• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.18.2018.tde-23052018-102151
Documento
Autor
Nome completo
Wilson Milani Zambianco
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2018
Orientador
Banca examinadora
Rebelatto, Daisy Aparecida do Nascimento (Presidente)
Batalha, Mario Otávio
Périco, Ana Elisa
Título em português
Avaliação do desempenho das regiões canavieiras do estado de São Paulo: uma análise de variáveis econômicas, sociais e ambiental utilizando Análise Envoltória de Dados (DEA) e Índice Malmquist
Palavras-chave em português
DEA
Eficiência
Índice Malmquist
Setor sucroenergético
Sustentabilidade
Resumo em português
O setor sucroenergético é um importante setor dentro da economia brasileira, e também um dos mais significativos para o estado de São Paulo, que em 2015 respondeu por 57% do valor de toda a produção agrícola do estado, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE (2017), além de empregar mais de 220 mil pessoas e gerar cerca de R$ 560 milhões em renda, segundo o Ministério do Trabalho e Emprego - MTE (2017). A partir da década de 2000, houve um crescimento expressivo da área cultivada com cana-de-açúcar, tanto em São Paulo quanto no Brasil, se expandindo para regiões anteriormente ocupadas por outras culturas. Nesse período também ocorreu a substituição da colheita manual com uso de fogo pela colheita mecanizada sem uso de fogo. Tendo em vista tais transformações observadas pelo setor sucroenergético, este trabalho propõe o uso do método Análise Envoltória de Dados – DEA a fim de avaliar a eficiência econômica, social e ambiental das microrregiões canavieiras do estado de São Paulo, com o objetivo de identificar quais regiões foram eficientes em converter seus fatores de produção em fatores econômicos, sociais e ambientais durante o período de 2007 a 2014. Foram montados quatro modelos considerando os fatores de produção capital, terra e trabalho como inputs para todos eles; já como outputs, foram consideradas variáveis que representassem cada um dos modelos: econômico, social, ambiental e sustentável. Os resultados indicam que, de maneira geral, em determinadas regiões, sobretudo as áreas de expansão, o nível de eficiência é maior que naquelas tradicionais, demonstrando que o setor vem crescendo de maneira mais eficiente nas regiões de expansão, e que as políticas a fim de promover melhores indicadores de sustentabilidade estão apresentando resultados positivos. Contudo, o setor canavieiro ainda necessita de ações voltadas à melhoria de alguns de seus índices de sustentabilidade, sobretudo em relação aos pilares econômicos e sociais, a fim de direcioná-lo a um coerente desenvolvimento sustentável.
Título em inglês
Performance evaluation of the sugarcane regions of the State of São Paulo: an analysis of economic, social and environmental variables using Data Envelopment Analysis (DEA) and Malmquist Index
Palavras-chave em inglês
DEA
Efficiency
Malmquist Index
Sugarcane industry
Sustainability
Resumo em inglês
The sugarcane industry is an important sector for the Brazilian economy, and also one of the most significant to the state of São Paulo, which in 2015 accounted for 57% of the value of all agricultural production in the state, according to data from the Brazilian Institute of Geography and Statistics - IBGE (2017), besides employing more than 220 thousand people and generating around R$ 560 million in income, according to the Ministry of Labor and Employment - MTE (2017). Since the 2000s, there has been an expressive growth of the cultivated area with sugarcane, in São Paulo and Brazil, expanding to regions formerly occupied by other crops. During this period, the manual sugarcane harvest by the use of fire was replaced by the mechanized sugarcane harvest, without needing the use of fire. In order to evaluate the economic, social and environmental efficiency of sugarcane microregions in the state of São Paulo, this work proposes the use of the Data Envelopment Analysis - DEA method to identify which regions were efficient in converting their factors of production into economic, social and environmental factors during the period from 2007 to 2014. Four models were constructed considering factors of production - capital, land and labor - as inputs for all of them. In relation to the outputs, it was considered variables that represented each one of the models: economic, social, environmental and sustainable. Generally, the results indicated that in some regions, especially in the expansion areas, the level of efficiency was higher than in the traditional ones, showing that the sector has been growing more efficiently in the expansion regions, and that policies that aimed the promotion of better sustainability indicators are showing positive results. However, the sugarcane industry still needs actions aimed at improving some of its sustainability indices, especially in relation to the economic and social pillars, in order to direct it towards a coherent sustainable development.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-07-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.