• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2018.tde-23042018-104135
Documento
Autor
Nome completo
Larissa Solange Moreira Paterlini
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2017
Orientador
Banca examinadora
Hamad, Ana Paula Andrade (Presidente)
Pfeifer, Luzia Iara
Scornavacca, Francisco
Zuanetti, Patrícia Aparecida
Título em português
Triagem e diagnóstico de dificuldades de aprendizagem - Aplicação e desfecho de avaliações interdisciplinares de uma série de casos
Palavras-chave em português
Estudantes
Relações interprofissionais
Transtornos de aprendizagem
Triagem
Resumo em português
O processo de aprendizagem escolar ocorre em um dinamismo evolutivo a partir do amadurecimento das áreas corticais superiores, o que permite a aquisição da leitura, escrita, interpretação, argumentação, cálculo e raciocínio lógico. Diversos fatores podem interferir negativamente nesse processo levando às dificuldades de aprendizagem. Essas interferências podem ser por fatores intrínsecos primários como as alterações neurobiológicas que ocorrem no Transtorno Específico de Aprendizagem e no Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH), ou por fatores intrínsecos secundários como os problemas psicoemocionais e doenças crônicas, ou ainda por interferências extrínsecas como os ambientais desfavoráveis. Neste trabalho, foi descrito o processo de triagem interdisciplinar do Ambulatório de Distúrbio de Comportamento e Aprendizagem (ADCA) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (HCFMRPUSP), para diagnóstico de dificuldade de aprendizagem em crianças de 6 a 10 anos procedentes de uma única escola do ensino fundamental. Devido à complexidade e interdisciplinaridade do tema abordado contou-se com profissionais da área da saúde (fonoaudiólogo, neuropediatra, neuropsicólogo, psiquiatra infantil e terapeuta ocupacional) e da educação (pedagogo) que participaram da aplicação de testes e discussão dos resultados para definição de diagnóstico. Foi realizada uma triagem baseada em análise estatística do rendimento escolar em 104 crianças, com seleção de 56 alunos (54%). No entanto, apenas 27 alunos (48%) dessa amostra concluíram as avaliações. Após a bateria de testes, todos os alunos selecionados que compareceram à avaliação, obtiveram ao menos um diagnóstico compatível com dificuldade de aprendizagem. Entre as causas mais frequentes das dificuldades de aprendizagem, encontrou-se os sintomas/transtornos de ansiedade, o TDAH e os transtornos específicos de aprendizagem, representados por 15 (55%), 13 (48%) e 6 (22%), respectivamente, dos alunos avaliados. Em alguns casos essas condições foram comórbidas. Conclui-se que a escolha por uma escola atendeu as expectativas de homogeneizar a população em estudo; a análise estatística de rendimento escolar pode ser considerado um método com boa sensibilidade; a baixa adesão às avaliações permite evidenciar o quão difícil é para os pais compreenderem a importância dessa investigação; a abordagem interdisciplinar foi uma avaliação criteriosa e conclusiva sobre os variados diagnósticos encontrados e por fim, os diagnósticos mais encontrados foram os sintomas/transtornos de ansiedade, seguido por TDAH e por Transtornos Específicos de Aprendizagem.
Título em inglês
Screening and Diagnoses of Learning Disabilities - Application and the outcome of Interdisciplinary evaluations of a series of cases
Palavras-chave em inglês
Interprofessional relations
Learning disabilities
Screening
Students
Resumo em inglês
The process of school learning occurs in an evolutionary dynamism from the maturation of the upper cortical areas. They allow the acquisition of writing, reading, interpretation, argumentation, calculation and logical reasoning. Thus, many factors can interfer in this process negatively, generating learning disabilities. These interferences can be associated with; (1) primary intrinsic factors like the neurobiological alterations observed in the Attention Deficit Hyperactivity Disorder (ADHD) and Specific Learning Disorders (SLD); (2) secondary intrinsic factor like the psicoemotional problem or cronic diseases; (3) extrinsic interferences such as unfavorable ambient. This work described interdisciplinary evaluations to diagnose learning disabilities in children to 6 from 10 years. All the students are at the same school. It was chosen just one place to homogenize the population sample. The tests were applied in the Behavioral Disorder Learning Ambulatory (BDLA) in the Clinical Hospital of the School of Medicine of Ribeirão Preto - University of São Paulo. Due to the complexity and the interdisciplinary question, different types of health and educational professionals (speech therapist, neuropsychologist, neuropsychologist, child psychiatrist, occupational therapist and educacionalist) participated in this study. It was made a sorting of 104 children based on their school performance, which was selected 56 (54%). However, just 27 students (48%) finished the evaluation. After the tests, all students presented at least one diagnosis associated with learning disabilities. The most important causes found: 15 students (55%) with anxiety symptoms, 13 (48%) with ADHD and 6 (22%) with Specific Learning Disorders. In some situations, this conditions occurred simultaneously. In this way, it was concluded that: the statistical analysis showed a good sensibility; the lower accession in this research showed that the parents didn't know about the importance of this investigation; the interdisciplinary approach were carefully and conclusive evaluation of various diagnoses and the most frequence of them were: anxiety symptoms followed by ADHD and Specific Learning Disorders.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-07-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.