar a longevidade de restaurações ocluso-proximais realizadas pelo Tratamento Restaurador Atraumático (ART) com duas formas de inserção do cimento de ionômero de vidro (CIV - técnica convencional e técnica em duas camadas), assim como avaliar a influência do tipo de proteção superficial (vaselina sólida e resina fluida com nanopartículas - G-Coat Plus® - GC Corp). Além disso, investigou-se o desgaste clínico das restaurações convencionais de ART protegidas com vaselina sólida e G-Coat Plus®. Lesões de cárie ocluso-proximais em molares decíduos de 208 crianças foram selecionadas e divididas aleatoriamente em quatro grupos: grupo 1, inserção do CIV de maneira convencional e proteção superficial realizada com vaselina; grupo 2, inserção do CIV pela técnica em duas camadas e proteção superficial realizada com vaselina; grupo 3, inserção do CIV de maneira convencional e proteção superficial realizada com G-Coat Plus®; grupo 4, inserção do CIV pela técnica em duas camadas e proteção superficial realizada com G-Coat Plus®. As restaurações foram avaliadas clinicamente após 1, 6, 12, 18, 24 e 36 meses. Adicionalmente, 32 crianças foram selecionadas (16 pertencentes ao grupo 1 e 16 pertencentes ao grupo 3) para serem submetidas a impressões do hemi-arco envolvendo a restauração realizada com moldeira parcial e silicona de adição, para posterior obtenção de modelos com o uso de resina ortoftálica. As moldagens foram realizadas 1 dia após a realização das restaurações (baseline) e durante as avaliações de 6, 12, 18, 24 e 36 meses. Os modelos obtidos foram levados para Academic Centre for Dentistry Amsterdam (ACTA), Holanda, para análise do desgaste superficial do material restaurador em aparelho de scanner em 3D e a subtração das imagens obtidas foi realizada em programa de computador apropriado. Foram realizados análise de sobrevida de Kaplan-Meier e teste de Log-rank para avaliar a taxa de sobrevida das restaurações. A análise de regressão de Cox foi usada para verificar a influência de fatores clínicos na longevidade das restaurações. Para avaliação do desgaste das restaurações foi aplicado o teste ANOVA de dois fatores e Tukey post-hoc. O nível de significância para os testes foi considerado como 5%. Os resultados demonstraram que a sobrevida global das restaurações foi de 52,8% após 36 meses de acompanhamento e o tipo mais comum de falha encontrado foi a fratura/perda da restauração, sendo este tipo de falha significativamente mais prevalente no grupo de restauração de ART convencional protegido com vaselina (p<0,05). A análise de sobrevida indicou uma melhor sobrevida das restaurações realizadas pela técnica em duas camadas, em comparação com restaurações convencionais (p=0,005), enquanto as restaurações convencionais protegidas com GCoat Plus® apresentaram maior sobrevida, em comparação com aquelas protegidas com vaselina (p=0,035). A análise de regressão de Cox não mostrou nenhuma influência de qualquer variável testada na longevidade das restaurações. Em relação ao desgaste clínico, observou-se uma menor taxa de desgaste das restaurações protegidas com o GCoat Plus® quando a área selecionada de 1mm2 foi analisada (p<0,05). Porém quando todo o hemi-arco do paciente foi considerado, não houve diferença significativa entre os dois grupos avaliados (p>0,05). Pode-se concluir que a sobrevida de restaurações ocluso-proximais realizadas pelo ART em dentes decíduos é maior quando realizadas com a técnica em duas camadas. Além disso, a proteção superficial do CIV realizada com a resina fluida nanoparticulada aumenta a longevidade e reduz o desgaste das restaurações convencionais de ART em dentes decíduos.
Título em inglês
Proximal ART restorations using different insertion techniques and surface protection materials
Palavras-chave em inglês
Atraumatic restorative treatment, Surface protection
Glass ionomer cements
Primary teeth
Resumo em inglês
The aim of this research was to evaluate the survival rate of occluso-proximal restorations performed by the Atraumatic Restorative Treatment (ART) with two different insertion techniques of the glass ionomer cement (GIC - conventional technique and bilayer technique), and assess the influence of the type of surface protection (petroleum jelly and a nanofilled particles coating for GIC - G-Coat Plus® - GC Corp). Furthermore, we investigated the clinical wear of conventional ART-restorations protected with petroleum jelly and G-Coat Plus®. Occluso-proximal caries lesion in primary molars from 208 schoolchildren were selected and randomly assigned into four groups: group 1, conventional GIC insertion protected with petroleum jelly; G2, bi-layer technique protected with petroleum jelly; G3 conventional GIC insertion protected with G-Coat Plus®; G4, bi-layer technique protected with G-Coat Plus®. The restorations were clinically evaluated after 1, 6, 12, 18, 24 and 36 months. Additionally, 32 children were selected (16 from group 1 and 16 from group 3) to have impressions of the hemi-arc involving the restoration accomplished. The impressions were carried out 1 day after treatment and during the assessment periods of 6, 12, 18, 24 and 36 months. The impressions were taken to the Academic Centre for Dentistry Amsterdam (ACTA), The Netherlands, to have the restorative material wear evaluated in 3D scanner and the obtained images were subtracted in appropriate computer software. Kaplan-Meier survival analysis and log-rank tests were performed to verify the survival rate of restorations. Cox regression analysis was used to verify the influence of clinical factors in the longevity of restorations. Two-way ANOVA and Tukey post-hoc test were used to analyze the wear of the restorations. The significance level for the tests was considered as 5% .The results showed that the overall survival rate of the restorations was 52.8% after 36 months of follow-up and the most prevalent type of failure was fracture / loss of restoration, in that conventional ART-restoration protected with petroleum jelly group presented significantly more prevalence of this type of failure (p<0.05). Survival analysis showed better survival of the two layers technique compared with conventional insertion of GIC (p=0.005), while the conventional restorations protected with G-Coat Plus® showed higher survival rate compared with those protected with petroleum jelly (p=0.035). Cox regression analysis showed no influence of any variable tested on the longevity of restorations. Regarding the clinical wear, there was a significant difference between the coated and uncoated restorations when the selected area of 1mm2 of the restoration was investigated (p<0.05), with a clear wear protection offered by the application of nanofilled resin coat; however when investigating the hemi-arch of patients, there were no significant differences between the two materials (p>0.05). We can conclude that the survival rate of the approximal ART-restorations in primary teeth was positively influenced by the bi-layer technique. Furthermore, the application of a nanofilled particles coating for GIC increased the longevity and decreased the wear of conventional ART-restorations in primary teeth when compared to petroleum jelly.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-09-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.