• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.11.2015.tde-10042015-101358
Documento
Autor
Nome completo
Márcio Alves Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2015
Orientador
Banca examinadora
Vendramim, José Djair (Presidente)
Yamamoto, Pedro Takao
Boiça Junior, Arlindo Leal
Correa, Alberto Soares
Paranhos, Beatriz Aguiar Jordão
Título em português
Perspectiva do emprego de limonoides do nim (Azadirachta indica) no controle comportamental de Ceratitis capitata (Diptera: Tephritidae)
Palavras-chave em português
Agroecologia
Aleloquímicos
Fruticultura
Manipulação comportamental
Moscas-das-frutas
Produtos naturais
Resumo em português
Visando contribuir para o manejo de moscas-das-frutas em parreirais de uva, inicialmente determinou-se, neste estudo, a concentração limiar dos limonoides azadiractina e 3-tigloilazadiractol (AzaMax®) capaz de inibir completamente a oviposição de Ceratitis capitata em frutos de uva. Em seguida, foram averiguados os estímulos envolvidos na inibição da oviposição da praga pelos referidos limonoides. Posteriormente, avaliou-se a proteção do parreiral de uva pelos limonoides contra C. capitata no polo de produção de Petrolina/PE, Brasil. Finalmente, foi avaliada a atividade biológica residual dos limonoides sobre a praga em parreiral de uva no polo de produção de Petrolina. A concentração limiar para a completa inibição da oviposição de C. capitata se dá com 100 ppm de azadiractina (+ 28,5 ppm de 3-tigloilazadiractol) na superfície de frutos de uva. A inibição da oviposição é drástica a partir de 50 ppm de azadiractina (+ 14,3 ppm de 3-tigloilazadiractol) em situação de chance de escolha do hospedeiro. A seleção hospedeira de C. capitata não é afetada por concentração igual ou inferior a 7,5 ppm de azadiractina (+ 2,14 ppm de 3-tigloilazadiractol) na superfície de frutos de uva. A concentração limiar de 100 ppm de azadiractina (+ 28,5 ppm de 3-tigloilazadiractol) impede que o hospedeiro seja reconhecido pela praga em função dos estímulos que promovem a inquietação (irritação), locomoção e consequente dispersão da praga. Assim, os limonoides (AzaMax®) podem ser qualificados como repelentes com baixa capacidade de difusão. Os limonoides em alta concentração ocasionam mortalidade sobre C. capitata, porém não evitam que os cachos ou frutos de uva sejam injuriados e ou infestados por C. capitata numa condição de baixa população natural ou artificial em campo. As conclusões registradas corroboram a hipótese de que são necessárias mais investigações pormenorizadas para avaliação do efeito de limonoides do nim sobre C. capitata em campo. A perspectiva de controle comportamental de moscas-das-frutas utilizando limonoides do nim foi discutida, com especial referência para C. capitata em parreirais de uva.
Título em inglês
Employment outlook of neem limonoids (Azadirachta indica) in the behavioral control of Ceratitis capitata (Diptera: Tephritidae)
Palavras-chave em inglês
Agroecology
Allelochemicals
Behavioral manipulation
Fruit flies
Fruit growing
Natural products
Resumo em inglês
Aiming to contribute to the management of fruit flies in the vineyards, this research initially determined the concentration threshold of limonoids azadirachtin and 3-tigloylazadirachtol (AzaMax®) able to completely inhibit oviposition of Ceratitis capitata in grape fruits. Then the stimuli involved in the inhibition of oviposition of C. capitata by these limonoids were investigated. Subsequently, we evaluated the vineyard protection by limonoids against fruit flies in the production pole of Petrolina - PE, Brazil. Finally, we evaluated the residual biological activity of limonoids on C. capitata in vineyard in the production pole of Petrolina. The threshold concentration for complete inhibition of oviposition of C. capitata is 100 ppm of azadirachtin (+ 28.5 ppm of 3-tigloylazadirachtol) on the surface of grape fruits. The inhibition of oviposition is drastic from 50 ppm of azadirachtin (+ 14.3 ppm of 3-tigloylazadirachtol) with free choice of the host. The host selection by C. capitata is not affected by concentration equal to or less than 7.5 ppm of azadirachtin (2.14 ppm of 3-tigloylazadirachtol) on the fruits surface. The threshold concentration of 100 ppm of azadirachtin (+ 28.5 ppm of 3-tigloylazadirachtol) prevents the host to be recognized by C. capitata depending of the stimuli that promote caring (irritation), locomotion and consequent dispersion of insect. Thus, the limonoids (AzaMax®) can be qualified as repellents with low diffusion capacity. The limonoids in high concentration (AzaMax®) cause mortality of C. capitata, but do not prevent the injury and or infestation on grape clusters by C. capitata in a condition of low natural or artificial population in the field. The findings reported support the hypothesis that more detailed assessment for the effect of neem limonoids on C. capitata in field investigations are necessary. The perspective of behavioral control of fruit flies using neem limonoids was discussed, with special reference to C. capitata in vineyards.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-04-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.