• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.22.2005.tde-04082005-101324
Documento
Autor
Nome completo
Patricia Helena Vivan Ribeiro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2005
Orientador
Banca examinadora
Moriya, Tokico Murakawa (Presidente)
Costa, Joao Carlos da
Hayashida, Miyeko
Título em português
"Acidentes com material biológico potencialmente contaminado em alunos de um curso de odontologia do interior do estado do Paraná"
Palavras-chave em português
biossegurança
estudante de odontologia
riscos ocupacionais
Resumo em português
Trata-se de um estudo descritivo exploratório com abordagem de análise quantitativa, cujo objetivo foi estudar a ocorrência de acidentes com material biológico potencialmente contaminado e os fatores de risco envolvidos entre os alunos do Curso de Odontologia do interior do Estado do Paraná, Brasil. Para a coleta de dados, aplicou-se um questionário contendo perguntas abertas e fechadas. Este instrumento foi aplicado aos alunos após a observação dos aspectos ético-legais. Participaram do estudo 172 alunos da 3ª, 4ª e 5ª série do curso. Destes, 122 (70,9%) alegaram ter sofrido exposição acidental com material potencialmente contaminado. A maioria dos alunos que sofreram exposição acidental é do sexo feminino (61,0%) e estão cursando a 5ª série do curso, a idade predominante ficou entre 20 e 26 anos (86,1%). O número de acidentes mencionados pelos 122 alunos totalizou 448. Quanto ao tipo de exposição, a de pele íntegra foi a mais freqüente, seguida da exposição em mucosa e em 3º o acidente percutâneo perfazendo uma média total de 2,6 acidentes por aluno sendo a média de 0,23 para acidentes percutâneos. As topografias mais afetadas nestas exposições foram os olhos, mãos e dedos, enquanto que as brocas e agulha de anestesia foram citadas como os principais objetos causadores destes acidentes. A situação de ocorrência mais encontrada foi o ato de se utilizar normalmente um instrumental e o momento de realizar a limpeza dos instrumentais. Foi nas disciplinas de Clínica Integrada, Periodontia e Dentística que ocorreram a maioria das exposições. Quanto à severidade, 41,8% das exposições foram consideradas superficiais e 22,1% como moderadas. Apenas 10,7% dos alunos que sofreram exposição procuraram atendimento para avaliação e conduta em relação à exposição, 88,6% dos sujeitos receberam as três doses da vacina contra hepatite B. Observou-se ainda que nem sempre os alunos faziam uso dos Equipamentos de Proteção Individual, sendo que o uso dos óculos de proteção e a utilização de luvas de borracha grossa para realizar a limpeza dos materiais foram os mais negligenciados. Este estudo permitiu concluir que o risco de exposição a material biológico é iminente para esta categoria e que é necessário estabelecer estratégias de intervenção urgentes tanto em nível institucional quanto acadêmico a fim de reduzir estes riscos.
Título em inglês
Accidents with potentially biologically contaminated material in students from the course of odontology in the interior of the State of Paraná.
Palavras-chave em inglês
biosafety
occupational risks
odontology student
Resumo em inglês
This is an exploratory descriptive study with a quantitative analysis approach, which objective was to study the occurrence of accidents with potentially biologically contaminated material and the risk factors involving the students from the Course of Odontology in the interior of the State of Paraná, Brazil. For the data collection, a questionnaire was applied containing open and closed questions. This instrument was applied to the students after the observation of the ethical-legal aspects. One hundred and seventy two students from the 3rd, 4th and 5th years of the course participated in the study. From these students, 122 (70.9%) alleged to have suffered accidental exposition with potentially contaminated material. Most of the students that suffered accidental exposition were female (61.0%) and they were at the 5th year of the course, the predominant age was between 20 and 26 years old (86.1%). The number of accidents mentioned by the 122 students summed 448. The most frequent kind of accident occurrences was the intact skin, followed by the exposition of mucous membrane and the percutaneous accident which made a total average of 2.6 accidents for each student and the average of 0.23 for percutaneous accidents alone. The most affected areas in these expositions were the eyes, hands and fingers, and the drills and the anesthesia needles were mentioned as the main objects that causes these accidents. The most found occurrence situation was the common action of using an instrument and at the moment of cleaning them. It was in the courses of Integrated Clinic, Periodontics and Dentistics that happened most of the expositions. As for the severity of the cases, 41.8% of the expositions were considered superficial and 22.1% were moderate. Only 10.7% of the students exposed to some kind of injury, sought for a service of checking and possible treatment; 88.6% of the persons received the three doses of the hepatitis B vaccine. It was observed though, that students didn’t usually make use of the Equipments of Individual Protection. The use of the protection glasses and gloves, made of thick rubber at the time of cleaning the materials were the most neglectful. This study allowed us to conclude that the exposition risk to biological material is imminent for this work category and that it is necessary to establish urgent intervention strategies on an institutional or academic level in order to reduce these risks.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
RIBEIRO_PV-1.pdf (396.62 Kbytes)
RIBEIRO_PV-2.pdf (803.95 Kbytes)
Data de Publicação
2005-08-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.