• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2009.tde-11022009-102619
Documento
Autor
Nome completo
Vanessa da Silveira Duarte
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2008
Orientador
Banca examinadora
Delalibera Junior, Italo (Presidente)
Bento, José Maurício Simões
Gomez, Daniel Ricardo Sosa
Título em português
Estudos bioecológicos de Neozygites floridana (Entomophthorales: Neozygitaceae) fungo patogênico de Tetranychus evansi (Acari: Tetranychidae)
Palavras-chave em português
Ácaros
Biologia molecular
Controle biológico (Fitossanidade)
Dinâmica de populações
Fungos
Solanaceae
Tomate.
Resumo em português
O ácaro vermelho do tomateiro Tetranychus evansi Baker e Pritchard é uma importante praga exótica de solanáceas na Europa e na África. Sugere-se que este ácaro tenha originado na América do Sul, região onde este não é considerado uma praga importante. Um importante inimigo natural de T. evansi no Brasil é o fungo Neozygites floridana Weiser e Muma que tem como principais características: alta virulência, restrita gama de hospedeiros e difícil crescimento in vitro. A taxonomia das espécies de Neozygites ainda é incerta, sendo que algumas espécies não podem ser separadas por caracteres morfológicos. Estudos moleculares são necessários para separar espécies e isolados de Neozygites patogênicos a ácaros tetraniquídeos. Isolados de N. floridana provenientes de T. urticae apresentam baixa virulência a T. evansi, e isolados de T. evansi apresentam baixa virulência a T. urticae. Através do seqüenciamento parcial da região 18S do DNA ribossômico de N. floridana verificou-se que o isolado de T. evansi (LQ2) apresenta 98% de similaridade ao isolado de T. urticae (LQ3), mas estes dois isolados apresentam alta divergência com outros isolados patogênicos a outros ácaros tetraniquídeos. Por exemplo, a similaridade entre dois isolados coletados em T. urticae, LQ3 e ARSEF662, é de somente 90%, indicando que os fungos identificados como N. floridana possam pertencer a diferentes espécies. Embora N. floridana seja o principal inimigo natural associado a T. evansi na maioria das regiões brasileiras monitoradas até o momento, o papel deste patógeno na regulação populacional da praga ainda não havia sido determinado. Neste estudo, monitorou-se o impacto das epizootias do patógeno nas populações de T. evansi em experimentos de campo e ambiente protegido em quatro ciclos de cultivo em mariapreta e em tomateiro com e sem aplicação de pesticidas químicos. A densidade de T. evansi foi correlacionada com a incidência do fungo e às condições ambientais. O único inimigo natural encontrados nas folhas foi N. floridana e as observações feitas demonstraram que este é um importante fator de regulação das populações de T. evansi em tomateiro, especialmente em ambiente protegido. A sua introdução nos continentes onde esta praga foi recentemente introduzida pode contribuir para a redução do seu impacto nestes locais.
Título em inglês
Bioecological studies of Neozygites floridana (Entomophthorales: Neozygiteceae), the fungal pathogen of Tetranychus evansi (Acari: Tetranychidae)
Palavras-chave em inglês
Biological Control (Phytosanity)
Fungi
Mites
Molecular Biology
Population Dynamics
Solanaceae
Tomato.
Resumo em inglês
The tomato red spider mite, Tetranychus evansi Baker and Pritchard is an important exotic pest of Solanaceae in Europe and Africa. It is suggested that this mite could have originated from South America, a region where it is not considered as an important pest. An important natural enemy of T. evansi in Brazil is the fungus Neozygites floridana Weiser and Muma that is characterized by high virulence, restricted host range and fastidious in vitro growth. The taxonomy of Neozygites species is still uncertain given that some species cannot be distinguished by morphological characteristics. Molecular studies are usually necessary for discrimination of species and isolates of Neozygites pathogenic to tetranychid mites. Isolates of N. floridana from T. urticae have low virulence towards T. evansi and vice versa. Through partial sequencing of the 18S ribosomal DNA region of N. floridana, it was verified that the isolate of T. evansi (LQ2) had 98% similarity to the isolate of T. urticae (LQ3), but these two isolates had high divergence from other isolates pathogenic to tetranychid mites. For example, the similarity between two isolates collected on T. urticae, LQ3 and ARSEF662, was only 90%, indicating that the fungi identified as N. floridana may be a species complex. Although N. floridana is the principal natural enemy associated with T. evansi in most regions surveyed in Brazil up to date, the role of this pathogen in regulation of T. evansi population has not been determined. This study monitored the impact of the epizootics of the pathogen on populations of T. evansi in experiments both in the field and protected environments in four planting dates on nightshade and tomato with and without pesticide applications. The density of T. evansi was correlated with the prevalence of the fungus and the environmental conditions. The only natural enemy observed was N. floridana and the data revealed that is the fungus is an important factor in the regulation of T. evansi populations in tomato, especially in protected environment. Its introduction to continents where this pest was recently introduced may contribute to the reduction of its impact in these regions.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Vanessa_Duarte.pdf (1.07 Mbytes)
Data de Publicação
2009-02-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.