• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.17.2009.tde-03042009-164343
Documento
Autor
Nome completo
Marcelo Rodrigues
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2009
Orientador
Banca examinadora
Paz, Claudia Cristina Paro de (Presidente)
Faro, Lenira El
Munari, Danisio Prado
Título em português
Impacto da utilização da somatotropina bovina (bST) sobre a produção de leite e a avaliação genética de bovinos da raça Holandesa
Palavras-chave em português
Avaliação Genética
Bovinos Leiteiros
Correlação de Spearman
Somatotropina Bovina
Resumo em português
O objetivo do presente trabalho foi estudar a influência do uso da somatotropina bovina (bST) sobre a produção de leite e a avaliação genética de bovinos da raça Holandesa. Para análise foram utilizados dados referentes a 474 touros e observações referentes a 3341 lactações de 1271 vacas, provenientes da Agropecuária Agrindus - S.A no estado de São Paulo no período de 1999 a 2003. Análise de variância (método dos quadrados mínimos) foi realizada pelo procedimento GLM do SAS® (2003), visando identificar o efeito da classe de aplicação do bST sobre a produção de leite aos 305 dias de lactação (PL305). Os valores genéticos preditos dos touros (PBV), componentes de variância e herdabilidade para a característica PL305 foram estimados utilizando-se um modelo animal a partir de duas análises; na primeira incluiu-se o efeito do bST como fixo e na segunda o referido efeito foi ignorado. Foram calculadas correlações de Spearman entre PBV dos touros para quatro conjuntos de touros avaliados: a) todos os touros; b) os melhores 20%; c) os melhores 10% e d) os melhores 5%. As médias da PL305 para as classes de bST foram 9175,11kg - sem bST, 9530,94kg - de 11 a 20 aplicações, 10150,57kg - de 21 a 30 aplicações e 11089,89 Kg de 31 a 59 aplicações. As herdabilidades foram respectivamente de 0,26±0,00 e 0,23±0,00 para as duas análises e as correlações entre os valores genéticos preditos para os conjuntos de touros a, b, c e d foram, respectivamente, 0,9484, 0,9829, 0,9752 e 0,8974. A análise de variância demonstrou as médias de PL305 aumentaram significativamente (P<0,0001), com o aumento do número de aplicações do bST. Os coeficientes de herdabilidade, embora relativamente baixos, indicam possível ganho genético, por meio de seleção, para produção de leite. As altas correlações de Spearman entre os valores genéticos dos touros, considerando-se ou não o uso do bST no modelo, indicam que o uso desta tecnologia não interfere na classificação dos touros avaliados geneticamente.
Título em inglês
Impact of bovine somatotropin (bST) on the milk yield and genetic evaluation of Holstein cattle
Palavras-chave em inglês
Bovine Somatotropin
Bovinos Leiteiros
Genetic Evaluation
Mi
Spearman Correlations
Resumo em inglês
The aim of this study was to investigate the influence of the use of the bovine somatotropin (bST) on the milk production and the bovine genetic evaluation of Holstein cattle. Data regarding 474 bulls and observation concerning 3341 lactations of 1271 cows from the Agrindus Agriculture and Cattle Raising S.A. in the state of São Paulo, Brazil, between 1999 and 2003 were used for the analysis. The variance analysis (the minimum square method) was performed by the GLM procedure of the SAS® (2003) for identify the effects of the application class of the bST on the milk production at 305 days of lactation (PL305). For the bulls, the predicted breeding values (PBV), variance components and heritability for the PL305 characteristic were estimated using an animal model from two analyses; in the first, the bST was considered as fixed effect and in the second, the effect of bST was ignored. Spearman correlations between PBV for four sets of evaluated bulls were calculated: a) all bulls; b) the best 20%; c) the best 10% and d) the best 5%. The PL305 averages for the bST classes were 9175.11kg without bST; 9530.94kg from 11 to 20 applications; 10150.57kg from 21 to 30 applications; and 11089.89kg from 31 to 59 applications. The heritabilities were 0.26±0.00 and 0.23±0.00 respectively for both analyses and the correlations between the PBV for a, b, c, and d bull sets were, respectively, 0.9484, 0.9829, 0.9752 and 0.8974. The variance analysis demonstrated that the PL305 averages increased significantly (P<0.0001) with the increase of number of bST applications. The heritability coefficients, although relatively low, indicate a possible genetic gain, by selection, for milk production. The Spearman high correlations between the PBV of bulls, considering or not the bST use in the model, indicate that the use of this technology does not interfere in the genetically evaluated bulls classification.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2009-04-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.