• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.17.2007.tde-26062008-083913
Documento
Autor
Nome completo
Ana Paula do Rego André
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Moriguti, Julio Cesar (Presidente)
Cação, João de Castilho
Colafêmina, José Fernando
Pedalini, Maria Elisabete Bovino
Reis, Ana Cláudia Mirândola Barbosa
Título em português
Variantes da manobra de epley no tratamento da vertigem postural paroxística benigna de canal posterior em idosos
Palavras-chave em português
Idoso
Reabilitação
Tontura
Resumo em português
A Vertigem Postural Paroxística Benigna (VPPB) é a mais comum das vestibulopatias periféricas, principalmente em idosos e apresenta como etiologia mais comum nessa população à degeneração da mácula utricular. Caracteriza-se por tontura rotatória e nistagmo posicional à mudança de posição da cabeça ou por determinada posição do corpo e, como conseqüência, pode ocorrer quedas e limitações na qualidade de vida dos mesmos, e torná-los limitados físico e emocionalmente. O presente estudo teve como objetivo comparar a eficácia das variantes da manobra de Epley, para que se possa promover ao paciente, cada vez mais, tratamentos rápidos, eficazes e confortáveis. Participaram do estudo 53 voluntários com hipótese diagnóstica otorrinolaringológica de VPPB de canal semicircular posterior por ductolitíase, com faixa etária entre 60 e 91 anos, com média de 67,19 anos. Quanto ao gênero, 38 (71,7 %) eram do sexo feminino. Os pacientes foram distribuídos de forma aleatória em três grupos, conforme tratamento pré-estabelecido, ou seja, no Grupo A, 23 pacientes foram submetidos à manobra de Epley associada ao uso do colar cervical e orientações pós-manobra, enquanto no Grupo B, 15 pacientes foram submetidos à manobra de Epley sem uso do colar cervical e/ou restrições pós-manobra. Por fim, no Grupo C, 15 pacientes foram submetidos à manobra de Epley associada com o uso de um mini vibrador, aplicado na mastóide durante a manobra, sem uso de colar cervical e/ou restrições pós-manobra. No tratamento da VPPB por meio da reabilitação vestibular o número de manobras de Epley variou de uma a três, sendo que este número não foi diferente entre os Grupos estudados. Aplicou-se o questionário (Dizziness Handicap Inventory - DHI brasileiro) pré e pós RV para quantificar a tontura quanto aos aspectos: físico, emocional, funcional e geral. Sobre estes aspectos observou-se diferença estatisticamente significativa (p<0,0001) entre todos os escores pré e pós RV para os três grupos avaliados, embora não se encontrou diferença significativa dos escores entre os grupos estudos, com exceção da diferença média entre o Grupo A e o Grupo B dentro do tempo pós (p=0,009). Concluímos que os escores dos aspectos avaliados no DHI brasileiro melhoraram após intervenção fonoaudiológica pela RV nos pacientes idosos com VPPB de canal semicircular posterior, o que ocasionou impacto na qualidade de vida dos voluntários idosos estudados. Conclui-se ainda que o tratamento realmente válido para a VPPB neste estudo foi à manobra de Epley, sem restrições associadas.
Título em inglês
Variations on Epley manuever in benign paroxysmal positional vertigo treatment of posterior canal for canalithiasis in elderly
Palavras-chave em inglês
Dizziness
Elderly
Rehabilitation
Resumo em inglês
Benign Paroxysmal Positional Vertigo (BPPV) is the most common peripheral vestibulopathy in adults, especially in aged people and presents the utricle degeneration as the most common etiology in this population. It is characterized by rotating dizziness and positional nystagmus to the cephalic movements or by determined body movements and, as a result, can cause falls and quality of life restrictions, making them physically and emotionally limited. The present study had as objective to compare the efficacy of variations on Epley maneuver, in order to provide the patient increasingly, fast, effective and comfortable treatment. Fifty three volunteers took part of the study with otorrinolaringologic diagnostic hypothesis of BPPV of posterior semicircular canal for cupulolithiasis or canalithiasis, at ages between 60 and 91 years old, average 67,19 years old. Concerning the genre, 38 (71,7%) were women. The patients were distributed randomly in three groups according to the pre-determined treatment, in other words, in group A, 23 patients were submitted to the Epley maneuver associated to the use of cervical collar and post-maneuver instructions, meanwhile, in group B, 15 patients were submitted to the Epley maneuver with no cervical collar and/or post-maneuver restrictions. At last, in group C, 15 patients were submitted to the Epley maneuver associated to the use of a mini-vibrator, applied on the mastoid during the maneuver, with no cervical collar and/or post-maneuver restrictions. In BPPV treatment by vestibular rehabilitation the number of maneuvers varied from one to three, and this number was not different among the studied groups. The questionnaire (Dizziness Handicap Inventory - DHI) was applied previously and afterwards VR to quantify the aspects of dizziness: physical, emotional, functional and general. Concerning these aspects, it was observed a significant statistical difference (p<0,001) among the scores previously and afterwards Vestibular Rehabilitation to the analysed groups (A, B, C). It was concluded that the scores of the analysed aspects in DHI were improved after speech pathological intervention by VR in patients with posterior semicircular canal BPPV, that caused impact in the life quality of the studied volunteers regardless the Epley maneuver variation chosen to this treatment. It is also concluded that the real valid treatment for BPPV was the Epley maneuver, with no restrictions.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
tese.pdf (1.95 Mbytes)
Data de Publicação
2008-07-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.