• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.12.2004.tde-10112004-212943
Documento
Autor
Nome completo
Manuel Antonio Molina-Palma
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2004
Orientador
Banca examinadora
Sbragia, Roberto (Presidente)
Assad, Ana Lucia Delgado
Campanario, Milton de Abreu
Kruglianskas, Isak
Mello, José Manoel Carvalho de
Título em português
A capacidade de inovação como formadora de valor: análise dos vetores de valor em empresas brasileiras de biotecnologia
Palavras-chave em português
biotecnologia
Capacidade de inovação
cultura organizacional
gestão da inovação tecnológica
processos internos
relações interorganizacionais
vetores de valor
Resumo em português
Trabalhos acadêmicos têm procurado explicar o impacto do uso estratégico da tecnologia no desempenho das empresas e identificar as práticas adotadas pelas empresas para o gerenciamento de sua estratégia tecnológica, bem como a relação desta com a sua competitividade. Porém, o entendimento da inter-relação entre os fatores que geram o processo de inovação e seu impacto econômico sobre as empresas ainda é deficiente. Neste sentido, na busca de elementos que possam contribuir para minimizar esta lacuna, este estudo procurou um melhor entendimento sobre a relação entre a capacidade de inovação e a formação de valor, através da identificação dos vetores de valor da capacidade de inovação capazes de gerar fluxos de caixa que contribuam para a formação de valor da empresa. A capacidade de inovação foi definida como o potencial interno para gerar novas idéias, identificar novas oportunidades no mercado e desenvolver uma inovação comercializável através dos recursos e competências existentes na empresa. Operacionalmente, a capacidade de inovação é um construto formado pela inter-relação sinérgica de sua cultura organizacional, de seus processos internos e de suas relações interorganizacionais. Estudos de casos múltiplos foram realizados em cinco empresas que trabalham com produtos e processos biotecnológicos. Foram observados valores e comportamentos peculiares da cultura organizacional, alguns processos internos característicos das empresas inovadoras e as relações interorganizacionais. Dentre os processos internos, foram analisados a gestão da carteira de projetos, a formulação e implementação da estratégia da empresa e a forma de assegurar uma melhor contribuição dos profissionais de P&D para a empresa. Através do uso de Mapas Cognitivos, foram identificados os traços dos vetores de valor da capacidade de inovação e a forma como estes vetores se inter-relacionam. A análise comparativa dos mapas traçados em cada caso estudado revelou serem o fator humano e a gestão participativa potentes vetores de valor, os quais não foram contemplados nas premissas deste estudo e devem ser estudados com maior profundidade em estudos posteriores.
Título em inglês
The innovation capacity as value constructor: analysis of value drivers in Brazilian biotechnology companies
Palavras-chave em inglês
biotechnology
innovation capacity
internal processes
management of technology innovation
networking
organizational culture
value drivers
Resumo em inglês
Academic works have tried to explain the strategic use of technology and its impact in the companies’ performance, and to identify practices adopted by companies for the management of their technological strategy, as well as the relation of these with its competitiveness. However, the understanding of the relationship between factors that generate the innovation process and its economic impact on companies is still deficient. In order to minimize this gap, this study searched for a better agreement on the relationship between innovation capacity and the formation of value by identifying the existing value drivers in the innovation capacity capable to generate cash flows that contribute to the company value capture. Innovation capacity was defined as the internal potential to generate new ideas, identify new opportunities in the market and develop a marketable innovation by leveraging existing resources and competences. Operationally, innovation capacity is a construct formed by the synergistic interrelationships of its organizational culture, its internal processes and networking. Five biotechnology companies were analyzed through multiple case studies. In each case, particular attention was given to values and behaviors of the organizational culture, some characteristic internal processes of the innovative companies and their networking. Among internal processes, project portfolio management, strategy formulation and implementation and the way to assure a better contribution of the R&D personnel were analyzed. Using Cognitive Maps, it was possible to identify the innovation capacity value drivers and the way they interact. The comparison of the cases showed that human factors and participative management are powerful value drivers. Since these two factors have not been contemplated in the premises of this study, they need to be extensively analyzed in future studies.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
TMolina.pdf (5.86 Mbytes)
Data de Publicação
2005-01-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.