• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2018.tde-24042018-172510
Documento
Autor
Nome completo
Mariana Cristina Zanin
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2017
Orientador
Banca examinadora
Felicio, Claudia Maria de (Presidente)
Cassiani, Rachel de Aguiar
Motta, Ana Carolina Fragoso
Rocha, Eduardo Melani
Título em português
Funções orofaciais em portadores de síndrome de Sjögren
Palavras-chave em português
Articulação temporomandibular
Avaliação
Deglutição
Mastigação
Síndrome de Sjögren
Resumo em português
Introdução: A Síndrome de Sjögren (SS) é uma doença crônica, sistêmica, autoimune que afeta diversas glândulas, principalmente lacrimais e salivares, causando sensação de olhos e boca secos. Objetivo: Investigar as características miofuncionais orofaciais e a presença de sinais e sintomas de Desordem Temporomandibular (DTM) em portadores de Síndrome de Sjögren, comparativamente a um grupo controle. Metodologia: Estudo transversal, prospectivo descritivo e comparativo. Participaram 19 mulheres (média de idade: 33,2±8,7 anos), seis portadoras da forma primária da SS e treze portadoras da forma secundária da SS.Vinte mulheres saudáveis, pareadas por idade (média de idade 31,9±9,3 anos) compuseram o grupo controle (grupo C). As avaliações e os exames realizados foram: Protocolo de Avaliação Miofuncional Orofacial com Escores (AMIOFE), medida dos limites de movimentos mandibulares, pressão de língua e de lábios (Iowa Oral PerformanceInstrument- IOPI), palpação dos músculos e das articulações temporomandibulares (ATMs), Instrumento de Autoavaliação da Alimentação (EAT-10), questionário para investigação dos sinais e sintomas de desordem temporomandibular (ProDTMmulti), escala de dificuldade para mastigar, escala de funcionalidade mandibular (JFLS) e eletromiografia de superfície (EMG) dos músculos da mastigação e deglutição. Os dados categóricos ou com distribuição não normal foram analisados pelo teste estatístico não paramétrico de Mann-Whitney e aqueles com distribuição normal pela Análise de Variância (ANOVA), seguida do pós-teste. O nível de significância adotado foi P< 0,05. Resultados: O grupo SS apresentou diferenças estatisticamente significantes na comparação com o grupo C, com piores condições na avaliação miofuncional orofacial, quanto ao aspecto/postura das estruturas orais, a mobilidade de lábios, língua, bochechas e mandíbula, assim como nas funções de mastigação, deglutição e respiração. Foram também estatisticamente menores a abertura bucal, a distância interincisal horizontal, a pressão da língua na protrusão e elevação (valor da média e máximo), bem como no valor da deglutição. Os portadores de SS mostraram, por meio de escores,maior dificuldade para mastigar e risco de disfagia (EAT-10). Também foram maiores no grupo SS, comparado ao controle, os escores de dor à palpação, a severidade dos sinais e sintomas de DTM (ProDTMmulti) e a limitação funcional da mandíbula (JFLS). A atividade dos músculos mastigatórios nas provas de máxima contração voluntária (MCV) foi menor no grupo SS com um maior impacto por ciclo na mastigação unilateral esquerda. As mudanças temporais na deglutição, com duração aumentada para a consistência líquida e reduzida na deglutição de sólido também foram significantes no grupo SS, comparado ao grupo C. Conclusão: os resultados mostraram que os portadores de Síndrome de Sjögren apresentam prejuízos acentuados na musculatura e funções orofaciais e sinais e sintomas de DTM moderados, uma percepção de grande limitação funcional. Portanto, as consequências da SS não se resumem às queixas subjetivas, mas sim envolvem comprometimentos reais do sistema e funções estomatognáticas.
Título em inglês
Orofacial functions in patients with Sjögren's syndrome
Palavras-chave em inglês
Deglutition
Evaluation
Mastication
Sjögren´s Syndrome
Temporomandibular joint
Resumo em inglês
Introduction: Sjögren's syndrome (SS) is a chronic, systemic, autoimmune disease that affects several glands, mainly lacrimal and salivary, causing dry eyes and mouth. Objective: To investigate myofunctional orofacial characteristics and the presence of signs and symptoms of Temporomandibular Disorderers (TMD) in Sjögren's Syndrome patients compared to a control group. Methodology: Prospective descriptive and comparative cross-sectional study. Participants were 19 women (mean age: 33,2±8,7), with primary (n = 6) or secondary (n = 13) Sjögren Syndrome (SS group) and 20 healthy women, matched by age (mean age: 31,9 ±9,3-C group). The evaluations and examinations were performed with the Protocol of Orofacial Myofunctional Evaluation with Scores (OMES), measurement of limits of mandibular movements, tongue and lip pressure measure with Iowa Oral Performance Instrument (IOPI), Eating Assessment Tool (EAT-10), Temporomandibular Muscles and Temporomandibular Joint (TMJ) palpation, questionnaire for investigation of signs and symptoms of temporomandibular disorder (ProDTMmulti), difficulty of Chewing Scale, Jaw Functional Limitation Scale (JFLS), and Surface Electromyography (sEMG) of chewing and swallowing muscles. The categorical or non-normal distribution data were analyzed by nonparametric Mann-Whitney statistical test and data with normal distribution analyzed by Variance Analysis (ANOVA), followed by post-test. The level of significance was P<0.05. Results: The SS group presented statistically significant differences in comparison with group C, with worse conditions in the orofacial myofunctional evaluation, regarding the appearance / posture of oral structures, mobility of lips, tongue, cheeks and mandible, as well as in the functions of chewing, swallowing and breathing. The oral opening, horizontal interincisal distance, tongue pressure on protrusion and elevation (mean and maximum value), as well as the value of swallowing were also statistically lower. SS patients showed by scores greater difficulty in chewing and risk of dysphagia (EAT-10). There were also higher in the SS group, compared to control, pain scores at palpation, the severity of TMD signs and symptoms (ProDTMmulti) and functional limitation of the mandible (JFLS). The activity of the masticatory muscles in the tests of maximum voluntary contraction (MCV) was also lower in the SS group with a greater impact per cycle during the masticatory EMG. The temporal changes in swallowing, with increased duration for the liquid consistency and reduced for solid swallowing were also significant in the SS group, compared to the control. Conclusion: the results showed that patients with Sjögren's Syndrome present marked impairments in musculature and orofacial functions and moderate TMD signs and symptoms, a perception of great functional limitation. Therefore, the consequences of SS are not limited to subjective complaints, but rather involve real system compromises and stomatognatic functions.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-07-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.