• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.21.2010.tde-14092012-133655
Documento
Autor
Nome completo
Mariana Coppede Cussioli
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Siegle, Eduardo (Presidente)
Noernberg, Mauricio Almeida
Tessler, Moyses Gonsalez
Título em português
Dinâmica da desembocadura do rio Itanhém, Alcobaça, BA
Palavras-chave em português
desembocadura
modelagem numérica.
morfodinâmica
pontal arenoso
Resumo em português
Os processos morfodinâmicos em sistemas de desembocaduras estão relacionados a uma variedade de condições forçantes que criam condições hidrodinâmicas únicas. Correntes de maré, ondas e descarga fluvial, interagindo em diferentes níveis resultam em complexos padrões dinâmicos. O objetivo do presente trabalho é entender os processos que controlam a dinâmica da desembocadura do estuário do rio Itanhém, Alcobaça, BA. A dinâmica do ambiente foi analisada através de imagens de satélite LANDSAT5-TM e da aplicação de um modelo numérico. As imagens de satélite disponíveis, para os anos de 1987, 1990, 1996, 2007, 2008 e 2009, foram utilizadas para extrair os contornos da linha de costa que, juntamente com dados batimétricos constituíram as malhas para o desenvolvimento de uma série de experimentos numéricos. O modelo numérico utilizado foi o MIKE 21 FM. Foram utilizados três módulos: propagação de ondas, hidrodinâmico e de transporte de sedimento, com retroalimentação entre as mudanças morfológicas e a hidrodinâmica. A descrição dos processos observados pelas imagens de satélite, juntamente com os resultados dos experimentos numéricos mostraram que na região ocorreu acúmulo de sedimentos com consequente crescimento de um pontal a barlamar da desembocadura entre 1987 e 2007. Em 2007 o pontal atingiu seu tamanho máximo, e em função de um evento de alta energia, se rompeu ao norte, deixando dois canais. No período quando o canal era mais estreito, houve maior transporte pela deriva verificado pelo crescimento do banco. Já no período de canal mais largo, houve interrupção na deriva e o banco não cresceu. O mecanismo principal de transporte de sedimentos na área de estudo deve-se principalmente à incidência das ondas do quadrante nordeste, que gera uma corrente de deriva litorânea para sul. As ondas do quadrante sul e sudeste, mais energéticas, e que poderiam gerar deriva na direção oposta, são refratadas pela presença dos parcéis e da progradação da linha de costa em Caravelas, localizados a sudeste e sul da área de estudo. O novo canal formado pelo rompimento do pontal tornou-se o principal meio de fluxo das correntes. Este fluxo atua como uma barreira, interrompendo a deriva litorânea de sedimentos, aprisionando-os a barlamar e limitando o suprimento de sedimentos responsáveis pelo crescimento do banco arenoso ao sul. Nota-se que o tamanho e a largura do novo canal definem a quantidade de sedimentos que atravessa a desembocadura, controlando o crescimento deste banco.
Título em inglês
Morphodynamics at the Itanhaém Inlet, Alcobaça, BA
Palavras-chave em inglês
inlet
morphodynamics
numerical modelling
sand spit
Resumo em inglês
The morphodynamic processes at inlet systems are related to a variety of forcing conditions that create unique hydrodynamic conditions. The interaction of tidal currents, wave conditions, and river discharge at different levels result in complex dynamic patterns. The present work aims to understand the processes that control the dynamics of the Itanhaém River, Alcobaça (BA). The system dynamics was analyzed through the combined application of LANDSAT5-TM satellite images, field measurements and numerical modelling. A set of satellite images (for 1987, 1990, 1996, 2007, 2008 and 2009) was used to extract the coastline contours which, combined with the bathymetric data, defined the grids for a series of numerical experiments. Three modules of the MIKE 21 FM model have been applied: wave propagation, hydrodynamic and sediment transport, including the feedback between the morphological changes and the hydrodynamics. The description of the processes observed through the satellite images and the results of the numerical experiments show that there is a spit growth driving the inlet southwards between 1987 and 2007. In 2007 the spit reached its maximum extent and a high wave energy event breached the spit leaving the system with two openings to the ocean. The sediment supply to the southern sandbar is controlled by the longshore drift, with its quantities being apparently controlled by the inlet width. The main mechanism of sediment transport in the study area is mainly due to the northeasterly waves, moving sediments southwards. The more energetic southerly waves, which could lead to transport in the opposite direction, are refracted due to the wide shelf and the presence of coral reefs in the region. The new inlet formed by the spit breach became the main flow channel. This flow interrupts part of the littoral drift, retaining sediment updrift and limiting the sediment supply downdrift. The size and width of the new inlet define the amount of sediment being bypassed, controlling the growth of the sandbar.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-12-07
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • CUSSIOLI, M.C., et al. Morphodynamics at the Itanhém inlet. In Coastal Sediments, Miami, 2011. Coastal Sediments 2011 Papers., 2011.
  • CUSSIOLI, M.C., YOKOYAMA, C. K., e SIEGLE, E. The dynamics of the Itanhém inlet, Alcobaça, BA, Brazil. In XIII Colacmar, Havana, Cuba, 2009. Resumos XIII Colacmar., 2009. Resumo.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.