• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2007.tde-07012008-132540
Documento
Autor
Nome completo
Rodrigo César Rosa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2007
Orientador
Banca examinadora
Defino, Helton Luiz Aparecido (Presidente)
Picado, Celso Herminio Ferraz
Zardo, Erasmo de Abreu
Título em português
Influência do preparo do orifício piloto e da freqüencia de colocação do implante no seu torque de inserção e resistência ao arrancamento
Palavras-chave em português
Biomecânica.
Coluna Vertebral
Parafuso ósseo
Resumo em português
O objetivo do estudo foi avaliar a influência do diâmetro do orifício piloto e a freqüência da colocação dos implantes no torque de inserção e na resistência ao arrancamento. Foram utilizados parafusos de 5, 6 e 7mm do sistema USS de fixação vertebral, os quais foram inseridos nos corpos de prova de madeira, poliuretana, polietileno e osso bovino. Para inserção dos implantes foram confeccionados com broca orifícios piloto com diâmetros menor, igual e maior que o diâmetro interno do parafuso. O torque de inserção dos parafusos avaliado nos corpos de prova de madeira foi mensurado por meio de torquímetro com capacidade de 5Nm, e nos demais corpos de prova foi utilizado torquímetro de 2Nm. Os ensaios mecânicos de arrancamento dos parafusos foram realizados utilizando máquina universal de ensaio Emic? e Software Tesc 3.13 para análise dos resultados, utilizando células de carga com capacidade de 2000 N e 20000 N, selecionadas de acordo com a resistência mecânica de cada corpo de prova, e com velocidade de aplicação de força de 2 mm/min. Os valores do torque de inserção dos parafusos de 5, 6 e 7mm de diâmetro externo, nos diferentes materiais, apresentaram maiores valores de torque na primeira inserção, com exceção dos corpos de prova de poliuretana com orifício piloto de 5,5mm. O diâmetro do orifício piloto em relação ao diâmetro interno do parafuso apresentou influência no torque de inserção dos implantes, nos diferentes corpos de prova, observando maior torque de inserção nos corpos de prova com orifício piloto menor que o diâmetro interno do parafuso e menor torque de inserção nos corpos de prova com diâmetro do orifício piloto maior que o diâmetro interno do parafuso. A força máxima de arrancamento nos parafusos de 5, 6 e 7mm de diâmetro externo, inseridos nos diferentes corpos de prova, apresentaram maiores valores na primeira inserção nos diferentes diâmetros de orifício piloto. O diâmetro do orifício piloto em relação ao diâmetro interno do parafuso apresentou influência na força máxima de arrancamento dos implantes, nos diferentes corpos de prova, observando maior força de arrancamento nos corpos de prova com orifício piloto menor que o diâmetro interno do parafuso e menor força de arrancamento nos corpos de prova com diâmetro do orifício piloto maior que o diâmetro interno do parafuso. Podemos concluir que a freqüência de colocação dos implantes influencia na qualidade da ancoragem. A realização de menor freqüência de colocação dos implantes proporciona uma melhor fixação. A perfuração do orifício piloto com instrumental de menor diâmetro, em relação ao diâmetro interno do parafuso, tende a apresentar melhor fixação do parafuso que a perfuração com diâmetro maior.
Título em inglês
Influence of the pilot hole preparation and screw frequency insertion of the implant on the insertion torque and pulling out resistance
Palavras-chave em inglês
Biomechanics.
Bone Screw
Spine
Resumo em inglês
The aim of the study was to evaluate the influence of the diameter of the pilot hole and the frequency of screw placement on pullout out resistance and insertion torque of the pedicle screw. Pedicle screws of 5, 6 and 7mm of the USS system for vertebral fixation were inserted into wood, polyurethane, polyethylene and bovine bone. The pilot hole for screw insertion was drilled with small, equal and wider than the internal diameter of the screw. The insertion torque was measured in the wood test bodies used a torquímetro with capacity of 5Nm, and other test bodies was used a torquimetro of 2Nm. Mechanical pullout assays were performed using a universal testing machine rehearsals of screws pullout were accomplished using universal machine Emic® and Software Tesc 3.13 for analysis of the results. Load cells were using with capacity of 2000 N and 20000 N, selected in agreement with the mechanical resistance of each test bodies. A constant displacement rate of 2mm/min was applied until failure. The values of the insertion torque of the screws of 5, 6 and 7mm of external diameter, in the different materials, they presented highest insertion torque in the first insert, in the different materials, except for the polyurethane test bodies with pilot hole of 5,5mm. The diameter of the pilot hole in relation to the internal diameter of the screw exerts an influence in the torque of insert of the implants. We observed highest insert torque in the test bodies with smaller pilot hole than the internal diameter of the screw and smaller insert torque in the proof bodies with diameter of the wider pilot hole than the internal diameter of the screw. The pullout resistance of the screws of 5, 6 and 7mm of external diameter performed highest values in the first screw insert, in the different diameters of pilot hole and test bodies. The diameter of the pilot hole in relation to the internal diameter of the screw exerts an influence in the pullout resistance of the implants. The highest pullout resistance was observed in the test bodies with smaller pilot hole than the internal diameter of the screw. The smaller pullout resistance was observed in the test bodies with diameter of the larger pilot hole than the internal diameter of the screw. We can conclude that the frequency of placement of the implants influences in the quality of the anchorage. The accomplishment of smaller frequency of placement of the implants provides a better fixation. The perforation of the pilot hole with instrumental of smaller diameter, in relation to the internal diameter of the screw, tends to present better fixation of the screw than the perforation with larger diameter.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
rodrigo.pdf (729.40 Kbytes)
Data de Publicação
2008-02-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.