• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2019.tde-31102018-110821
Documento
Autor
Nome completo
Marcela Minatel Locatelli
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2018
Orientador
Banca examinadora
Silva Filho, Demóstenes Ferreira da (Presidente)
Fonseca, Renata Cristina Batista
Pellegrino, Paulo Renato Mesquita
Ribeiro, Felipe Martello
Título em português
Ecologia da paisagem para o planejamento da infraestrutura verde da cidade de São Paulo, SP
Palavras-chave em português
Áreas verdes
Espaços vegetados
Métricas da paisagem
Planejamento urbano
Resumo em português
As cidades impõem o mais severo e complexo conjunto de modificações no meio físico e biótico, constituindo-se em um filtro ambiental com fortes efeitos negativos sobre a biodiversidade. No entanto, quando sua infraestrutura verde é planejada adequadamente, esses efeitos são minimizados. A infraestrutura verde consiste em uma rede interconectada de espaços permeáveis e vegetados, que fornece serviços ecossistêmicos essenciais para a qualidade de vida das pessoas e para a conservação da biodiversidade urbana. Apesar de reconhecida a importância dessa temática, poucos estudos tem sido desenvolvidos nas cidades brasileiras. O presente trabalho teve como objetivo propor uma metodologia para o diagnóstico e planejamento da infraestrutura verde da cidade de São Paulo, SP, com auxílio de métricas da ecologia da paisagem. A área e a forma dos fragmentos de vegetação arbórea-arbustiva foram analisadas por meio de métricas de área (AREA) e forma (SHAPE), enquanto a conectividade entre os fragmentos foi analisada por meio do Índice de Proximidade (PROX). A partir da morfologia dos fragmentos de vegetação foi possível identificar os espaços prioritários para a conservação da biodiversidade, e os espaços com potencial para uso multifuncional. Já a partir do resultado do Índice de Proximidade foram identificados os fragmentos mais isolados no tecido urbano, considerando os aspectos biológicos de aves com diferentes graus de sensibilidade à fragmentação da paisagem. Esses fragmentos encontram-se, predominantemente, na região central de São Paulo. Visando a conexão dos dois fragmentos prioritários para a conservação da biodiversidade identificados na pesquisa, foram simulados corredores verdes, utilizando caminhos de menor custo e considerando aspectos biológicos das aves, como capacidade de deslocamento e adaptabilidade ao meio urbano. Também foram identificados os fragmentos mais importantes para a conectividade da paisagem, e que, portanto, merecem maior atenção. Os corredores verdes obtidos perpassam toda a área de estudo no sentido norte-sul, e além de conectarem os fragmentos de interesse, aumentam a permeabilidade da região central, provendo benefícios, como conforto térmico, redução do escoamento superficial, redução de ruídos e poluentes, dentre outros. Por fim, foram apresentados incentivos e estratégias para a implementação do corredor verde. A abordagem proposta neste trabalho buscou colaborar com melhorias para a cidade de São Paulo e para o avanço do conhecimento científico relacionado à infraestrutura verde, auxiliando na conservação ou recuperação dos processos naturais em áreas urbanas, e melhorando a qualidade de vida da população.
Título em inglês
Landscape ecology for green infrastructure planning in the city of São Paulo, Brazil
Palavras-chave em inglês
Connectivity
Green areas
Landscape pattern metrics
Urban planning
Resumo em inglês
The cities impose the most severe and complex set of modifications in the physical and biotic environment, constituting an environmental filter with strong negative effects on biodiversity. However, when urban green infrastructure is planned properly, these effects are minimized. The green infrastructure consists of an interconnected network of permeable and vegetated spaces that provides essential ecosystem services for urban quality of life and biodiversity conservation. Despite the importance of this theme, few studies have been developed in Brazilian cities. This study aims to propose a methodology to analyze and to improve planning of green infrastructure in the city of São Paulo by using landscape metrics. We analyzed the patches morphology by area (AREA) and shape (SHAPE) metrics, and the patches connectivity by the Proximity Index (PROX). From the patches morphology, we identify the priority areas for the biodiversity conservation and the spaces with potential for multifunctional use. From the Proximity Index result, we identify the most isolated patches in the urban area, considering the biological aspects of birds with different degrees of sensitivity to habitat fragmentation. These patches are found predominantly in the central region of Sao Paulo. We simulated least-cost paths between two priority patches for the biodiversity conservation. For this, we consider biological aspects of birds, such as dispersion capacity and adaptability to the urban environment. We also identify the most important patches for the landscape connectivity that deserve more attention. The green corridor obtained permeates the entire study area in a north-south direction, and in addition to connecting the interest patches, increases the central region permeability, providing benefits such as thermal comfort, reduction of stormwater runoff, reduction of noise and pollution, among others. Finally, we propose incentives and strategies for implementing the green corridor. This study aimed to contribute to improvements in the city of São Paulo and the advancement of scientific knowledge related to the green infrastructure, helping to preserve or restore natural processes in urban areas and improves people's life quality.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-01-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.